Judiciário

Segunda-Feira, 06 de Janeiro de 2020, 11h:43 | Atualizado: 06/01/2020, 11h:51

INQUÉRITO

MP investiga suposto cartel de papelarias em pelos menos três prefeituras e na AL

Reprodução

Promotoria VG

Investigação foi instaurada por meio de portaria pela 1ª Promotoria de Justiça Cível de VG

O Ministério Público Estadual (MPE) investiga um suposto cartel possivelmente operado por cinco empresas no fornecimento de serviços de papelaria, materiais de escritório e também de higiene e limpeza em prefeituras de Mato Grosso e na Assembleia. A informação consta em portaria da 1ª Promotoria de Justiça Cível de Várzea Grande, de 10 de dezembro.

O promotor de Justiça Douglas Lingiardi Strachicini afirma que uma denúncia foi encaminhada à ouvidoria do MPE pelo promotor Wagner Antônio Camilo, da 2ª Promotoria de Justiça Cível de Rondonópolis, informando a existência do “cartel” em “todas as prefeituras dos municípios de Mato Grosso e na Assembleia, principalmente nos municípios de Rondonópolis, Várzea Grande e Nova Santa Helena”.

O cartel é crime contra a ordem tributária, previsto na legislação brasileira. A situação acontece quando duas ou mais empresas do mesmo ramo atuam em conjunto para controlar o mercado no qual estão inseridas. A quantidade de material produzido e os preços são combinados entre as empresas para obter maior lucro a cada uma das participantes do esquema.

Em resposta ao MPE, a Procuradoria Geral do Município (PGM) de Várzea Grande confirmou que as empresas investigadas pelo órgão participaram de licitações e encaminhou relatório contendo os materiais licitados, a modalidade do edital e a numeração de cada um deles. O órgão solicitou cópia integral de 33 processos licitatórios e pregões virtuais realizados entre 2011 e 2018 pela prefeitura.

Outro lado

Em nota, a prefeitura de Várzea Grande afirmou que “os processos licitatórios seguiram todas as determinações da legislação e as recomendações da gestão pelo menor preço de produtos adquiridos e melhor qualidade de serviços contratados”.

“Se existiu formação de Cartel foi em processo externo e estranho a licitação e se ficar constatado qualquer tipo de anomalia ao mesmo, seguindo a mesma legislação, os referidos processos serão suspensos”, declarou.

A prefeitura também reafirma ainda que todas as informações solicitadas pelo Ministério Público foram prontamente prestadas pelo município que defende e deseja uma apuração célere e eficiente para que não pairem dúvidas quanto a lisura nas licitações.

A prefeitura de Rondonópolis afirmou que não tem conhecimento dos fatos e, até o momento, não foi notificada da investigação. Assim, não poderia se posicionar sobre o caso.

A reportagem tentou contato com a assessoria de imprensa da Assembleia pelos números fixos do Legislativo, mas as ligações não foram atendidas.

A prefeitura de Nova Santa Helena informou que não tem conhecimento da investigação nem da ocorrência de cartel em licitações no município. O Executivo declarou que levantaria informações referentes a contratos das empresas citadas no município e retornaria posteriormente.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • DITO GONCALO | Terça-Feira, 07 de Janeiro de 2020, 06h06
    0
    0

    Em Várzea Grande, desde os tempos do império que uma tal GRAFITE (Wilson) reina de braçada, com várias empresas diferentes no decorrer de vários anos.

DEM-Cuiabá projeta até 4 vereadores

beto 400 curtinha   O presinte da Provisória do DEM da Capital e secretário estadual de Governo, Alberto Machado, o Beto 2 a 1 (foto), está animado com as chapas do partido construídas para o embate eleitoral. Já conta com 38 pré-candidatos a vereador e avalia que todos são competitivos. Uma das...

Chapa de Pivetta faltando um nome

adilton sachetti curtinha 400   O empresário Otaviano Pivetta continua avaliando um nome para composição de sua chapa ao Senado na suplementar de 26 de abril para a vaga da cassada Selma Arruda. A primeira-suplência deve ficar mesmo com o ex-prefeito rondonopolitano e ex-deputado federal Adilton Sachetti (foto), do PRB....

Senado, disputa interna e PT rachado

verinha_curtinha   O PT, que recebe hoje as inscrições de pré-candidatos ao Senado, deve ter apenas um nome na disputa interna, o do deputado e presidente estadual da sigla Valdir Barranco. A ex-vereadora Enelinda, com dificuldade, corre contra o tempo para se viabilizar. Enquanto isso, membros de outras correntes menos...

Falta na votação da emenda impositiva

jose medeiros 400 curtinha   O deputado José Medeiros (foto), vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara e pré-candidato a senador na suplementar de 26 de abril, explica que não procede a informação de que teria votado favorável à PEC 34/19, que assegura o orçamento impositivo de...

Feliz da vida na base e com emendas

wilson santos 400 curtinha   Wilson Santos (foto) já chegou com moral no Governo Mauro Mendes. Depois de um ano fazendo oposição ao Palácio Paiaguás, o deputado tucano se tornou governista de carteirinha. E começa a colher os dividendos. Uma de suas emendas de R$ 300 mil para ajudar na...

Voto a favor e agora contra Congresso

O pitbull do governo Bolsonaro, deputado federal José Medeiros (foto), está pegando carona num protesto, marcado para 15 de março, onde não deveria porque os seus atos não correspondem ao discurso, ao menos segundo sustentam seus adversários políticos. Contam que Medeiros foi um dos parlamentares que aprovaram o orçamento impositivo de R$ 30 bilhões, vetado pelo presidente. Eis que agora, ele próprio, defende a...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.