Judiciário

Quarta-Feira, 03 de Fevereiro de 2010, 09h:16 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

INVESTIGAÇÃO

Policiais prendem secretário de Terezinha com arma do Exército

   Policiais federais prenderam o secretário-adjunto da secretaria estadual de Trabalho, Emprego e Cidadania, José Rodrigues Rocha Júnior, por porte ilegal de arma. Ele foi detido no início da noite nesta terça (3), quando tentava embarcar no Aeroporto Internacional Marechal Cândido Rondon com um revólver calibre 357, de uso restrito das Forças Armadas. José Rodrigues também levava munições.

  Neste momento, policiais federais fazem uma perícia no revólver e rastreiam a origem da arma. Segundo informações da assessoria, trata-se de um crime inafiançável pelo fato da arma ser de uso restrito. José Rodrigues está preso no 1º Batalhão do Corpo de Bombeiros. Ele vai responder por porte ilegal, previsto no artigo 16 da Lei 10.826 de 2003 do Estatuto do Desarmamento. Neste caso, a pena varia de 3 a 6 anos, além de multa. Agora deve ser aberto um inquérito para apurar o caso.

   José Rodrigues chegou a assumir interinamente o comando da Setecs durante a licença da primeira-dama Terezinha Maggi manteve para tratamento médico.

(15h) - Juiz acata pedido de liberdade provisória; José Rodrigues deixa prédio do Corpo de Bombeiros

   Após passar a madrugada preso, o secretário-adjunto José Rodrigues Rocha Júnior teve a liberdade provisória decretada pelo juiz da 13ª Vara Criminal, Adilson Polegato. A defesa dele sustenta que a arma foi “plantada” na mala para incriminá-lo. Filiado ao PSB, José Rodrigues é pré-candidato a deputado estadual.

Postar um novo comentário

Comentários (34)

  • Jedae | Sábado, 06 de Fevereiro de 2010, 11h11
    0
    0

    O caboclo é formado. Não é burro. Sabe bem o estava fazendo. Como vamos exigir seriedade da justiça? A lei neste país é para os outros. Quando chega em mim. Vem aquela clássica frase, eu não sabia. Não é minha. Não sei como isso foi para ai. Este Brasil nunca vai chegar a lugar algum, com esse tipo de desculpas. A lei vale para todos ou vale para ninguêm!

  • Nelson Bonfim | Sábado, 06 de Fevereiro de 2010, 07h53
    0
    0

    População de MT, é querer muito acreditar que vai dar alguma coisa para esse cidadão. Eles estão no PODER, podem tudo, mudam sentenças a hora que quizerem, NÃO SE ILUDAM. O que eles não podem comprar é a FELICIDADE e SAÚDE, e vejam o que está acontecendo com a maioria deles, infelizes, deprimidos e doentes graves, É O DESTINO........

  • Jedae | Sexta-Feira, 05 de Fevereiro de 2010, 23h20
    0
    0

    Jedae, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • jose da silva | Quinta-Feira, 04 de Fevereiro de 2010, 08h10
    0
    0

    o governador deveria exonerar esse cara eu acho que ele pensou pelo fato dele ser secretario adjunto de estado teria porte de arma como autoridade .. se orienta cara .. vc nao e autoridade e sim autoridade no executivo na legislaçao administrativa entao nao vem se achando que pode andar armado, quanto a defesa do seu advogado sob a suposta implantaçao da arma essa e boa mais para mim nao cola esse defesa ...

  • morfeu | Quinta-Feira, 04 de Fevereiro de 2010, 06h31
    0
    0

    morfeu, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • jacyara | Quarta-Feira, 03 de Fevereiro de 2010, 20h22
    0
    0

    Gostaria de tentar esclarecer alguns pontos: 1)A arma acalibre 357 chamada popularmente de MAGNUM, não é uma arma militar no Brasil, aqui éla simplesmente não esta catalogada, ou autorizada. Logo, não existe nota fiscal, importação, registro e nem porte desta arma chamada de :canhãom dado ao seu poder de fogo, maior do que uma .45. Quando se tem uma arma com registro, o seu local determinado é a residencia ou o local de trabalho do proprietario. 2)Quando existe o porte federal de arma, esta arma podera ser despachada junto a empresa área e será levada pelo comandante do avião. Covenhamos se é proibido levar um canivete de lamina média no voo, como será permitido uma Magnun? 3)Na área denominada de abrangencia federal, o espaço sobre a guarda da policia federal, os agentes federais tem que cumprir suas obrigações sob os olhares, não só dos brasileiros como e principalmente dos turistas e muitos deles estrangeiros. 4)Agora o que não consigo entender:secretário, advogado, humilde e gente boa, tenta embarcar em um voo, onde existe um detector de metais,um monte de agentes e ainda um tapete onde fica em pé e com cara de bóbó o passageiro pego em falta, transportando uma arma sem nota fiscal, sem compravaçao de propriedade, registro de arma e porte e ainda quer ser liberado?

  • josé silveira | Quarta-Feira, 03 de Fevereiro de 2010, 18h24
    0
    0

    Olha, o negócio é o seguinte: Até onde me consta o Secretário-adjunto é advogado por formação. Ou seja, Bóbó ele não é. Sabe que no aeroporto tem detector de metal. Tentar viajar com arma na mala é de uma ingenuidade que, para um cara experiente, não cola. Só se ele já vinha fazendo isso constantemente. Aí tem conivência de alguém. Resta saber se será feita perícia na arma. Se foi plantada, pode aparecer digital. Se a arma é mesmo dele, também a perícia vai dizer. De qualquer forma, dor de cabeça na certa. Boa sorte Zé.

  • Edson silva | Quarta-Feira, 03 de Fevereiro de 2010, 17h44
    0
    0

    Pobre coitado era só um revolver 357; Puxa sacos de plantão parem com isso o tempo da impunidade em MT está acabando os desenformados deveriam se atentar para isso, e outra coisa aqui em MT como em outras unidades da federação também tem POLÍCIA FEDERAL que por sinal são imparcial! errou tem que pagar. A exemplo do filho daquela procuradora de justiça que foi preso e advinhem quem foi punido? eu respondo, os policiais que fizeram a detenção do mesmo com substância de entorpecentes, horas gente me façam o favor! quer dizer que é assim "aos amigos do rei os favores da lei e aos inimigos do rei os rigores da lei" vamos dar um basta nestas impunidades.

  • Artur Rocha Oliveira | Quarta-Feira, 03 de Fevereiro de 2010, 17h34
    0
    0

    Sr. Carlos Silva (se é que esse é o nome verdadeiro do covarde), primeiro que o rapaz está lá porque tem curso superior (formado em direito); segundo, que se fosse só para apadrinhados do Governador Blairo Maggi, o José Antonio Rosa não teria ficado por lá na operação Pacenas, já que ele e todos os empreiteiros são apadrinhados do Wilson Santos. E terceiro e mais importante: aprenda um pouco sobre lei e pára de falar besteira, ok?

  • Akerman Magalhães | Quarta-Feira, 03 de Fevereiro de 2010, 17h18
    0
    0

    IA ME ESQUECENDO! E ARMA TEM NA RUA DANDO SOPA! E FICAR FICHADO COMO PERIGOSO NA VIDA CIVIL É UMA PALHAÇADA. E TODOS SABEM QUE O CRIME NÃO COMPENSA!

Leitão x Fávaro sob efeito-Bolsonaro

nilson leit�o 400   O ex-vice-governador e hoje senador interino Carlos Fávaro (PSD) e o ex-prefeito sinopense e ex-deputado federal pelo PSDB Nilson Leitão (foto) travam uma guerra eleitoral, com críticas mútuas, como se só existissem os dois na disputa para o Senado, quando, em verdade,...

Leverger e ex em palanque separado

francieli magalhaes 400 curtinha   Dois candidatos em chapas majoritárias em Santo Antonio de Leverger, hoje em palanques diferentes, já estiveram juntinhos na vida particular. O empresário Ademilson Dantas de Matos (PV), vice da chapa de Franklin Luis Carvalho (PSDB), foi casado com a petebista Francieli Magalhães...

Prefeito cuiabano vira saco de pancada

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto), que busca a reeleição e havia iniciado a campanha como grande favorito, inclusive com expectativa de ganhar no primeiro turno, se transformou em saco de pancada. Além de Abílio Júnior que o critica e ataca o tempo todo, o que acabou o...

Dal Bosco com 3 na disputa em Sinop

dilceu dal bosco 400 curtinha   Neste pleito eleitoral, a família Dal Bosco se dividiu em três grupos de apoio em Sinop, a chamada capital do Nortão. O ex-deputado estadual Dilceu Dal Bosco (foto) coordena no município e região a campanha à reeleição do senador Carlos Fávaro (PSD). O...

Tentativa de ser 1ª prefeita de Barão

margareth munil 400 curtinha   A candidata à prefeita de Barão de Melgaço, Margareth Gonçalves da Silva (foto), é tão conhecida nas ações conjuntas com o marido nas áreas da saúde e assistência social que está levando para as urnas a combinação do seu...

Froner segue com o vice de Gilberto

osmar froner 400   Osmar Froner de Mello (foto), escalado de última hora para a disputa em Chapada dos Guimarães, manteve de vice o mesmo que estava na chapa de Gilberto Mello (PL), o vereador Carlos Eduardo, que era conhecido como Carlinhos do PT e agora é do PDT. Froner e Carlinhos não têm afinidades...

MAIS LIDAS