Judiciário

Terça-Feira, 13 de Outubro de 2015, 19h:01 | Atualizado: 13/10/2015, 20h:39

de novo...

Riva e 2 servidores são presos nesta 3ª; MP aponta mensalinho e mimos

Gilberto Leite

Depoimento_riva_fabris_romoaldo

Ex-deputado José Riva é preso pela 3ª vez neste ano. Ele se encontra no CCC

O ex-presidente da Assembleia José Riva e os servidores Maria Helena Caramelo e Geraldo Lauro foram presos, no início da noite desta terça (13). A ordem de prisão foi decretada pela juíza da 7ª Vara Criminal de Cuiabá Selma Rosane Arruda, e faz parte da segunda fase da Operação Metástase, denominada "Célula Mãe".

Esta nova fase é resultado de investigações complementares efetivadas acerca dos crimes cometidos no gabinete do ex-deputado, referentes à gestão de recursos públicos denominados verbas de suprimentos.

Segundo o chefe do Gaeco, promotor Marco Aurélio, o dinheiro desviado servia para pagamento de despesas pessoais de Riva, como, por exemplo, combustível da aeronave particular e honorários advocatícios. Além disso, destaca que a verba também servia para "mensalinho" para políticos e lideranças do interior do Estado, bem como distribuição de "mimos", entre eles uísques, pagamentos de festas de formaturas inclusive de faculdades particulares, jantares e serviços de massagistas.

Conforme o MP, as prisões foram decretadas com base na garantia da ordem pública e conveniência da instrução criminal. "Dentre todos os servidores ouvidos, com exceção dos líderes da organização criminosa, afirmaram a existência de um estratagema criminoso, arquitetado pelos líderes visando dificultar a descoberta da verdade, como consequente blindagem do núcleo criminoso", diz trecho da nota emitida pelo promotor.

Esta é a terceira vez que Riva é preso neste ano. O ex-parlamentar teria sido detido, nesta terça, na região Central de Cuiabá. Segundo o Ministério Público, Riva foi direcionado para o Centro de Custódia de Cuiabá (CCC), onde também se encontra o ex-governador Silval Barbosa (PMDB).

A defesa de Riva afirma que por enquanto ainda não se manifestará sobre o caso, até que tenha conhecimento dos motivos que levaram à nova prisão. Segundo a assessoria do ex-deputado, ele já cumpria medidas restritivas e não oferecia risco algum de fuga ou à sociedade. "Por enquanto não  há o que declarar, uma vez que ainda não tivemos acesso ao processo", explica Rodrigo Mudrovitsch, um dos advogados que patrocinam a defesa de Riva.

Em relação aos dois servidores presos hoje, Maria Helena Ribeiro Ayres Caramelo é servidora de carreira no Parlamento e ex-chefe de Gabinete da Mesa Diretora, na época de Riva. Geraldo e Maria Helena estavam entre os 22 presos na Operação Metástase e que tiveram a prisão temporária prorrogada por mais cinco dias.

Metástase

A Operação Metástase investiga o suposto desvio de aproximadamente R$ 2 milhões por meio da verba de suprimentos na Assembleia, que tinha como finalidade custear compras emergências de produtos como marmitas, cartuchos e materiais gráficos. A Operação foi deflagrada, em 23 de setembro, e resultou no mandado de prisão de 22 pessoas ligadas ao Legislativo.

Conforme informações do Gaeco, as notas fiscais utilizadas para justificar as compras eram falsificadas. Os saques eram de valores pequenos e feitos pelos servidores, que supostamente repassavam o recurso para os líderes do esquema. Segundo o promotor Marco Aurélio, coordenador do Gaeco, os supostos criminosos sacavam o dinheiro para pulverizar na corrupção. A prisão teve objetivo de identificar os líderes e qual o destino dos recursos roubados.

Prisões

Riva foi preso a primeira vez neste ano, em 21 de fevereiro, em decorrência de suposto desvio de R$ 62 milhões da Assembleia, investigado na Operação Imperador. A captura foi feita pelo Gaeco na residência do ex-parlamentar, localizada no bairro Santa Rosa, em Cuiabá. Os três mandados de prisão foram expedidos pela juiza Selma Arruda. Ele ficou quatro meses no Centro de Custódia de Cuiabá.

A segunda prisão ocorreu em 1º de julho, também pelo Gaeco, na deflagração da Operação Ventríloquo. Dessa vez, Riva foi acusado de comandar suposto esquema que teria desviado cerca de R$ 10 milhões do Legislativo, via acordo judicial referente à dívida contraída com o banco HSBC ainda nos anos 90. A prisão foi revogada cerca de 13 horas depois.

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Carol | Quarta-Feira, 14 de Outubro de 2015, 22h04
    0
    0

    Carol, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Pipo | Quarta-Feira, 14 de Outubro de 2015, 11h34
    0
    0

    Wilson é amigo do Rei... Está em Passagarda.

  • odenir ferreira | Quarta-Feira, 14 de Outubro de 2015, 10h28
    0
    0

    odenir ferreira, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • JEFERSON MATOS | Quarta-Feira, 14 de Outubro de 2015, 06h36
    4
    6

    Se ele atrapalha tanto assim as investigações solto, por que não o mantiveram preso então? Isso é desperdício de dinheiro público e de mobilização do aparato policial!!! Tá mais pra circo, atenção dos holofotes da imprensa.

  • Fernanda sousa | Terça-Feira, 13 de Outubro de 2015, 23h16
    0
    0

    Fernanda sousa, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Indigado | Terça-Feira, 13 de Outubro de 2015, 23h05
    0
    0

    Indigado, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • JOAO ANTONIO SANTOS | Terça-Feira, 13 de Outubro de 2015, 20h50
    28
    0

    VAMOS PRENDER QUEM RECEBEU MENSALINHOS TAMBEM KKKKKKKKKKKKKKKKKK................TEM MUITOS DEPUTADOS PERDENDO O SONO OU SERA QUE FALTA COPRRAGEM PARAO MPE.

  • cuiaba | Terça-Feira, 13 de Outubro de 2015, 20h49
    20
    1

    so pra lembrar...e o sr wilson santos com o rodo anel..como andas....

  • Cuiabano | Terça-Feira, 13 de Outubro de 2015, 20h31
    17
    3

    Este sujeito chegou a dizer que é normal ser preso!!!Portanto, tudo normal é a população feliz em ver este sujeito mais uma vez na cadeia esperamos que seja por muito tempo desta vez!!!Doutora Selma e os demais deputados que tinha o Riva como o líder maior quando serão presos também?

  • sednei pasquali | Terça-Feira, 13 de Outubro de 2015, 20h18
    3
    0

    sednei pasquali , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Caminho bem consolidado à reeleição

leonardo 400 curtinha   Dos prefeitos que podem ir à reeleição de cidades pólos, o que encontra situação mais confortável é Leonardo Bortolini, o Léo (foto), de Primavera do Leste. Bem articulado e habilidoso politicamente e com uma relação extensa de obras e...

PSDB e balão de ensaio para prefeito

paulo borges 400 curtinha   Bastante enfraquecido e fragilizado, após perda do comando do Executivo estadual e de quadro de filiados, o PSDB anuncia que terá candidato a prefeito de Cuiabá. E até lista três "prefeitáveis", sendo eles os empresários Luiz Carlos Nigro e Dorileo Leal, além do...

Grupo de Fabinho ávido pelo poder

fabio tardin 400 vereador   Uma ala do DEM de Várzea Grande, que se sente excluída do Paço Couto Magalhães, está torcendo pela cassação da prefeita Lucimar e do vice Hazama. O placar do julgamento no TSE está em 2 a 1 pela manutenção do mandato. Esse bloco anti-Lucimar é...

Vereadores oficializam 2 férias por ano

emerson 400 alta floresta curtinha   Os vereadores de Alta Floresta, no Nortão, aproveitaram este período de pandemia, com as atividades presenciais suspensas, para garantir dois períodos de "férias" por ano. Em decisão desta segunda, a Câmara Municipal, presidida por Emerson Sais Machado (foto), alterou o...

Comissão da Câmara sob efeito-Covid

renivaldo 400 curtinha   Em meio às discussões sobre transparência e compras emergenciais de medicamento, insumos e equipamentos às unidades de saúde, na luta contra a pandemia da Covid-19, a Câmara de Cuiabá criou uma Comissão Especial, composta por três vereadores. Tem a...

Ex-secretária Martha Maia com Covid

martha maia 400   A ex-secretária de Saúde e de Promoção Social de Alto Araguaia, Martha Maia (foto), anunciou nesta terça à noite que foi diagnosticada com Covid-19. Apesar disso, não está tendo sintomas da doença e já segue as recomendações padrões de ficar...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Até dezembro, o IFMT terá eleição para Reitoria. Quem você acha que será eleito dos candidatos abaixos?

Deiver Alessandro

Julio Santos

Nenhum deles

Não tenho ideia

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.