• Augusto Mario | Sábado, 11 de Julho de 2020, 16h08
    8
    6

    Seria muito ruim para a imagem da Assembleia Legislativa, aceitar a indicação de um Tecnocrta que já é Procurador do Estado, como é esse Rogerio Gaallo,que tem um salário de marajá de 45 mil reais, e vem sendo o caixa forte do Mauro Mendes desde a Prefeitura de Cuiabá, e AGORA é o ALGOZ da Assembçleia Lgislativa nesse Governo. Tenha coragem como os Deputados da Legislatura de 1975 que recusaram a indicação do então Governador José Garcia Neto, do nome do antigo Presidente do BEMAT Enio de Souza Vieira para Conselheiro do TCE, voces senhores deputados tem que dar o troco nesse...

  • O atalaia | Sábado, 11 de Julho de 2020, 13h13
    5
    2

    Nos, os cidadãos honestos de MT, esperamos que Gallo, se for mesmo para o TCE ( muitos duvidam), não seja mais um Waldir Teis, que se deixou seduzir por propina de Silval e se encontra preso, confirmando que foi mais um agente público desonesto, originàrio de outro Estado, que se aportou em Mato Grosso, para enriquecer-se ilicitamente.....

  • Luiz | Sábado, 11 de Julho de 2020, 12h53
    6
    7

    Araqueto, vc foi muito econômico na sua comparação, o Gallo está em outro patamar tanto na competência, quanto na moral e idoneidade! Enfim, são incomparáveis, se o MM indicá-lo teremos um Grande Conselheiro no TCE.