• Paulo Márcio | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 16h30
    1
    0

    Pelo que conheço da história da Defensoria Pública de MT essa agitação é fruto 'daquela tchurma' que administrou até pouco tempo o Órgão e, depois que perdeu o cargo, vive só armando complôs...será que não tem o que fazer?

  • João Pedro Cal | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 15h01
    0
    0

    Como ja dito, não existe greve, e sim dois ou tres defensores maguados querendo queimar a imagem da atual administração e acabaram por nao lembrar que queimam a si proprios. Parabens Dr. Djalma Sabo Mendes Junior pela excelencia em administração, correta e inteligente.

  • Salvador | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 10h49
    0
    0

    NÃO EXISTE MOVIMENTO NENHUM A RESPEITO DE GREVE. EXISTE SIM, 2 OU 3 QUE ESTÃO QUERENDO DENEGRIR A IMAGEM DA DEFENSORIA PÚBLICA. A MAIORIA DOS DEFENSORES ESTÃO PROCURANDO TRABALHAR CADA VEZ MAIS PARA ATENDER OS NECESSITADOS.