• LAURO EUBANK | Segunda-Feira, 11 de Janeiro de 2010, 09h59
    0
    1

    Prezado Romilson, li atentamente a sua materia, principalmente no que se refere a visita do Senador Jaime Campos a Pocone e da alianca entre Wilson e Jaime. Essa Coligacao e tao licita como foi a de Julio e Bezerra. Sofremos muito para justificar aquela uniao, e, amargar a derrota. Acompanhei Jaime desde crianca, porem quando precisei nao tive o seu apoio. Em 2000, nao pode vir a Pocone por que estava cuidando de Varzea Grande. Em 2004 nao veio por que cuidava de Julio. Entao nao foi a minha saida do DEM que possibilitou a Uniao de Jaime e Wilson. Simplesmente entendo que agora e o momento do novo e o novo para mim e Mauro Mendes. POr outro lado, e junto ao PSB que vislumbro a possibilidade de Pocone e Pantanal voltar a ter representacao na Assembleia Legislativa. Forte abraco. LAURO EUBANK

  • Carla | Domingo, 10 de Janeiro de 2010, 20h07
    0
    1

    É muita cara de pau do Leôncio, mama no governo com cargo comissionado e acompanha Jaime Campos em reuniões onde se detona o atual governo do Estado. Quando digo que mama é pq a situação da Empaer está vergonhosa sob sua administração, ou seja ele nada tem feito. Entrgue o cargo e depois vá fazer oposição.

  • B | Domingo, 10 de Janeiro de 2010, 09h14
    0
    0

    A reunião realizada pelo DEM na cidade de Poconé tem tudo para virar piada no meio politico de Mato Grosso. Pois as presenças dos antigos fundadores da Arena, PFL e agora DEM, Branco de Barros, Tom Spinelli, Oscar Ribeiro e outros Sauros, somente revela a barca furada que esta candidatura. A presença de velhos politicos que se aposentaram e vivem as custas do erário público como Marajás( diversas aponsetadorias como ex- deputado, ex-professor e acumulando a de conselheiros) somente dará munição para desbancar este sonho do Milionário Jaime Campos. A presença do Prefeito de Poconé e do Pres. Da Camara Ney Rondon, não deve ser contado, pois os dois seguem a cartilha do Deputado Riva, obedecendo cegamente suas ordens. E o mais hilário, para quem conhece a politica poconeana, será ver no mesmo palanque , o EX Prefeito Euclides, a Ver. Ornella que brigam ate hoje pelo comando do PSDB municipal. E o pior, falar mal de Blairo Maggi, com certeza não é um discurso que convença o eleitorado que muito sofreu nas maõs da familia Campos, principalmente os professores que não se esquecem da caneta e da banana que o ex Julio campos deu para os funcionarios à epoca em greve e com sálarios em atraso, que por sinal nunca aconteceu no Gov. Blairo Maggi. Não foi um bom começo...