Judiciário

Quinta-Feira, 12 de Março de 2020, 14h:02 | Atualizado: 13/03/2020, 11h:30

ACUSAÇÃO DE TORTURA

Ledur aposta em dois registros de relógio digital para escapar de punição - confira

Rodinei Crescêncio

 tenente Isadora Ledur

Tenente Izadora Ledur, depõe na 11ª Vara Criminal. Ela comandava o treinamento que teria ocasionado o AVC que matou o jovem Rodrigo em 2016

Durou cerca de 2h30 a audiência de instrução de processo contra a tenente Izadora Ledur nesta tarde (12). Ela responde por torturar o aluno bombeiro Rodrigo Claro, em 2016. O rapaz morreu de AVC cinco dias após passar mal em um treino, conduzido por ela. A mãe de Rodrigo, Jane, e familiares do rapaz acompanharam a audiência, na 11ª Vara Militar de Cuiabá, presidida pelo juiz Marcos Faleiros.

INÍCIO
ANTERIOR
1 de 5
Atualização Automática: LIGADA | DESLIGADA
  • 16h:20

    Fim da audiência.

  • 16h:16

    Defesa de Claro lembrou das mensagens de pavor no Whats, que o rapaz enviou à mãe dele, com medo da tenente. Ela respondeu que não ficaria em conjecturas e que não pode certificar se o rapaz tinha pavor dela.

  • 16h:13

    Defesa dos pais de Claro questionou à tenente se alguma vez ela ameaçou o aluno. "Na lagoa vai ser pior?" Izadora disse apenas que avisou que na lagoa seria mais difícil. Mas não direcionado a um ou outro aluno.

  • 16h:10

    Izadora ficou irritada com a defesa dos pais de Claro, quando ela questionou se um aluno pedindo "pelo amor de Deus para parar" não sabe o que diz. "Por favor, não coloque palavras na minha boca".

  • 16h:08

    Izadora disse à defesa dos pais de Claro que os depoimentos dos alunos, colegas da vítima, nos autos, não são confiáveis quando dizem que houve excesso, porque não sabem direito os parâmetros para definir isso.

  • 16h:02

    Advogado dos pais do aluno Rodrigo Claro, Júlio César lopes, perguntou qual a diferença entre o que o aluno e soldado devem saber. Ela respondeu que ambos devem saber o mínimo: entrar dentro da ággua, acessar vítima, se desvencilhar dela, retirar da água e prestar primeiros socorros.

  • 15h:58

    Ainda acusando, promotor questionou se, ao invés de se colocar a vida de alunos em risco, não seria mais prudente reprová-los. Izadora respondeu que bombeiros têm essa prerrogativa de colocar a própria vida em risco pela sociedade. É do ofício. Disse ainda que os alunos, no treino, têm todo aparato.

  • 15h:54

    Perguntada pelo promotor se ela não poderia ter sido dura assim em local mais seguro, diferente da lagoa, Izadora respondeu que todos tiveram todo um período para se preparar, mas, no final do curso, só precisava que o aluno respondesse. Não havia mais tempo para ensinar.

  • 15h:53

    Rodinei Crescêncio

    Jane Claro

    Mãe de Rodrigo, Jane Claro acompanha audiência na 11ª Vara Criminal

  • 15h:49

    Acusação ressaltou que, em depoimento do tenente-coronel  WilkersonCavalcante, ele disse que não se usa nado resistido em lagoa. Ela disse que não poderia comentar essa fala, para não desrespeitar superior. Citou outro militar, tenente-corone João Rainho, que, segundo ela, tem outra opinião sobre isso. 

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • marcia | Quinta-Feira, 12 de Março de 2020, 18h41
    19
    3

    porque a fala dela tem mais valor do que a de varios alunos?

  • ana | Quinta-Feira, 12 de Março de 2020, 18h39
    20
    2

    aleluia ... depois de mais de 3 anos finalmente a tenente ledur depos. agora so falta a condenação e exoneração.

  • Hellen | Quinta-Feira, 12 de Março de 2020, 16h58
    20
    1

    Muitas contradições nesse depoimento. No mesmo instante que diz que ficou sabendo que aconteceu depois com o saudado pelos autos, ja diz que assim que ficou sabendo foi até o hospital... Claramente demonstra que esta tentando se salvar e deixar o pobre (agora falecido) como culpado pela atitude dela. Arrogante até nas respostas.

  • Obama | Quinta-Feira, 12 de Março de 2020, 15h05
    38
    6

    Na frente do juiz ela nega tudo, só quem passou por treinamentos com essa infeliz sabe o quanto ela torturava, perseguia, humilhava e judiava dos alunos.

EP na batalha por vacinas e insumos

emanuel pinheiro 400 O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (foto) entrega nesta segunda (8) PL para a aquisição de vacinas para combate à Covid-19, medicamentos, insumos e equipamentos. O documento foi elaborado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e será votado na Câmara. Esse é mais um movimento...

Fúrio volta à carga contra secretário

celio furio 400 curtinha Depois de se enganar ao abrir investigação contra o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo e ter de pedir desculpas, o promotor Célio Fúrio (foto) voltou à carga. Fúrio entrou na Justiça para que Gilberto seja condenado à perda da função...

TJ e posse em cartórios após 7 anos

maria helena _ curtinha O Tribunal de Justiça, sob Maria Helena (foto), marcou para 31 de março a posse coletiva dos aprovados no concurso para os cartórios extrajudiciais de Mato Grosso. O certame vem se arrastando desde 2013 e foi interrompido diversas vezes por causa de recursos judiciais de concorrentes inconformados com os...

Setores vivem tensão e são castigados

Gilberto Figueiredo Artigo O governo acerta ao estender o horários de funcionamento dos supermercados. Afinal, desde que o decreto entrou em vigor, as filas se multiplicaram pela Capital, aumentando o risco de transmissão do novo coronavírus. Há a expectativa de que novas medidas possam ser tomadas diante do evidente colapso da...

Limpeza e obras no entorno da Arena 

Beto 2x1 400 curtinha   Apesar da Arena Pantanal ser um cartão postal do Estado, o entorno do estádio vive situação crítica com lixo nas ruas, episódios de esgoto à céu aberto e matagal. O secretário estadual de Esporte e Cultura, Beto 2 a 1 (foto), em visita ao Rdnews, assegura que os...

VI de R$ 18 mil garantida na Câmara

juca 400 curtinha A verba indenizatória de R$ 18 mil para os vereadores da Câmara de Cuiabá está garantida, pelo menos por enquanto. Depois de diversas ações judiciais, derrubando a alta indenização por gastos do mandato, os vereadores implantaram o benefício novamente em dezembro. O...