Judiciário

Sábado, 07 de Dezembro de 2019, 07h:53 | Atualizado: 07/12/2019, 08h:44

CANDIDATURAS LARANJA?

6 candidatas não tiveram votos na eleição que provocou cassação de 9 vereadores

Reprodução

C�mara Ipiranga do Norte

Todos os nove vereadores de Ipiranga do Norte tiveram o mandato cassado por causada de candidaturas laranjas

Seis mulheres foram candidatas em 2016 em Ipiranga do Norte e tiveram um total de zero votos. A situação culminou em uma Ação de Impugnação de Mandato Eleitoral (AIME) movida pelo Ministério Público Estadual (MPE) com decisão em 1ª instância pela cassação dos mandatos dos nove vereadores que formam a Câmara. Cabe recurso ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT).

A chapa “União e Confiança por Ipiranga” era formada pelo PDT, PSDB, PSD e PSB. Já a “Ipiranga em Primeiro Lugar” colocou lado a lado o PP, o DEM e o SD em 2016. Somente o Pros teve candidatos avulsos naquele pleito em Ipiranga do Norte.

Daniela Alencar e Silva, a "Daniela (DEM)", Nadja Lopes de Moraes Souza, a "Nadja (SD)", Irani de Morais, a "Irani (SD)", Alexandra Santos Lima, a "Alexandra (PSDB)", Fabieli Artmann, a "Fabieli (PSB)", e Leila Maria de Melo Silva, a "Leila (PSDB)", não tiveram qualquer votação.

Daniela recebeu R$ 400 em uma única doação. Fabiano Fioreze cedeu serviços de “prestação de contas sem movimentação financeira” à então candidata. Ela não recebeu qualquer valor do Fundo Eleitoral ou do Fundo Partidário.

De acordo com o DivulgaCand, portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Nadja, Irani, Alexandra, Fabiele e Leila não enviaram suas prestações de contas de suas campanhas à Justiça Eleitoral.

Apenas Nadja e Irani declararam possuir bens em seus nomes naquele ano. Nadja declarou um Volkswagen CrossFox, avaliado em R$ 36,2 mil, e Irani tinha em seu nome uma casa no centro do município, avaliada em R$ 120 mil. As outras quatro candidatas não fizeram declaração de bens ao TRE-MT.

Ipiranga do Norte tem 3.946 eleitores, segundo dados do TSE de 2019. Desse total, 1.891 são mulheres, o que representa 47,9% dos eleitores do município. A legislação eleitoral estabelece que, pelo menos, 30% dos candidatos devem ser do sexo feminino.

O candidato eleito com menos votos no município foi o vereador Marcos Augusto de Matos Vargas, o “Marquinhos da Tupi (DEM)”. Ele recebeu 128 votos. Nenhuma mulher foi eleita em 2016 na cidade. A candidata mais bem colocada foi Susana Teixeira, a “Professora Suzana (PP)”, que teve 108 votos, sendo a 14ª colocada naquele pleito - veja, abaixo, detalhes das candidatas sem votos.

 

Outro lado

A reportagem tentou contato com os vereadores dos partidos que tiveram candidatas com zero votos em Ipiranga do Norte. Contudo, as ligações não foram atendidas. O espaço segue aberto para que elas, os partidos e os veredaores se ponunciem.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Ze valerio | Sábado, 07 de Dezembro de 2019, 10h16
    2
    0

    isso aconte em todos os municipios do estado.... olha ai a ultima colocada na eleição....nem o voto dela ela teve....

DEM-Cuiabá projeta até 4 vereadores

beto 400 curtinha   O presinte da Provisória do DEM da Capital e secretário estadual de Governo, Alberto Machado, o Beto 2 a 1 (foto), está animado com as chapas do partido construídas para o embate eleitoral. Já conta com 38 pré-candidatos a vereador e avalia que todos são competitivos. Uma das...

Chapa de Pivetta faltando um nome

adilton sachetti curtinha 400   O empresário Otaviano Pivetta continua avaliando um nome para composição de sua chapa ao Senado na suplementar de 26 de abril para a vaga da cassada Selma Arruda. A primeira-suplência deve ficar mesmo com o ex-prefeito rondonopolitano e ex-deputado federal Adilton Sachetti (foto), do PRB....

Senado, disputa interna e PT rachado

verinha_curtinha   O PT, que recebe hoje as inscrições de pré-candidatos ao Senado, deve ter apenas um nome na disputa interna, o do deputado e presidente estadual da sigla Valdir Barranco. A ex-vereadora Enelinda, com dificuldade, corre contra o tempo para se viabilizar. Enquanto isso, membros de outras correntes menos...

Falta na votação da emenda impositiva

jose medeiros 400 curtinha   O deputado José Medeiros (foto), vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara e pré-candidato a senador na suplementar de 26 de abril, explica que não procede a informação de que teria votado favorável à PEC 34/19, que assegura o orçamento impositivo de...

Feliz da vida na base e com emendas

wilson santos 400 curtinha   Wilson Santos (foto) já chegou com moral no Governo Mauro Mendes. Depois de um ano fazendo oposição ao Palácio Paiaguás, o deputado tucano se tornou governista de carteirinha. E começa a colher os dividendos. Uma de suas emendas de R$ 300 mil para ajudar na...

Voto a favor e agora contra Congresso

O pitbull do governo Bolsonaro, deputado federal José Medeiros (foto), está pegando carona num protesto, marcado para 15 de março, onde não deveria porque os seus atos não correspondem ao discurso, ao menos segundo sustentam seus adversários políticos. Contam que Medeiros foi um dos parlamentares que aprovaram o orçamento impositivo de R$ 30 bilhões, vetado pelo presidente. Eis que agora, ele próprio, defende a...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.