Judiciário

Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2014, 18h:33 | Atualizado: 27/02/2014, 18h:29

Operação Aprendiz

MP pede quebra de sigilo da gráfica Propel para saber destino de verba

O Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) vai solicitar a quebra de sigilo da gráfica Propel, a qual o ex-presidente da Câmara vereador João Emanuel (PSD) foi flagrado “ensinando” como fraudar licitação do Legislativo. “Queremos saber para onde foi o dinheiro da Câmara”, enfatiza o chefe do Gaeco, promotor Marco Aurélio de Castro, em entrevista ao Rdnews. A medida é em razão de o Tribunal de Justiça ter determinado o retorno das investigações da Operação Aprendiz.

A decisão favorável ao Gaeco foi proferida, nesta quarta (26), pela Terceira Câmara Criminal. Por maioria, os desembargadores negaram Habeas Corpus pleiteado pela defesa de um dos citados na Operação - que aponta o social-democrata como o pivô do esquema de desvio de recursos - e, assim, na prática, foi derrubada a liminar anteriormente concedida pelo desembargador Juvenal Pereira.

Diante da determinação, o promotor explica que a quebra de sigilo será feita na esfera criminal ou do patrimônio público, para esclarecer o passo a passo dos fatos. “Tudo isso é para colocar os pingos nos is sobre o assunto”. Outra “munição” contra Emanuel, segundo Marco Aurélio, é a gravação do vídeo. Para ele só essa prova já caracteriza uma quebra de decoro parlamentar. “Agora vai depender da consciência de cada vereador interpretar dessa forma ou diversamente”, destaca.

O promotor pede ainda que os parlamentares cuidem para que não haja nulidade e, assim, possam julgar o mérito. “Basta seguir os procedimentos do Regimento Interno da Câmara para não haver nulidade”, orienta. Isso porque, o Conselho de Ética do Legislativo apura se a conduta do social-democrata aponta quebra de decoro parlamentar ou improbidade administrativa.

Justiça derruba liminar de Juvenal e Gaeco volta a investigar Emanuel

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Carlos Lira | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2014, 22h01
    0
    4

    Como é provável quebra de decoro se não houve confirmação de qualquer negociata, o fato do vídeo, claro que além de passível de edição e montagem, pode ter sido originado em outro contexto, em outro tipo de conversa que ainda pode vir à tona. Vereadores precisam colocar as barbas de molho, tem gente com documento que comprova acertos da mesa diretora com os pares, uma espécie de mensalinho....

  • Carlos Lira | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2014, 21h51
    0
    4

    esse promotor se acha o paladino da decencia, ele precisa saber que para ter crime tem que ter cadáver. espero que de fato essa quebra de sigilo da empresa mostre para onde foi o dinheiro, vamos ver no que vai dar isso

Calistro, dúvida à reeleição e Sumaia

sumaia leite 400 curtinha   Jânio Calistro, reeleito para o 2º mandato de vereador em 2016 e como o mais votado em Várzea Grande, com 3.658 votos pelo PSD, se mudou para o DEM dos Campos, mas ainda avalia se vai encarar o teste das urnas deste ano. Ele se mostra um tanto baqueado, após ficar preso por três meses. E...

Grupos convergem para Emanuelzinho

emanuelzinho 400   O jovem deputado federal Emanuelzinho (foto) está cada vez mais empolgado com a possibilidade de disputar a Prefeitura de Várzea Grande. Até se mudou da Capital para a cidade vizinha, onde montou apartamento no Edifício Maktub. Uma das revelações políticas do PTB, Emanuelzinho tem...

Câmara de ROO e pasta de Controle

orestes miraglia 400 curtinha   A Câmara de Rondonópolis deu de ombros para uma decisão do Tribunal de Justiça e, em primeira votação, aprovou mensagem do prefeito Zé do Pátio, criando a secretaria de Transparência Pública e Controle Interno (SETRACI) em...

Morre pai do secretário da Casa Civil

Mauro Carvalho pai   Faleceu, aos 97 anos, o pai do secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho. O empresário, que também emprestava o nome ao filho, Mauro Carvalho, foi vítima de um infarto nesta quinta (9). A informação foi confirmada pela deputada estadual Janaina Riva (MDB) que publicou nota de...

Deucimar vence Covid-19 após 20 dias

deucimar silva 400 curtinha   Após 13 dias numa unidade intensiva e mais sete se recuperando no leito de hospital, o empresário e ex-vereador pela Capital, Deucimar Silva (foto), recebeu alta médica nesta terça. Ele está curado da Covid-19. Ex-presidente da Câmara Municipal, Deucimar ficou emocionado, fez...

Estudo sobre 13º a vereadores de VG

jaqueline jacobsen curtinha 400   A conselheira-substituta Jaqueline Jacobsen (foto) estabeleceu prazo de 120 dias, em sessão de julgamento do TCE por videoconferência no último dia 2, para que o presidente da Câmara de Várzea Grande, Fábio Tardin, realize estudo prévio de impacto...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.