Judiciário

Sábado, 25 de Maio de 2019, 15h:58 | Atualizado: 25/05/2019, 16h:18

adoção tardia

Escola do MPE debaterá visibilidade de crianças e adolescentes aptos à adoção

Assessoria

Joelson de Campos Maciel

O diretor da FESMP e promotor de Justiça Joelson de Campos Maciel em entrevista

A Escola Superior do Ministério Público (FESMP-MT) realizará um debate – em data a ser agendada - sobre a visibilidade das crianças e adolescentes aptos à adoção por meio de novas tecnologias. No Dia Nacional da Adoção (25), o diretor e promotor de Justiça Joelson de Campos Maciel destaca a necessidade de suscitar questionamentos sérios e aprofundados a respeito.

“A sociedade precisa ser esclarecida da importância de dar visibilidade às crianças num mundo guiado pela tecnologia, onde só tem valor quem tem utilidade econômica. Às vezes, um cachimbo é só um cachimbo, como diria Freud (pai da Psicanálise). Ou seja, as pessoas querem ver o que não existe”, pontuou.

Tempo de apaziguamento

Para o professor da Universidade Católica Dom Bosco em Campo Grande (MS) e pós-doutor em Estudos Culturais, Josemar de Campos Maciel, o ponto fundamental é tornar a visibilidade um tema para debates.

“As crianças não estavam sendo expostas, nem como escravos e nem como pets para serem adotadas. Elas já estavam num processo e o ponto chave era dar visibilidade a uma questão para a qual a sociedade brasileira é insensível. Parecia haver uma batalha interinstitucional totalmente desnecessária. Infelizmente, houve deturpação de imagens e informações que criou um debate que não existe. Este é um momento em que a sociedade precisa de cura, de lenitivo, de tranquilidade, de apaziguamento e não de mais lenha na fogueira”.

Josemar Maciel é mestre em Psicologia pela Universidade Católica Dom Bosco (1999) e em Teologia Sistemática pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma (1993); doutor em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2004). É professor orientador do Mestrado em Desenvolvimento Local, Programa Master em Desenvolvimento Territorial Sustentável (Master STEDE) Erasmus Mundus/Erasmus Plus e Licenciatura em Filosofia.

A polêmica

A ideia do debate surgiu a partir da polêmica provocada com o II Desfile Adoção na Passarela realizado pela Associação de Pesquisa e Apoio à Adoção (Ampara) e a Comissão da Infância e Juventude da OAB-MT em um shopping de Cuiabá, com autorização judicial.

Conforme os organizadores, as crianças e adolescentes foram consultados, desfilaram acompanhados de adultos e a ideia era estimular a “adoção tardia”, ou seja, dar visibilidade aos maiores de cinco anos e que ficam mais tempo nas Casas Lares por não preencher o perfil da maioria dos pretendentes à adoção.

A Escola Superior manifestou-se e defendeu ações positivas para fomentar a adoção.

Números

Segundo o Cadastro Nacional da Adoção (CNA), até o dia 23 de maio, havia 45.997 pretendentes e 9.526 crianças aptas para adoção no Brasil. Entre os pretendentes, apenas 6,6% incluem a possibilidade de adotar crianças acima de 8 anos. Contudo, das crianças aptas, 5.586 possuem idade entre 9 e 17 anos, o que representa 58,6% do total de crianças cadastradas.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Aumento virá se MT melhorar o Ideb

mauro mendes curtinha   O governador Mauro Mendes propõe aos profissionais da Educação, que estão em greve, conceder reajuste de 7,6%, mas se o Estado atingir duas metas. E uma delas dependerá da atuação em sala de aula dos próprios educadores. Esse aumento virá quando o Executivo...

Bezerra se empolga e lança Emanuel

bezerra_curtinha   O deputado federal Carlos Bezerra, eterno presidente do MDB, fez um comentário curioso nesta terça durante o lançamento da construção de um viaduto na avenida Beira Rio, na Capital. Ele disse que políticos como ele e Emanuel têm o perfil de falar mais do que fazer. Em seguida,...

Comitiva da Bolívia e debate sobre gás

O governo boliviano vai retribuir a visita feita pelo governador Mauro Mendes em maio. Há uma pré-agenda de uma comitiva para uma reunião nesta 5ª (27) em MT, quando será debatida a retomada do abastecimento de gás natural, vendido pela Bolívia, além do fornecimento de ureia. Rafael Reis, presidente do MT Gás, diz que ainda não pode dar detalhes, mas garante que as tratativas estão avançando. Mauro, nas...

Licitações serão gravadas em Tangará

rogerio silva curtinha   Mesmo o prefeito Fabinho Junqueira se manifestando contra, a Prefeitura de Tangará da Serra e suas autarquias e também a Câmara Municipal terão agora que gravar e transmitir em áudio e vídeo todas as sessões de licitações. O projeto partiu do vereador emedebista...

Pleno escolhe novo desembargador

carlos alberto 190 curtinha tj   Nesta 5ª (27) o Pleno do Tribunal de Justiça, sob Carlos Alberto Alves, define quem vai assumir a vaga deixada pela desembargadora aposentada Cleuci Terezinha Chagas, que deixou o Pleno em janeiro. Ao total, 24 magistrados, da primeira quinta parte dos mais antigos lotados na Entrância Especial,...

Retorno e convidados de Rondonópolis

adilton sachetti curtinha   Apesar de ter se casado com Lidiane Campos longe de Rondonópolis, onde foi prefeito e pretende concorrer de novo ao mesmo posto, Adilton Sachetti fez questão de prestigiar dezenas de rondonopolitanos entre os 250 que receberam convite especial à festa matrimonial, realizada sábado, na pousada...

MAIS LIDAS

ENQUETE

Tramita na Câmara Federal o projeto 832/2019, do deputado José Medeiros, requentando uma proposta de 2007 do então deputado Jair Bolsonaro, propondo extinguir o Exame da Ordem como exigência para inscrição na OAB e, assim, poder exercer a profissão. O que você acha disso?

Concordo - esse Exame tem de acabar

Discordo - bacharel precisa, sim, se submeter ao Exame

Sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.