Judiciário

Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 06h:40 | Atualizado: 14/12/2018, 12h:41

AÇÃO POR CAIXA 2

Selma denuncia ter sofrido extorsão para ser absolvida no TRE na ação por caixa 2

A senadora eleita Selma Arruda (PSL) afirmou ter sofrido três tentativas de extorsão para ser absolvida no processo por caixa 2 de campanha que tramita no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Apesar da gravidade da denúncia, a juíza aposentada não cita nomes nem relata se levou o caso ao conhecimento das autoridades competentes.

“Eu já fui três vezes extorquida por causa desta bagunça. Na primeira vez,  me pediram R$ 360 mil.  Na segunda,  R$ 600 mil, e na terceira, me pediram cargos para me absolver neste processo no TRE.  Eu não cedo a chantagem, eu não cedo a extorsão e vou continuar lutando. Se a gente ceder uma vez,  a corrupção se entranha em você e nunca mais sai de você”, declarou Selma,  a partir do minuto 18 da live no Facebook realizada ontem (13) à noite.

Além disso, Selma negou ter praticado caixa 2 e abuso do poder econômico. A senadora eleita também tentou explicar o empréstimo de R$ 1,5 milhão obtido junto ao primeiro suplente Beto Possamai (PSL),  na véspera de sua filiação partidária, que está sob investigação do TRE.

Selma começou a live justificando o motivo de sua ausência nas redes sociais. Segundo ela, foi por conta das notícias veiculadas na imprensa. Ela criticou a imprensa mato-grossense e negou caixa dois e abuso de poder econômico. Ela disse que tem convicção que será absolvida pela Justiça.

Sem entrar em detalhes do contrato, Selma justificou  o empréstimo dizendo que o financiamento da campanha pelo suplente evita o atrelamento com grupos. Por isso optou por não ficar comprometida com nenhum setor que costuma financiar a política no Estado.

 “Pra não ficar recebendo dinheiro de setores que eu ficaria amarrada, atrelada, eu optei por ter um suplente que pudesse arcar com estas despesas.  Entrevistei e gostei de Gilberto Possamai que financiou toda a campanha de marketing”, completou Selma.

Na live, Selma ainda se comparou ao presidente da República eleito Jair Bolsonaro (PSL) e seu filho, também senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), que estão enfrentando denúncias sobre  depósitos bancários supostamente irregulares. Neste caso, culpa a imprensa, a esquerda derrotada nas eleições e diz que querem impedi-los de salvar o Brasil.

“Boa parte da mídia está se ocupando para me desconstruir, assim como estão fazendo com o capitão Bolsonaro, porque existe interesse, um contexto para que eu não entre, que quer que Bolsonaro não entre, que Flávio Bolsonaro não entre. Vou dizer uma coisa pra vocês, a esquerda perdeu, mas eles não estão mortos e estão unidos com a velha e podre política, com estes que colocaram o Brasil nesta derrocada. Não vão conseguir nos derrotar”, concluiu.

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • O atalaia | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 14h58
    1
    0

    A Senadora eleita parece que vive um ciclo hipnótico. Não é possível que não tenha aprendido a usar razoabilidade, a proporcionalidade e até mesmo a ética que parece ter-lhe faltado ante a situação ruinosa em que se envolveu....

  • Elias | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 13h45
    1
    1

    Elias, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Anacleto de Campos Miranda | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 11h39
    3
    0

    Selminha, agora que está no play, com Diplominha e tudo, já está mostrando que é uma ótima companheira de play. Fala, fala, fala, mas não entrega os amiguinhos. Fica tudo debaixo dos lençóis. Parabéns Selminha continue assim.

  • João costa | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 11h08
    2
    0

    Se tivessem levado a sério as recomendações da doutora Eliana Calmon essas matérias não seriam mais veiculadas mas apesar de tudo o que ela fez pelo judiciário não foi reconhecido é agora vemos o por que.

  • Helio | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 11h07
    1
    5

    Minha senadora vai pra Brasília e moraliza aquele territorio que hj e de ladrões Votei em voce e votaria novamente.

  • Donizeth | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 09h06
    14
    1

    Sendo uma juiza, que conhece a legislação e diz que por 03 vezes fizeram proposta sobre seu processo e por que nao tomou uma atitude em denunciar essas pessoas de o nome, estranho,..... ou quer justicar a falta cometida?

  • nilton | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 08h38
    14
    2

    extorsão? nome aos bois. Por quê esconder?

  • Ariosvaldez Rodrigues de LIma | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 08h28
    7
    7

    Senadora, a senhora teve o meu voto; caso consiga resolver esta celeuma e venha a tomar posse, peço-te que, sob hipótese alguma, venha a votar em Renan para a presidência do senado!

  • Natascha Lopes | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 08h12
    0
    0

    Natascha Lopes, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Leanddo | Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018, 08h03
    2
    2

    Leanddo, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Matéria(s) relacionada(s):

Manobra e esperteza de uma senadora

Selma Arruda ganhou o noticiário nacional por causa de uma iniciativa marcada pela esperteza. Apresentou na segunda uma emenda ao projeto dos partidos que abria brecha para beneficiá-la num processo eleitoral que pode resultar na cassação do seu mandato. O texto do projeto, segundo informa o Estadão, foi posto em discussão no Senado nesta terça, mas foi derrubado. Assim que foi questionada sobre a alteração que propunha, a senadora...

Análises animadoras sobre gestão EP

emanuel pinheiro 400 curtinha   A equipe estratégica do prefeito Emanuel Pinheiro (foto), que vem analisando erros e acertos da administração em Cuiabá, ficou entusiasmada com resultado de pesquisas qualitativas internas que não só trazem o prefeito com boa avaliação e com chances reais de...

Dodge confunde MT com Maranhão

Raquel Dodge_curtinha   Em seus últimos dias à frente da PGR, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, deixou passar uma gafe no parecer que deu contra a ação que visa revogar limitação da RGA dos servidores públicos de MT. Ao citar que a ação trata da...

Wenceslau Jr age com oportunismo

wenceslau curtinha   O presidente da Fecomércio-MT, Wenceslau Júnior (foto), cotado para disputar a Prefeitura de Cuiabá pelo PSL em 2020, agiu com oportunismo ao se aliar aos vereadores da oposição para trazer o prefeito de Colatina (ES) Sérgio Menghelli para palestrar com objetivo de “queimar”...

Deputados devem "matar" as sessões

A tendência é das quatro sessões ordinárias da semana não ocorrerem na prática. Em princípio, os deputados estavam mobilizados para uma audiência pública nesta terça com vistas a discutir a LDO-2020, mas foi transferida para o próximo dia 30. Como na semana passada, os parlamentares participaram do que chamam de mutirão convocado pela Mesa Diretora, sob pena de terem salário cortado, e votaram 53 projetos...

Filiação no Senado e ato em Cuiabá

selma arruda 400 curtinha   Selma Arruda (foto), com mandato de senadora cassado desde abril pelo TRE e no cargo por força de recursos no TSE, se filia oficialmente ao Podemos nesta quarta, às 14h, no Salão Azul, do Senado, logo após participar de um almoço com as principais lideranças do seu novo partido....

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.