Judiciário

Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 07h:31 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

OAB

Advogados debatem escândalos envolvendo magistrados de MT

Presidente da OAB-MT Cláudio Stábile   A crise institucional estabelecida no Judiciário mato-grossense incitou a Ordem dos Advogados do Brasil a promover simpósio a fim de debater práticas de desvios de dinheiro, nepotismo e venda de sentença na esfera. O debate deve acontecer no final de abril. A ideia é discutir medidas para evitar danos à prestação jurisdicional. “Nossa preocupação é que essa crise se alastre para uma situação irreversível, atingindo diretamente a sociedade”, disse o presidente da seccional Mato Grosso, Cláudio Stábile.

   O simpósio deverá contar com a participação de representantes do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que nos últimos dois meses determinou as aposentadorias compulsórias de 11 magistrados. Terão suas atitudes analisadas pelos advogados os desembargadores José Ferreira Leite, José Tadeu Cury e Mariano Alonso Travassos, e dos juízes Marcelo Souza Barros, Antonio Horácio da Silva Neto, Irênio Lima Fernandes, Marco Aurélio dos Reis Ferreira, Juanita Clait Duarte, Graciema Ribeiro Caravellas e Maria Cristina Oliveira Simões, punidos por participação em esquema de desvios de recursos públicos para beneficiar a maçonaria.

   A situação do desembargador José Jurandir de Lima, aposentado compulsoriamente por prática de nepotismo, também será ressaltada no debate. O desembargador Paulo Lessa, que havia contratado auditoria para investigar a folha de pagamentos que serviu de fonte de informação para a punição de 10 magistrados e, agora, é investigado por suposta contratação ilegal da empresa auditora, também será analisado. Entra também para a lista de debates a investigação sobre venda de sentença, da qual se aguarda resultados.

  Stábile também vai convidar para o simpósio o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador José Silvério Gomes, e representantes do quinto constitucional da Ordem junto ao TJ, sendo eles os desembargadores Rubens de Oliveira, Maria Helena Póvoas e Luiz Ferreira da Silva. Também devem participar membros do Ministério Público, Defensoria Pública e Procuradoria do Estado.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Olivaldo. | Domingo, 20 de Fevereiro de 2011, 08h45
    0
    0

    É uma pouca vergonha essa Justiça de Mato Grosso. Depois querem que o povo confie nela. Mande todos os envolvidos pra cadeia, onde é o lugar deles, e não aposentadorias milionárias as custas do povo!!!!

  • zequinha de abreu | Sábado, 03 de Abril de 2010, 07h17
    0
    0

    caro presidente . ficar soh na conversa em palestras não funciona . precisa apurar os fatos e os responsaveis , inclusive os lobistas parentes e advogados .

  • Lucmorena | Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 15h25
    0
    0

    O que o sujo quer falar do mau lavado. Conforme reportagem passada hoje na TVCentro América, a sujeira já começa na própria OAB, quando não investiga seus próprios.

  • Justiça | Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 09h13
    0
    0

    É o momento da OAB formalizar e mostrar o seu verdadeiro compromisso com a sociedade Matogrossense, de ordenar o que diz respeito a justiça. E que seja feita!

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.