Judiciário

Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2020, 14h:56 | Atualizado: 04/12/2020, 15h:06

ACORDO

Justiça do Trabalho libera R$ 21 mi para pagar ex-funcionários de usinas de álcool

Reprodução

usina jaciara.jpg

As usinas Jaciara e Pantanal, da área de produção de açúcar e álcool, passaram por problemas financeiros e foram processadas pelos trabalhadores

A Vara do Trabalho de Jaciara liberou R$ 21 milhões para o pagamento de 1,4 mil ex-empregados das Usinas Jaciara e Pantanal, que produzem açúcar e álcool no município. A liberação dos recursos representa o fim de uma espera que, em alguns casos, chega a 12 anos.

O pagamento será realizado em duas etapas, sendo que a primeira teve início nesta semana. Ela contempla 723 processos e totaliza R$ 8,3 milhões. A previsão é que a outra liberação comece já na próxima semana e inclua os 756 processos restantes.

Segundo o diretor da Vara do Trabalho de Jaciara, Edson Magalhães, a unidade realizou um esforço para que os trabalhadores recebam o dinheiro até o Natal. A unidade libera os valores para a Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, que têm até 10 dias úteis para fazer o depósito nas contas indicadas.

Os valores são referentes a uma conciliação realizada entre os trabalhadores e a empresa em dezembro de 2019 e são a conclusão de um longo caminho percorrido para garantir a o pagamento dos créditos trabalhistas.

Histórico

Desde 2008, a Vara do Trabalho de Jaciara vem recebendo demandas de trabalhadores contra as usinas. As empresas e seus sócios chegaram, inclusive, a figurar na lista dos 10 maiores litigantes da Justiça do Trabalho no Estado.

Após os processos serem julgados, foi adotada uma série de medidas para encontrar bens para pagar os ex-empregados.

Os trabalhos se intensificaram a partir de 2012, quando as ações de execução movidas contra as usinas foram centralizadas em um processo piloto para facilitar os procedimentos. Elas incluíram até mesmo a desconsideração da personalidade jurídica, instituto jurídico por meio da qual os bens pessoais dos proprietários de uma empresa são utilizados para saldar os débitos.

Durante o trâmite do processo, uma propriedade rural denominada Fazenda Santa Fé, no município de Jaciara, avaliada em cerca de R$ 58 milhões, foi apontada pelos trabalhadores como alternativa para satisfazer os créditos trabalhistas. Pertencente aos sócios da executada, o imóvel foi penhorado pela Justiça comum e era um dos poucos bens livre para ser alienado judicialmente.

A Justiça do Trabalho realizou uma reserva de crédito para que parte da venda – R$ 30 milhões – fosse utilizada para pagar os débitos com os ex-empregados. O procedimento acabou por viabilizar um acordo entre os proprietários e cerca de 1400 trabalhadores, celebrado em dezembro de 2019.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

Morre mais um pastor da Assembleia

pastor jose alves de jesus 400   A Covid-19 transforma mais um pastor da Igreja Assembleia de Deus em vítima fatal. Morreu nesta terça José Alves de Jesus (foto), que presidia há vários anos o Campo Eclesiástico Autônomo da Igreja de Primavera do Leste e região. Ele estava hospitalizado com o...

Mauro e os "cabeças chatas" do CE

mauro mendes 400   O governador Mauro Mendes está disposto a conhecer a experiência da  educação pública  do Ceará, que há anos apresenta os melhores índices no Ideb e é orgulho dos irmãos Ciro e Cid Gomes, ex-prefeitos de Sobral e ex-governadores. Até pretende...

Seduc e microônibus para municípios

alan porto 400 curtinha   A secretaria estadual de Educação, sob Alan Porto (foto), tem buscado parcerias com prefeituras para construir quadras poliesportivas, laboratórios de informática e escolas, além de ampliar salas de aula, adquirir ares condicionados e microônibus escolares, de modo a atender...

Emanuel é quem mais realizou obras

emanuel pinheiro 400 curtinha   Um levantamento da empresa Percent Pesquisa & Consultoria, feita em Cuiabá entre os últimos dias 13 e 14, destaca que, na percepção de 49% dos cuiabanos, o prefeito reeleito Emanuel Pinheiro (foto) foi o que mais fez obras e serviços. Em segundo lugar, com 19,8%, é citado...

Emendas ajudam Unemat de ROO

thiago silva 400 curtinha   Em reunião com o reitor da Unemat, Rodrigo Zanin, e com o pró-reitor Alexandre Porto, o deputado estadual Thiago Silva (foto) tratou da emenda de R$ 1 milhão para manter o curso de direito e abertura do de jornalismo em Rondonópolis neste ano. E, juntos, definiram o modelo de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.