Judiciário

Sexta-Feira, 24 de Janeiro de 2020, 17h:27 | Atualizado: 24/01/2020, 17h:34

reversão do regime

Juiz manda que "Marcinho PCC", preso por atropelar e matar adolescentes, seja solto

Marcinho PCC

“Marcinho PCC" deitado numa maca q com a cabeiça enfaixada logo após o acidente em VG

O juiz Leonardo Pitaluga, da Vara de Execuções Penais de Cuiabá, determinou a soltura do latrocida Márcio Lemos de Lima, conhecido como “Marcinho PCC". Ele estava preso desde novembro do ano passado por atropelar e matar dois adolescentes na avenida Couto Magalhães, em Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá. Márcio aparentava estar embriagado mas se negou a passar pelo teste do bafômetro. 

A decisão foi publicada nesta semana. O atropelamento aconteceu em 7 de novembro, enquanto Marcinho PCC cumpria pena no regime semiaberto. O Ministério Público Estadual (MPE-MT) pediu que ele voltasse ao regime fechado, justificando que Marcinho havia descumprindo as condições do benefício. 

No entanto, Pitaluga entendeu que o acidente causado pelo réu não justificava a recondução ao regime fechado, já que não se trata de crime doloso ou falta grave. 

Em sua decisão, no entanto, o juiz entendeu que o acidente causado por ele não impõe a reversão do regime, pois não se trata de crime doloso ou falta grave. Marcinho voltará a usar tornozeleira eletrônica e não poderá frequentar lugares inapropriados. Ele também deverá se recolher das 22h às 6h em sua casa. 

Ele já era condenado por três roubos qualificados e dois latrocínios (roubos seguidos de morte), os crimes somam mais de 50 anos de reclusão. 

O acidente 

O I30 dirigido por Marcinho bateu na moto em que estavam os adolescentes Bruno Henrique Oliveira Gomes da Silva e Helio Diogo Cassiano da Silva, ambos de 17 anos, que ficaram gravemente feridos e morreram no dia seguinte ao acidente.

No registro policial consta que uma guarnição foi acionada para atender a ocorrência, chegando ao local, constataram que o réu tinha ferimentos na cabeça assim como as outras duas vítimas que, desacordadas, foram encaminhadas ao Pronto-Socorro de VG.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Janjão | Sexta-Feira, 24 de Janeiro de 2020, 20h10
    2
    0

    Kkkkkkkkk Juiz sendo juiz

  • Janio carlos | Sexta-Feira, 24 de Janeiro de 2020, 18h43
    2
    0

    Piada de mau gosto vergonhoso nosso judiciário.

DEM-Cuiabá projeta até 4 vereadores

beto 400 curtinha   O presinte da Provisória do DEM da Capital e secretário estadual de Governo, Alberto Machado, o Beto 2 a 1 (foto), está animado com as chapas do partido construídas para o embate eleitoral. Já conta com 38 pré-candidatos a vereador e avalia que todos são competitivos. Uma das...

Chapa de Pivetta faltando um nome

adilton sachetti curtinha 400   O empresário Otaviano Pivetta continua avaliando um nome para composição de sua chapa ao Senado na suplementar de 26 de abril para a vaga da cassada Selma Arruda. A primeira-suplência deve ficar mesmo com o ex-prefeito rondonopolitano e ex-deputado federal Adilton Sachetti (foto), do PRB....

Senado, disputa interna e PT rachado

verinha_curtinha   O PT, que recebe hoje as inscrições de pré-candidatos ao Senado, deve ter apenas um nome na disputa interna, o do deputado e presidente estadual da sigla Valdir Barranco. A ex-vereadora Enelinda, com dificuldade, corre contra o tempo para se viabilizar. Enquanto isso, membros de outras correntes menos...

Falta na votação da emenda impositiva

jose medeiros 400 curtinha   O deputado José Medeiros (foto), vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara e pré-candidato a senador na suplementar de 26 de abril, explica que não procede a informação de que teria votado favorável à PEC 34/19, que assegura o orçamento impositivo de...

Feliz da vida na base e com emendas

wilson santos 400 curtinha   Wilson Santos (foto) já chegou com moral no Governo Mauro Mendes. Depois de um ano fazendo oposição ao Palácio Paiaguás, o deputado tucano se tornou governista de carteirinha. E começa a colher os dividendos. Uma de suas emendas de R$ 300 mil para ajudar na...

Voto a favor e agora contra Congresso

O pitbull do governo Bolsonaro, deputado federal José Medeiros (foto), está pegando carona num protesto, marcado para 15 de março, onde não deveria porque os seus atos não correspondem ao discurso, ao menos segundo sustentam seus adversários políticos. Contam que Medeiros foi um dos parlamentares que aprovaram o orçamento impositivo de R$ 30 bilhões, vetado pelo presidente. Eis que agora, ele próprio, defende a...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.