Judiciário

Quinta-Feira, 18 de Abril de 2019, 12h:29 | Atualizado: 18/04/2019, 12h:38

ATRÁS DAS GRADES

Justiça mantém presos pai e madrasta acusados de torturar o filho de 5 anos

Banco Mundial/ONU

cigarro

Criança é encontrada com queimadura de cigarro pelo corpo e com dor

Alexandre Max Nunes da Silva e Marluce Castro de Oliveira tiveram a prisão em flagrante convertidas em preventiva, nesta terça (16), em audiência de custódia no Fórum de Cuiabá. Eles são pai e madrasta acusados de espancar e torturar o menino K.L.N.S., 5 anos, no bairro Pedra 90 em Cuiabá. O casal foi encaminhado à penitenciaria.

A criança foi encontrada com marcas de queimadura de cigarro pelo corpo, machucados e até de estar com o órgão genital em carne viva. Além das agressões, o menino sofria de incontinência urinária, que o fazia não ter controle sobre xixi. Alexandre e Marluce teriam usado um elástico e enrolado no pênis do menor, como punição, pela falta de controle.

A decisão é do juiz Geraldo Fidelis, da Vara de Execuções Penais, viu que a prisão dos dois "se faz necessária". O Ministério Público Estadual (MPE) também foi a favor da prisão preventiva. Já a Defensoria Pública, que fez a defesa do casal, pediu a aplicação de penas diversas da prisão, como uso de tornozeleira.

O delito em questão é grave

Trecho da decisão

No entanto, Fidelis pontuou que a soltura pode prejudicar a colheita de provas, já que o casal pode fugir do Estado ou coagir a criança e vítimas. O juiz também considerou que, para este crime, a lei não prevê liberdade provisória. Por isso, o magistrado negou o pedido aos dois. 

"Ademais, certamente o delito em questão é grave, sendo certo que a eventual presença de condições pessoais favoráveis não teria o condão de ensejar a concessão da liberdade provisória ao flagrado", aponta.

No momento da prisão, a criança foi encaminhada a UPA. Ele passava fome e estava muito fraco. O Conselho Tutelar deverá acionar parentes para ficar com o menino; caso não encontrem, ele será levado para um abrigo.

Alexandre e Marluce foram denunciados pelo Conselho Tutelar. Os dois eram apontados por torturar a criança desde janeiro, quando passou a ficar sob os cuidados do pai e da madrasta. Eles foram presos, nesta segunda (15), pela Delegacia Especializada de Defesa dos Diretos da Criança e do Adolescente (Deddica).

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

COT do Pari segue travado até 2020

padeiro_400_curtinha   A secretaria de Infraestrutura, sob Marcelo Padeiro (foto), determinou a criação de uma Comissão Técnica de Trabalhos para estudar detalhadamente o contrato e a obra do COT do Pari, que só será retomada no ano que vem. Afinal, os trabalhos de análise, seguirão até...

Nezinho, enfim, remanejado na gestão

nezinho_400_curtinha   Mesmo com reclamações sobre a maneira burocrática e os passos lentos de Nezinho (foto) no Governo, o prefeito da Capital Emanuel demorou mais de dois anos para remanejá-lo. Ex-prefeito de Livramento e amigo de longa data de Emanuel, Nezinho agora assume a Controladoria do município. No...

Natal Solidário com prêmios valiosos

francis maris 400 curtinha   O empresário e prefeito de Cáceres Francis Maris (foto) lança nesta quarta, às 14h, na Assembleia Legislativa, mais uma campanha solidária em nome do Instituto Cometa, do Grupo Cometa, com sede em Cáceres e uma das maiores concessionárias de revenda do país. Em...

Sem elevar vaga de desembargador

carlos alberto 400 curtinha   O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha (foto), até concorda com a proposta de se aumentar o número de vagas de desembargadores, podendo subir de 30 para 35, por causa da elevada demanda e da necessidade de desafogar os processos na Justiça em...

Piran e avião de R$ 6 mi via o BNDES

valdir piran 400   O Antagonista revelou hoje a lista de beneficiários de empréstimos do BNDES para a compra de jatinhos da Embraer. E nela estão banqueiros, empresários, advogados e artistas. Um deles é o empresário mato-grossense Valdir Piran (foto), que captou nada menos que R$ 6,4...

Com mestrado e pronto para o retorno

jose carlos novelli 400 curtinha   Mesmo afastado da ativa por imposição do Supremo, em meio a um processo controverso baseado em denúncias sem prova, o conselheiro do TCE-MT, José Carlos Novelli (foto), segue se aperfeiçoando e ampliando conhecimentos. Acaba de receber diploma do curso de Mestrado...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.