Judiciário

Quarta-Feira, 15 de Maio de 2019, 10h:36 | Atualizado: 15/05/2019, 16h:54

TJ mantém prisão de desembargador

Reprodução

stabile

Evandro Stábile está preso no CCC após condenação de 6 anos de prisão em regime fechado

A 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça negou pedido de liberdade feito pela defesa do desembargador, aposentado compulsoriamente, Evandro Stábile. O Habeas Corpus foi julgado em 10 de maio e publicado na terça (13).

Stábile está preso por uma condenação a seis anos de prisão em regime fechado pela venda de sentenças enquanto era presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT).

“Assim, sem a necessária plasticidade, indefiro a liminar, restando ao beneficiário o lado sumaríssimo do habeas corpus, com o exercício efetivo da competência do Colegiado, juízo natural. As devidas informações pelo Juízo acoimado de coator já foram prestadas. Destarte, insto a ilustrada Procuradoria Geral de Justiça a se manifestar. Comunicações e providências”, diz trecho.

O desembargador aposentado tenta progressão de regime para passar a cumprir pena no semiaberto. A expectativa é que haja decisão na Vara de Execuções Penais até o fim deste mês. O juiz Geraldo Fidelis, responsável pela execução da pena de Stábile, já determinou que sejam realizados exames necessários para que ele passe por audiência admonitória após 19 de maio.

O desembargador foi condenado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) por venda de sentenças em 13 casos investigados pelo Ministério Público Federal (MPF) no âmbito da Operação Asafe. Em um deles, o desembargador manteve a segunda colocada na campanha eleitoral de Alto Paraguai na época, Diane Alves de Souza, no comando da prefeitura, em troca de R$ 100 mil.

A ministra Nancy Andrighi, do STJ, determinou que Stábile passasse a cumprir prisão em cela comum após a tramitação em julgado da condenação. Em março, o magistrado aposentado foi transferido da sala de Estado-Maior do Centro de Custódia da Capital (CCC) para uma cela comum na mesma unidade.

Ao decidir sobre o destino do preso, Fidelis ponderou à época que o desembargador aposentado corria risco se fosse transferido à Penitenciária Central do Estado (PCE), ficando preso junto de pessoas condenadas por ele.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • RICARDO LOPES | Quinta-Feira, 16 de Maio de 2019, 08h31
    0
    0

    E POR QUE A DIANE ALVES DE SOUZA, CORRUPTORA, AINDA NÃO FOI PENALIZADA?

Matéria(s) relacionada(s):

DEM foca projeto pra eleger vereador

beto 2 a 1 400 curtinha   O secretário de Governo do Estado, Alberto Machado, o Beto 2 a 1 (foto), fez uma leitura racional sobre o que representa o DEM na Capital. Novo presidente do diretório municipal, ele está ser articulando para formar uma chapa forte de candidatos a vereador, inclusive tenta atrair lideranças de...

Morre o diretor do SAAE de Chapada

arison albernaz 400 curtinha chapada   Morreu nesta segunda, em acidente automobilístico, o diretor-geral do Sistema de Água e Esgosto de Chapada dos Guimarães (SAAE), Aryson Augusto Adriano Albernaz (foto), de 27 anos. Ele dirigia o veículo Golf, de cor prata, pela recém-asfaltada MT-020, que liga o...

Fabio diz vencer "homem do paletó"

fabio garcia 400 curtinha   Na reunião do DEM na 5ª, no gabinete do presidente da AL, Eduardo Botelho, com presença de oito integrantes da cúpula (Jayme, Júlio, Botelho, Fabinho, João Celestino, Beto, Cesar Miranda e Domingos Sávio), Fábio Garcia (foto), que provocou a maior crise ao mudar...

Morre presidente do Grupo Barralcool

petroni barralcool curtinha 400   Morreu neste sábado, em Cuiabá, aos 88 anos, o diretor-presidente do Grupo Barralcool, João Nicolau Petroni (foto). Ele foi um dos pioneiros no setor sucroenergético do Estado e o primeiro presidente do Sindicado das Indústrias Sucroalcooleiras de MT (Sindalcool). Era...

Abracrim cita arbitrariedade na SESP

michelle marrie abracrim curtinha 400   Michelle Marrie (foto), presidente da Associação Brasileira dos Advogados Criminalistas do Estado, contesta a nota em Curtinhas entitulada "Secretário, Abracrim e saia-justa", sobre o fato de uma advogada ter se infiltrado na coletiva à imprensa concedida pelo...

Governo monitora crise na segurança

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro monitora de perto a crise instaurada no setor de segurança devido à operação desencadeada na Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá, para acabar com regalias de presos "da pesada", que comandam o crime organizado de dentro das celas. Houve...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.