Judiciário

Quinta-Feira, 29 de Maio de 2014, 07h:00 | Atualizado: 29/05/2014, 18h:02

Ararath

Deputado Savi também fez negócios com delator da Ararath - confira

.

avalista_mauro_savi_1.jpg

Nota promissória em que o deputado estadual Mauro Savi foi avalista de empréstimo, delatado por Júnior Mendonça

O deputado estadual e 1º secretário da Assembleia, Mauro Savi (PR), aparece em, pelo menos, dois momentos durante as investigações do esquema de lavagem de dinheiro desmantelado pela Operação Ararath. Conforme documentos apreendidos, o republicano avalizou empréstimo de R$ 5,7 milhões para o colega José Riva (PSD), em dezembro de 2012. Dois anos antes, emprestou R$ 300 mil do empresário e delator premiado, Júnior Mendonça, em nome do sogro, Valdir Daroit.

Os valores constam em notas promissórias e folhas com anotações, que foram apreendidas no cofre que Mendonça mantinha na casa de seu pai e anexadas ao volume 3 do inquérito da Polícia Federal. Na primeira transação citada, além da assinatura de Riva, o título de crédito traz ainda o nome de Savi como avalista. O delator conta que a negociação foi feita no gabinete da Presidência da Assembleia, entre ele e o social-democrata. Em depoimento, Mendonça explica que a quantia milionária se refere a uma consolidação das dívidas decorrentes de empréstimos tomados por Riva, ou seja, uma espécie de junção de débitos não pagos.

De acordo com Mendonça, o social-democrata sempre pedia emprestadas quantias entre R$ 500 mil e R$ 3 milhões e que as transações financeiras destinadas ao deputado eram mais controladas, pois “sempre levou Riva na rédea curta” e com valores menores do que os operados ao grupo político representado pelo ex-secretário de Fazenda, Eder Moraes (PMDB). “Que esse fato se deu porque Riva não tinha a mesma credibilidade financeira perante o mercado que Blairo Maggi, este último tinha credibilidade por ser o governador e um empresário milionário, tendo lastro financeiro, ainda que pessoal para quitação dos empréstimos”, diz trecho do depoimento.

Na segunda operação financeira foi feita diretamente entre Mauro Savi e Júnior Mendonça, conforme conta o agiota. O deputado pediu que os depósitos fossem feitos na conta do sogro de forma fracionada, mediante cheques sequenciais, totalizando o valor de R$ 300 mil. Entretanto, Savi, Riva e o então deputado estadual Sérgio Ricardo aparecem como “vítimas” em outro momento do inquérito, quando Mendonça declara que tentou pressioná-lo para se proteger e “blindar” o senador Blairo em relação a fatos que viriam à tona com as investigações da PF. Dessa forma, o delator foi orientado a “jogar a culpa” do esquema de lavagem de dinheiro no governador Silval Barbosa (PMDB) e nos parlamentares citados.

Outro lado

Por meio de nota, o deputado Mauro Savi informa que sua assessoria jurídica está tomando conhecimento do inquérito da PF e assim que tiver posicionamento sobre as partes em que é citado irá se pronunciar. 

Galeria de Fotos

Credito: .
Credito: .
Credito: .

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Arcindino Cuiabano | Quinta-Feira, 29 de Maio de 2014, 16h49
    0
    0

    Arcindino Cuiabano, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Dorner vai tentar prefeitura de novo

roberto dorner 400 curtinha   Em Sinop, o empresário e ex-deputado federal por alguns meses Roberto Dorner (foto), que deixou o PSD e aderiu ao Republicanos, está disposto a encarar de novo a disputa a prefeito. Em 2016, ele perdeu para Rosana Martinelli (PR) por uma diferença de 3.388 votos. É possível que ambos...

Um líder sob insatisfação dos colegas

dilmar dal bosco curtinha 400   O líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco (foto), tem enfrentado crítica velada e insatisfação dos colegas, principalmente dos deputados da base. Reclamam que o interlocutor do governador Mauro não move uma palha em defesa da liberação das emendas e, nas...

Jogada do prefeito Francis em Cáceres

paulo donizete 400 curtinha caceres   A sete meses de concluir o mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (PSDB) lançou uma jogada estratégica para ver se "cola". Apoia publicamente para prefeito o seu diretor da autarquia Águas do Pantanal, Paulo Donizete (foto), do mesmo partido, inclusive participou da reunião...

Luta por mais leitos de UTI em Sinop

rosana martinelli 400 curtinha   A prefeita de Sinop, cidade pólo do Nortão, Rosana Martinelli (PR), demonstra preocupação com os poucos leitos de UTI do Hospital Regional no município. A unidade atende moradores de mais de 30 municípios da região e só dispõe de 10. Rosana diz esperar...

Priminho Riva deve disputar em Juara

priminho riva 400 curtinha   Dezesseis anos depois de comandar Juara por dois mandatos (1997 a 2004), Priminho Riva (foto) está de volta. Filiado ao PR, ele deve concorrer a prefeito. Político bastante popular e carismático, tende a enfrentar um páreo duro com dois nomes considerados fortes, o do ex-vice e que se tornou...

Contas de prefeita são reprovadas

thelma 400 curtinha   As contas de 2018 da prefeita chapadense Thelma de Oliveira (foto), do segundo ano de mandato, foram reprovadas pelo TCE-MT. Agora, cabe à Câmara Municipal aprová-las ou rejeitá-las. Em seu parecer, o conselheiro interino João Batista apontou 15 irregularidades, sendo 11 delas sobre...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.