Judiciário

Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2014, 13h:31 | Atualizado: 23/01/2014, 14h:15

Escândalo do Maquinário

Juiz acata pedidos de Maggi e Eder e ação do Maquinário é desmembrado

Juiz federal marcou ainda nova audiência para 14 de fevereiro

Mário Okamura

maggi_maquinario_1

 

A Justiça federal deferiu pedido interposto pelo ex-governador e hoje senador Blairo Maggi (PR) e do ex-secretário de Fazenda Eder Moraes (PMDB), desmembrando os nomes deles do processo referente ao Escândalo do Maquinário. A decisão é do juiz federal substituto da 1ª Vara Ilan Presser. Ao acatar a solicitação, o magistrado expressou preocupação com a possibilidade de haver tumulto no processo em razão ao fato de existirem muitos réus. "A jurisprudência pátria alberga a possibilidade de desmembramento do processo em situações semelhantes àquela verificada nos presentes autos, em que não há litisconsórcio necessário, bem como se verifica elevado número de réus, apto a causar tumulto processual e dificultar o exercício do direito da defesa", diz trecho da decisão. 

No mesmo despacho, o magistrado ordenou a realização de uma nova audiência, desta vez para colher o depoimento das três testemunhas do caso - Valdir Pereira da Silva, Paulo Roberto da Silva e Hudson Fabiano da Costa - que não apareceram anteriormente, em 10 de dezembro. A oitiva acontecerá em 14 de fevereiro, às 15h.

Na ação, Maggi argumenta em seu favor o fato dele próprio – ao tomar conhecimento sobre a possibilidade de sobrepreço – ter solicitado a realização de uma auditoria na licitação que culminou na compra de 705 máquinas pesadas, distribuídas pelo Palácio Paiaguás às 141 prefeituras do Estado. O valor gasto com a compra foi de R$ 256 milhões, sendo identificado um superfaturamento de R$ 44 milhões. 

 Eder, Maggi, os ex-secretários de Administração e Infraestrutura Geraldo De Vitto e Vilceu Marchetti, respectivamente, passaram a ser réus no caso devido denúncia foi feita pelo advogado Antonio Sebastião Gaeta.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Rogerio Souza | Segunda-Feira, 27 de Janeiro de 2014, 15h38
    0
    0

    No intuito de ajudar!!! "Os Secretários exercem cargos de confiança para praticarem atos delegados pelo Prefeito, que os escolhe direta e imediatamente e tem a responsabilidade não somente pela escolha, mas também de fiscalizar diretamente seus atos. Por consequência, mostra-se inaceitável que, pelas dimensões da maquina administrativa e relacionamento direto, o Prefeito desconhecesse a liberação ilegal de pagamentos." (STF - AI 631841/SP, Relator Min. Celso de Melo, Julgamento 24/04/2009 (Dje – 082 05/05/2009) “É entendimento pacífico no Tribunal que o instrumento da delegação de competência não retira a responsabilidade de quem delega, visto que remanesce a responsabilidade no nível delegante em relação aos atos do delegado (v.g. Acórdão 56/1992 - Plenário, in Ata 40/1992; Acórdão 54/1999 - Plenário, in Ata 19/1999; Acórdão 153/2001 - Segunda Câmara, in Ata 10/2001). Cabe, por conseguinte, à autoridade delegante a fiscalização subordinados, diante da culpa in eligendo e da culpa in vigilando”. (Acórdão 1.619/2004-TCU-Plenário) “(...) RESPONSABILIZAÇÃO DO GESTOR PELAS ATRIBUIÇÕES DELEGADAS. FISCALIZAÇÃO DEVIDA. (…) (...) 2. Atribui-se a culpa in vigilando do Ordenador de Despesas quando o mesmo delega funções que lhe são exclusivas sem exercer a devida fiscalização sobre a atuação do seu delegado.” (Acórdão 1.432/2006-TCUPlenário)

  • laura lima | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2014, 19h58
    0
    0

    Os seguidores de Eder Moraes falam que ele é limpo... ??????

  • EMIDIO DE SOUZA | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2014, 17h03
    0
    0

    processo Escândalo do Maquinário da nada não, Blairo Maggi (PR e poderoso todos sabe do presente motos era de ouro fez enrica mais ainda, Blairo Maggi (PR quando foi governo de MT tirou o fumasse da dengue,cabo com a policia de transito em MT Asfalto todo as estrada onde ele tinha propriedade com o recurso do FETHAB e Ainda se candidatar a vice presidente da República ainda pode Ganha eleição e podre de rico nas costa do senador Jonas pinheiro,a população não elege um Líder comunitário que nem Emidio de Souza que voluntariamente luta pelos mas humildes.

  • Arcindino Cuiabano | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2014, 15h13
    0
    0

    44 dividido por 04 é igual a 11 para cada, é como se eles tivessem feito um bolão e ganhado um premio da méga sena acumulada, 11 milhões de reais para cada um, ou será que o premio foi dividido por cotas? para aquele que ficasse com a maior responsabilidade caberia a maior parte. O realmente pensa uma pessoa que mete a mão no erário e ainda tem a cara de pau de ficar na vida pública? G. De Vitto e V. Marketti pegaram a sua parte e vazaram, Blairo é Senador da Republica e Eder continuou como secretario em diversas pastas, hoje é homem de comunicação e quer ser candidato a deputado estadual, será que esse povo não injôa? Vou lustrar meu guatambu e deixa-lo preparado pra soca no lombo de quem for condenado e ainda tiver na vida publica.

  • Moreira | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2014, 13h55
    0
    0

    Vocês acreditam em Papai Noel?

Diversos cortes nas despesas da AL

eduardo botelho curtinha 400   Num período em que o Legislativo praticamente parou, assim como o Judiciário e órgãos vinculados aos Poderes, como TCE e MPE, o presidente da AL, deputado Eduardo Botelho (foto), tomou decisão correta ao cortar gastos enquanto perdurar a pandemia do coronavírus. Entre as...

Governador está tenso e preocupado

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro Mendes anda tenso e preocupado. Mesmo já tendo adotado uma série de medidas de prevenção, inclusive consideradas radicais, ele não dorme direito por causa das projeções nada otimistas de aumento nos próximos dias de casos de coronavírus em...

AL aprovará empréstimo de R$ 550 mi

A Assembleia aprovou, na convocação extraordinária desta sexta (27), dispensa de pauta para a mensagem do Executivo que pede autorização para contrair empréstimo de R$ 550 milhões junto à Caixa Econômica. O recurso será aplicado na construção de pontes de concreto em diversos municípios. Agora, a matéria entra na pauta e será aprovada pela maioria dos deputados na próxima segunda (30),...

Queda nas receitas e o salário regular

emanuel pinheiro 400 curtinha   Prefeitos de um modo geral vão conseguir pagar a folha do funcionalismo de março, na próxima semana, sem tantas dificuldades. Já para abril, a tendência é que passem apurados para manter os vencimentos em dia, por causa do reflexo negativo da pandemia do coronavírus,...

Galvan, afronta à legislação e multa

antonio galvan 400 curtinha   O presidente da Aprosoja-MT, Antônio Galvan (foto), que tentou, mas acabou desistindo da disputa ao Senado, está sempre envolvido em polêmicas, seja nas demandas do agronegócio, seja no cotidiano da política. A mais recente é que ele, juntamente com outros produtores, está...

Destaque nas ações anti-coronavírus

leonardo bortolini leo 400 curtinha   O prefeito de Primavera do Leste Leonardo Bortolin (foto) vem recebendo elogios e ganhou o noticiário nacional por medidas práticas, céleres e seguras no atendimento à população, em meio aos cuidados para prevenção ao coronavírus. Desde a semana...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.