Judiciário

Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2014, 13h:06 | Atualizado: 13/02/2014, 13h:14

Operação Assombro

PF vai rastrear dinheiro desviado por advogados; dupla pode ter cúmplices

Rodinei Crescêncio

Wilson Rodrigues e Evandro, delegados

Delegados divulgam dados da Operação Assombro, que prendeu 2 advogados

Após prender os advogados Nelson Prawucki e Newman Pereira Lopes na manhã de hoje (13) por desvio de recursos públicos e lavagem de dinheiro, a Polícia Federal vai rastrear o caminho percorrido pelos R$ 13 milhões desviados referentes a recursos do Instituto Mato Grosso de Seguridade Social, o Centrus, vinculado ao extinto Banco de Mato Grosso (Bemat).

De acordo com os delegados Wilson Rodrigues e Evandro Iwasaki outras pessoas podem estar envolvidas no escândalo. O objetivo agora é descobrir o paradeiro do dinheiro que deveria ter sido destinado ao fundo de pensão. A investigação teve início em maio do ano passado, quando os acusados foram indiciados pela PF, depois de denúncia do Ministério Público.

Prawucki é ex-liquidante do Centrus e contratou o escritório de advocacia de Lopes para prestar assessoria jurídica à instituição com o escopo de desviar recursos decorrentes de crédito de aproximadamente R$ 85 milhões que a instituição tinha com o governo, reconhecido judicialmente. Através da assessoria, a dívida foi dividida em 18 parcelas, sendo que o Executivo chegou a pagar 5, que somam R$ 23,5 milhões.

O desvio foi executado mediante a estipulação de honorários em quase 60% do valor principal. Ao invés de debitar o dinheiro na própria conta, o escritório fornecia os dados de uma terceira empresa. Nas investigações, a PF constatou que não só é inexistente como está localizada em uma famosa casa de shows eróticos de Cuiabá, segundo um dos delegados. Os sócios da empresa fantasma, inclusive, são falecidos. Além disso, os fraudadores usaram assinatura de contrato de confidencialidade para ocultar a natureza ilícita da operação.

 Além dos mandados de prisão, foram cumpridos três de busca e apreensão nas residências dos suspeitos e em um edifício, onde funcionam diversas empresas, controladas por eles. Os advogados foram ouvidos na manhã de hoje e logo em seguida seriam encaminhados a Polinter, já que tem prisão temporária decretada por, no mínimo, 5 dias. O próximo passo da PF é analisar o material apreendido.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • alzino bernardes da silva | Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2014, 16h12
    1
    0

    DA NADA NÃO! ELES SÃO "DEVOGADOS" KKKK

França, convite do Pode e suspense

roberto franca 400 curtinha   Roberto França (foto), que exerceu vários mandatos eletivos, entre eles de vereador e de prefeito de Cuiabá, ficou empolgado com o convite para se filiar ao Podemos, inclusive com abertura para concorrer novamente ao Palácio Alencastro. Para evitar conflitos, antes de fazê-lo, o...

Neurilan critica Pivetta e faz campanha

otaviano pivetta 400 curtinha   Em discurso em Tangará da Serra, num evento promovido pela AMM que serviu de palanque eleitoral, Neurilan Fraga disparou críticas ao vice-governador Pivetta (foto), que também pretende concorrer ao Senado. Disse que Pivetta não aceita nem discutir o valor repassado hoje aos...

Evento da AMM para pré-candidatura

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto), que aproveita o trunfo de presidente da AMM para tentar projeção política, insiste na pré-candidatura ao Senado, mesmo com a filiação oficial ao PL fora do prazo exigido pela legislação, o que ensejará no indeferimento do registro. E...

Selma, carreata e "ciúmes políticos"

selma arruda 400 curtinha   Quem vê Selma Arruda (foto), senadora cassada por crimes eleitorais, e o ex-senador e federal José Medeiros afinados no Podemos, nem imagina que no pleito de 2018 ela optou por distanciá-lo motivada simplesmente por "ciúmes políticos". Selma carregava o slogan de "Senadora de Bolsonaro"....

Reunião pra debater viabilidade do VLT

wellington 400 curtinha   Após participar de uma reunião na Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana, o senador Wellington (foto) revelou que no próxmo dia 10 vai ser realizado encontro com o secretário José Carlos Medalia e com integrantes do Governo de MT para discutir a viabilidade do VLT, cujas obras...

Estado reduz número de homicídios

alexandre bustamante curtinha 400   O secretário Alexandre Bustamante (foto), de Segurança Pública, está comemorando a redução do número de crimes em MT.  O Estado fechou 2019 com a menor taxa de homicídios dos últimos 10 anos. Nos 12 meses do ano passado foram contabilizados...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Sobre a senadora Selma Arruda, que teve mandato cassado por caixa 2 e abuso de poder econômico, você acha que ela foi...

ingênua

corrupta

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.