Judiciário

Sexta-Feira, 26 de Fevereiro de 2021, 15h:10 | Atualizado: 27/02/2021, 09h:13

CASO LEOPOLDINO

STF rejeita novo recurso e empresário vai a Júri Popular por assassinato de juiz

A 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) negou novo recurso do empresário Josino Pereira Guimarães e determinou que ele seja julgado novamente como mandante no assassinato do juiz Leopoldino Marques do Amaral. Os embargos de declaração foram rejeitados na quarta (24) e novo julgamento deve ser marcado.

Reprodução

juiz-leopoldino-marques-do-amaral.jpg

Leopoldino do Amaral foi morto em 1999 no Paraguai

Leopoldino foi morto em setembro de 1999 em meio a escândalos de corrupção envolvendo membros do Tribunal de Justiça. Dias antes de morrer, o então magistrado teria dito à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Judiciário, instalada no Senado à época, que juízes e desembargadores de Mato Grosso praticavam nepotismo, manipulação de julgamentos, improbidade administrativa e recebimento de vantagem indevida, entre outras irregularidades.

O próprio Leopoldino respondia a procedimento disciplinar no Judiciário mato-grossense. O corpo dele foi encontrado com dois tiros na cabeça e parcialmente queimado, em uma estrada de terra entre Pedro Juan Caballero e Assunção, no Paraguai. A executora, Beatriz Árias, foi condenada a 12 anos de prisão, com sentença transitada em julgado.

Josino foi submetido ao Tribunal do Júri e, apesar do reconhecimento das provas e da autoria do crime, os jurados o absolveram. O Ministério Público recorreu ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região, que entendeu a decisão como contraditória e determinou a realização de novo júri.

A defesa de Josino, então, recorreu ao STF afirmando que o Tribunal do Júri “pode absolver o réu por clemência ou até mesmo por um sentimento de justiça, sem isso significar contradição ou decisão contrária à prova dos autos”. Para os advogados, ao decidir “por íntima convicção”, os jurados não seriam obrigados a se restringir às provas apresentadas durante o julgamento

O STF negou o recurso no início de 2020 e na decisão desta quarta negou os embargos de declaração, determinando o arquivamento imediato do recurso para que o caso volte a ser julgado no Tribunal do Júri.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...

Promotor recebe medalha do Exército

Mauro Zaque curtinha   O promotor de Justiça Mauro Zaque (foto) foi condecorado com a medalha do Exército Brasileiro na manhã desta segunda (19), no dia da instituição. A solenidade é considerada a segunda maior do Exército Brasileiro, foi reservada por conta da pandemia e contou com a...

Sema reabre os parques em Cuiabá

mauren lazzaretti sema 400   Fechados desde 1º de abril, em obediência às regras de decreto municipal, que suspendiam as atividades coletivas, os parques estaduais urbanos de Cuiabá reabrem nesta segunda (19) para utilização pelo público. Será possível acessar as tradicionais trilhas...