Judiciário

Quarta-Feira, 10 de Fevereiro de 2010, 06h:46 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

RUMO ÀS URNAS

Governador alerta Silval para equívocos no marketing político

   O governador Blairo Maggi (PR) demonstra preocupação com a estratégia de marketing adotada pelo vice Silval Barbosa (PMDB), pré-candidato ao Palácio Paiaguás. Na avaliação do republicano, coisas “insignificantes” ganham outra proporção nesta época de pré-campanha e podem, no mínimo, causar bastante dor de cabeça a Silval. “Atitudes que são normais e até insignificantes fora do período eleitoral, nesta época, porém, serão ampliadas”, disse o republicano ao ser questionado sobre a polêmica em torno das cartas enviadas por Silval a crianças e aos questionamentos em torno do “tour” que o peemedebista fará pelo Estado para entregar as máquinas adquiridas pelo governo.

   Maggi diz que, ao tomar conhecimento das correspondências, procurou Silval para conversar sobre o assunto. “Ele (Silval) me disse que não há nada demais e que não precisava me preocupar”, conta o governador. Nas cartas, com linguagem voltada ao “público infantil”, o peemedebista pede para que as crianças "levem um papo" com os pais e falem "sem medo" que "o Silval Barbosa é legal". As correspondências são enviadas por meio de mala direta desde o final do ano passado a crianças e adultos. O Ministério Público, inclusive, já denunciou Silval por propaganda fora de época – veja aqui.

   O peemedebista, por sua vez, se defende e pondera que sua equipe apenas manda cartas para demonstrar a preocupação com as crianças. “Assim os pais sabem que eu me preocupo com os filhos deles”. Perguntado se errou na estratégia, ele afirma que não. "São tantos problemas. Temos as drogas rondando as casas, quero mostrar que eu me preocupo com isso e não estou falando por causa de uma possível candidatura, mas pelos meses que ficarei à frente do governo", disse.

   Em relação à entrega das máquinas, Silva avalia que se trata de um ato natural, já que 80% dos prefeitos não acreditavam que o governo cumpriria a promessa. “O nosso governo não é como muitos que prometem e não cumprem”, alfineta o peemedebista. Ele afirma também que os questionamentos sobre suposta campanha fora de época ocorrem porque o nome dele tem crescido nas pesquisas e isso incomodaria os adversários. “Nós estamos crescendo e isso está causando reclamação”, disse o pré-candidato ao Palácio Paiaguás.

Postar um novo comentário

Comentários (22)

  • pedro mello | Terça-Feira, 23 de Fevereiro de 2010, 11h02
    0
    0

    Ninguém percebeu que este marqueteiro do Silval quer eleger o Mauro Almofada Mnendes. kkkkkkkkkkk

  • pereira | Segunda-Feira, 15 de Fevereiro de 2010, 10h16
    0
    0

    Fora, Fora. Meu Deus isso é ridiculo, usar criança para dizer pro pai que ele é bom. Caro eleitores por ai você começa a conhecer o tipo de político que é o Silval. Ele tem estrategia de baixo da manga. Dizem em alguns comentários, que as pessoas que trabalham junto com ele é que estragam, é tudo mentira, ele que é estragado devido ao seu passado.

  • Ricardo da mata | Quinta-Feira, 11 de Fevereiro de 2010, 14h58
    0
    0

    O governador tá certo. Simplório do jeito que é e nas mãos de uma equipe de incompetentes o Silval corre o risco de não ir a lugar nenhum. Carta para criancinhas, meu Deus do céu!!! Parece marketing de candidato a vereador de Matupá.

  • PAULA TEJANO | Quinta-Feira, 11 de Fevereiro de 2010, 08h35
    0
    0

    O Silval até que é boa pessoa, o problema está na tralha que ele trás junto, como alguns políticos profissionais do passado, metidos a coronéis, cujo o único objetivo em voltar ao poder é o de retirar vantagens pessoais da máquina pública. Se o SILVAL estivesse em um partido novo, sem estes encostos para levar junto, talvez ele poderia seria um governador quase tão bom quanto o Blairo.

  • MARCELO RODRIGUES | Quarta-Feira, 10 de Fevereiro de 2010, 21h41
    0
    0

    Meu Governador, deixa o SILVAL fazer campanha, ele é tão legal!!! Absurdamente declara ter contraído 28 malárias, com isso se nega a doar sangue (não dá apoio à campanha de doação), mal sabe ele quantas vidas pode salvar e ainda assim fica mandando cartinhas para nossos filhos, kkk. Grande exemplo, né?

  • João Paulo | Quarta-Feira, 10 de Fevereiro de 2010, 17h31
    0
    0

    Neste final de ano o Sr vice Governador Sinval Barbosa enviou via mensagem SMS para grande maioria dos celulares de Varzea Grande e Cuiaba , dando boas festas e feliz ano novo. Recebi pelos menos 4 vezes. A equipe do Sr Sinval acha que isso ganha votos , pelo contrario, isso é invasão de privacidade , não o conheço , não permiti ninguem enviar propaganda politica no meu celular e desaprovo esse tipo de ação. SABEMOS QUE ISSO SÓ ACONTECE EM EPOCA DE ELEIÇÃO. A C O R D A S I N V A L , ninguem mais é bobo . Contrate uma assessoria um pouco melhor.

  • Mario Geraldo | Quarta-Feira, 10 de Fevereiro de 2010, 15h25
    0
    0

    Este vice é o cúmulo! Se as próprias empresas de brinquedos têm que tomar cuidado com suas propagandas direcionadas para crianças... E o que ele está fazendo tem que ser punido como propaganda extemporânea.

  • Conceição da Rocha | Quarta-Feira, 10 de Fevereiro de 2010, 13h49
    0
    0

    É muito comodo,só agora em pleno ano politico,conseguem maquinas para entregar aos municipios,vem bem a acalhar não achão?,com isto a cada municipio que ele Silval vai usar esses maquinarios para embasar sua campanha politica,vcs achão isto certo?,até quando vai continuar esses desmandos e ninguem faz nada?.

  • juares serra | Quarta-Feira, 10 de Fevereiro de 2010, 13h12
    0
    0

    parabens silval e de politico essim como voce que o pais precisa insentivando a todas as geracoes voce vai ser o governador deste estado sem duvida nao de bola para pessoas que tem inveja de politicos humilde agora e sua vez sucesso.

  • juares serra | Quarta-Feira, 10 de Fevereiro de 2010, 13h12
    0
    0

    parabens silval e de politico essim como voce que o pais precisa insentivando a todas as geracoes voce vai ser o governador deste estado sem duvida nao de bola para pessoas que tem inveja de politicos humilde agora e sua vez sucesso.

Mauro e vitórias na briga de decretos

mauro mendes 400 A estratégia do governador Mauro Mendes (foto) de articular com os Poderes a edição do decreto de toque de recolher vem dando frutos. O governo publicou decreto impondo toque de recolher das 21h às 5h, com fechamento do comércio às 19h. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, discordou e fez...

Prefeito é intubado e pode ir para SP

Prefeito de Tapurah Carlos Alberto Capeletti   É grave o quadro de saúde do prefeito de Tapurah (432 km de Cuiabá), Carlos Alberto Capeletti (PSD). Após piora, ele precisou ser intubado nesta quinta (4). Foi internado na terça (2), após testar positivo para Covid-19, em uma UTI no Hospital 13 de Maio, em...

Setasc doou 330 mil cestas básícas

Rosamaria 400 curtinha   A Secretaria Estadual de Assistência Social e Cidadania (Setasc), sob Rosamaria de Carvalho (foto), já entregou mais de 330 mil cestas básicas desde o inicio da pandemia, sendo 110 mil em Cuiabá e Várzea Grande. E como assistência social foi considerada como serviço essencial,...

Interinos ficam sem cargos no TCE

jose carlos novelli 400 curtinha   Com o retorno dos conselheiros do TCE, Antonio Joaquim e José Carlos Novelli (foto), dois substitutos perderam os postos não apenas nas relatorias, como também ficam sem os cargos na gestão. É o caso de Isaías Lopes da Cunha, que deixou de ser ouvidor-geral, sendo...

MT perde José Afonso Portocarrero

portocarrero-400   Morreu nessa quarta  (3), aos 93 anos, José Afonso Portocarrero (foto). O ex-presidente dos extintos  Banco do Estado de Mato Grosso (Bemat)  e Loteria do Estado de Mato Grosso (Lemat)  morreu de causas naturais. Viúvo, deixa quatro filhos.  Na vida profissional, foi o responsável...

Secretários filiados e sem pretensões

Beto 2x1 400 curtinha   Presidente do DEM em Cuiabá, o secretário estadual de Cultura, Esporte e Lazer, Alberto Machado, o Beto 2 x 1 (foto), disse, em visita ao Rdnews, quando concedeu entrevista à tvweb RDTV, que alguns colegas secretários estão filiados ao partido, mas isso não significa que eles...