Judiciário

Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 07h:41 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:26

OPERAÇÃO ASAFE

Castrillo fica irritado enquanto Alcenor "jura" que é inocente

André Castrillo   O advogado André Castrillo, ouvido pela Polícia Federal na última sexta (21) durante a Operação Asafe sob a suspeita de envolvimento em casos de venda de sentenças, desconversou quando perguntado sobre sua participação. "Eu não tenho nada para falar com vocês", irritou-se. Ele garante que só vai se pronunciar ao término das investigações. Castrillo e seu genro, Eduardo Gomes, defendiam Diane Alves, esposa do ex-prefeito de Alto Paraguai, Alcenor Alves, e segunda colocada nas eleições de 2008. De acordo com depoimento do próprio advogado, ele teria desistido da causa por falta de pagamento dos honorários.

   Em outro trecho de seu depoimento, obtido com exclusividade pelo RDNews, Castrillo garante ao delegado federal Carlos Eduardo Fistarol que é inocente e atribui as denúncias a advogados perdedores que, incomodados com a derrota nos tribunais, dizem que os magistrados venderam sentença. “Existe quem ganha a ação e quem perde. Quem ganha diz: eu sou bom. E quando perde, diz: o juiz se vendeu. Essa frase é leviana, mas advogado não é capaz de admitir que perdeu”. Ele chegou a dizer que venda de decisões em Mato Grosso virou folclore. "Compra e venda de sentença virou folclore em Mato Grosso. Isso não existe".


   A operação aconteceu após denúncias “de que advogados e terceiros estariam manipulando decisões no âmbito da Justiça Eleitoral de Mato Grosso. As investigações apontaram o possível envolvimento de juízes e desembargadores do TJ e membros atuais e antigos do TRE em venda de sentenças. Segundo o MPF, são eles o juiz Círio Miotto e os desembargadores Evandro Stábile, José Luiz Carvalho e Donato Fortunato Ojeda, que já se aposentou.

   O ex-prefeito Alcenor, supostamente flagrado pela PF em interceptações telefônicas pedindo dinheiro para oferecer à ex-juíza do TRE, Maria Abadia Aguiar, disse que vai provar sua inocência. “A Polícia Federal tem todo o direito de investigar qualquer cidadão em território brasileiro. Não houve nenhum abuso da parte deles (PF) no que diz respeito à investigação. Posso garantir que não me sinto constrangido com os procedimentos tomados, até porque tenho a consciência tranquila. Advogo há 26 anos e sempre trabalhei em função de exercer a diplomacia”, garantiu.

   Perguntado sobre as investigações que relatam seu nome como parte de um esquema de compra de sentenças, Alcenor é categórico ao afirmar que não há nenhuma acusação contra ele. “ Não sofri nenhuma acusação. É preciso deixar claro que este é um processo investigatório. Caso eu seja acusado, aí então tomarei as providências cabíveis”, argumentou.

   Os advogados estavam detidos no 3º Batalhão da Polícia Militar por suspeita de envolvimento em esquema de venda de sentenças. Entre os advogados que ganharam a liberdade neste domingo (23) estão Célia Cury, mulher do desembargador aposentado José Tadeu Cury, o ex-chefe de gabinete do magistrado, Jarbas Nascimento, Alexandre Jacarandá e Rodrigo Vieira. Não houve pedido de prorrogação das prisões. As investigações prosseguem no Superior Tribunal de Justiça e pela Polícia Federal.

   A  Operação Asafe é resultado de uma apuração que começou há três anos, quando a Polícia Federal em Goiás verificou situações que envolviam possível exploração de prestígio em Mato Grosso. Os crimes investigados são de exploração de prestígio, corrupção ativa e passiva e formação de quadrilha.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • marcos antoniodd | Quarta-Feira, 26 de Maio de 2010, 10h21
    0
    0

    marcos antoniodd, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Kiara | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 22h25
    0
    0

    Tenho certeza que tudo será investigado e provado, e o Dr. André sabe que os verdadeiros amigos estão a seu lado, rezando para que fique tudo bem.

  • roberto calmom | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 15h59
    0
    0

    A GLOBO ESTA PERDENDO UM GRANDE ARTISTA, QUEM VE ESSE HOMEM FALAR LEVA ELE PARA CASA..... TODOS SABEM COMO ELE ADVOGA......CNJ ESTA AÍ

  • Emival | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 15h18
    0
    0

    Sra. Maria Angela acho que esse Castrilho e outros que vem dispontando na midia em Mt, são devotos de São Dimas.

  • Sandra Maia | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 13h33
    0
    0

    Aqui no Norte do Estado,já vem ocorendo essa pratica vergonhosa,que está ocorrendo ai em Cuiaba,aqui já ocorre há muitos anos é simplesmente vergonhoso,eu espero que a PF mais o MPF,envestiguem aqui o norte tambem, tenho certeza de que descobriram tantas que ficarão rubros de vergonha da nossa justiça que está aqui pra defender e julgar com hombridade,mas infelismente não é isto que acorre,espero Romilson que vc publique esse meu desabafo e espero que aqui tambem seja investigado.

  • Leidiane Correa | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 12h02
    0
    0

    QUEM não ficaria iritado depois de um desses tentar prejudicar o proprio advogado... inocente??? inocentes assim ta cheio no céu... eu li a materia e venho acompanhando... se pelo menos pagasse pelo serviço advocaticios acho que o Sr Castrillo ai, não sentiria tanta raiva, mas ele fez o trabalho dele e nem recebeu pelo que fez... pessoas assim deveriam mofar na cadeia...

  • PAURO ROBERTO MENEZES SILVA | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 11h52
    0
    0

    CASTRILLO.... amigo, conte comigo!!! Sei se de sua inocencia... acreditamos nela... Essas criticas servem apenas pra constatar o que já sabiamos... as pessoas se incomodam com vc, por ser um cara justo e bom, e pessoas como esse ALCENOR ALVES, achou que podia usar de sua boa vontade para te predujicar, até porque está mais que obvio se o Senhor estivesse vendido essa sentença TERIA GANHO, mas pessoas cegas e tolas esquecem de analisar e ver os fatos como são. Um bom advogado sabe ganhar mas também sabe perder, assim como vc.. Fica em paz amigo, essa nuvem preta irá passar... Um abraço.

  • José Murilo Santos | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 11h34
    0
    0

    DR. ANDRE... VOCÊ SEMPRE FOI E SEMPRE SERÁ REFERENCIA EM PESSOA E PROFISSIONAL. SE TENTARAM PUXAR SEU TAPETE NAO CONSEGUIRAM. PARABENS... TODOS NÓS SABEMOS DA VERDADE. OBRIGADO E ESTAMOS COM VC, JOSE E FAMILIA.

  • Maria Angela | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 11h32
    0
    0

    SR.ANDRE CASTRILLO, quero deixar aqui registrado minha solidariedade a sua pessoa, pois sabemos que é apenas boatos... como a desse Coitado do Sr Fernando que tenta mas nao consegue pois como um advogado chama para estorquir... e se isso aconteceu pq se calou???? mentiras e mais mentiras... quem não sabe que es um religioso e devoto a Nossa Senhora...!!! Caro Amigo André..., por mais que nao tenhamos uma amizade de anos e confidencias, sabemos a pessoa maravilhosa que é... que sempre foi... se tem alguem aqui que o condene, nao se preocupe são pessoas baixas e pequenas que por algum motivo o tem longe e nao tiveram a oportunidade de te conhecer, caso nao seja isso, é pura inveja... Um abraço meu amigo!!

  • GONÇALINA BEIRA RIO | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 10h14
    0
    0

    GONÇALINA BEIRA RIO, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Com certidão pra disputar 1ª suplência

dito lucas 400 curtinha   Filiado ao Podemos, Dito Lucas (foto), que entrou de última hora como primeiro-suplente da chapa ao Senado encabeçada por José Medeiros, assegura que vai apresentar novamente sua certidão junto à Justiça Eleitoral, de modo a provar que sua candidatura é legítima....

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...