Judiciário

Sábado, 27 de Março de 2010, 11h:57 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

JUDICIÁRIO

Ojeda pede aposentadoria do TJ; cadeiras vagas sobem para 7

Donato Fortunato Ojeda   O desembargador Donato Fortunato Ojeda já ingressou com pedido de aposentadoria compulsória. Ele completa 70 anos de idade no próximo dia 5, mas já protocolou o pedido junto à presidência do Tribunal de Justiça.

   Com a aposentaria de Ojeda, sobe para sete o número de cadeiras vagas no Pleno do TJ. O presidente José Silvério Gomes ainda não realizou eleição para a escolha dos substituto dos três magistrados envolvidos no suposto desvio de R$ 1,4 milhão, José Tadeu Cury, José Ferreira Leite, Mariano Travassos. Jurandir de Lima, por sua vez, também teve a “pena máxima” determinada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) por empregar os filhos no próprio gabinete.

   Há vacância no Pleno por causa também das aposentadorias de Lessa e de Díocles de Figueiredo, que entrou para a inatividade em setembro do ano passado. Silvério alega que não pode determinar nonas eleições até que o CNJ aprecie o pedido de suspensão da posse do desembargador eleito juiz Fernando Miranda Rocha. Prevista para 28 de janeiro, a solenidade foi suspensa, em caráter liminar, pelo conselheiro Felipe Locke Cavalcanti, relator do processo no CNJ. O julgamento do mérito é esperado para os próximos 30 dias. Felipe está elaborando o relatório final em que vai basear seu voto e colocar em plenário para a apreciação dos demais conselheiros. 

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Elizete Madureira | Sábado, 27 de Março de 2010, 20h37
    0
    0

    AVISO!!! ÚLTIMO QUE SAIR, APAGUE A LUZ!

  • Jose Carlos C Pouso | Sábado, 27 de Março de 2010, 13h54
    0
    0

    è com tristeza que vemos a Magistratura do Mato Grosso, ver deixar ocargo por aposentadoria ebem merceidas do Dr Ojeda. Homemde uma honestidade da maior grandesiodidade.Deixa uma longa historiano nosso Estadode excelentes serviços prestados, no cumprimento do dever. Enquanto outros sai pela porta da cozinha deixando lastro de indegnidade ao nosso povo, com a ganancia da corrupção. Parabens Dr Ojeda, sucesso e felecidades nesta nova empreitada. Esperamos que os novos agistrados que assumemos cargos vagos,tenham e usem da mesma dignidade e honestidade que o Dr Ijeda sempre teve.

  • Thomaz Thurbano di Paula Thejando | Sábado, 27 de Março de 2010, 13h23
    0
    0

    Por um momento pensei que o Perri também tinha pedido exoneração, depois percebi que a jornalista na verdade quis dizer a respeito do Paulo Lessa. Também na parte em que fala que o Silvério não convocará noNas eleições penso que quis na verdade se referir a noVas eleições, com o V no lugar no segundo N...

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...

Erros estratégicos e fim de mandato

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como...

Retorno ao TCE ou cargo no governo

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi...