Judiciário

Segunda-Feira, 11 de Junho de 2012, 09h:52 | Atualizado: 11/06/2012, 12h:35

SINOP

TRE julga recurso contra Juarez na 3ª; denúncia pode ser forjada

TRE julga recurso contra Juarez na 3ª; juiz diz que denúncia foi forjada

Edson Rodrigues--Juarez Costa (PMDB), prefeito de Sinop     O TRE deve julgar nesta terça (12) um recurso do Ministério Público contra a decisão que inocentou o prefeito de Sinop, Juarez Costa (PMDB), da acusação de compra de votos nas eleições de 2008. Sob relatoria do jurista Samuel Franco Dalia Junior, o caso é tido como um dos mais emblemáticos do último pleito, junto ao do prefeito cassado de Rondonópolis, Zé do Pátio (PMDB).

     Juarez chegou a ter o mandato cassado em primeira e segunda instâncias, mas conseguiu reverter à decisão do TRE, que determinou a realização de novo julgamento. Em 26 de outubro do ano passado o juiz eleitoral Mário Augusto Machado decidiu pela inocência do prefeito e ainda multou em R$ 15 mil a autora da denúncia: a coligação Ação e Desenvolvimento, do então candidato a prefeito Paulo Fiúza (PV).

      Conforme documentos obtidos pelo RDNews e tidos como “chave” pela defesa de Juarez, a acusação teria sido forjada pelo grupo. Acontece que, em depoimento, inclusive citado na decisão do juiz eleitoral, Ataíde Tenório da Silva admitiu ter mentido ao Ministério Público na primeira vez que foi ouvido, quando acusou Juarez. Ele declarou que queria apenas conseguir sua aposentadoria. “O depoente nunca presenciou Juarez Costa e candidatos a vereador dando vales combustíveis para aqueles que colocassem adesivos nos veículos”, diz trecho do depoimento.

--Imagem do vídeo que revela o suposto flagrante da utilização de ticket combustível que teria sido distribuído por Juarez Costa em troca de votos nas eleições de 2008      Outra prova substancial seria um vídeo, divulgado com exclusividade pelo RDTV nesta segunda (11), que teria sido montado para incriminar a coligação de Juarez, intitulada Todos por Sinop. As imagens mostram carros com adesivos alusivos ao peemedebista abastecendo num posto de combustível com os tickets distribuídos pela ADM. Para o magistrado, os autores da ação se utilizaram de “deslealdade e má-fé” ao forjar as reproduções cinematográficas. “Fizeram uma montagem de automóvel marca/modelo Fiat/Pálio conduzido por seu secretário, alterando a verdade dos fatos, a fim de enganar a Justiça Eleitoral e prejudicar a parte adversa”, diz trecho da decisão.

      Ainda de acordo com o magistrado, não há nos autos nenhuma prova de doação, oferta, promessa ou entrega de bem ou vantagem pessoal com o fim de obter voto de eleitores. “Ao contrário disso, ficou comprovado na instrução probatória, especialmente, pelos depoimentos das 9 testemunhas válidas e do exame elaborado pelo perito judicial, que as acusações da coligação autora são desleais e destituídas de fundamentos”.

      Juarez foi acusado de distribuição de lotes de vales-combustíveis por parte da empresa ADM, financiados pelo Governo. Os lotes somaram 30 mil litros de combustível. Destes, 20 mil seriam para utilização dos candidatos proporcionais da coligação vitoriosa.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • sandro | Domingo, 17 de Junho de 2012, 20h07
    0
    0

    graças a deus que ainda tem pessoas sabias ,e que sabem julgar o que é certo e o que o errado,mesmo com todas as maldades que tentam fazer com o prefeito de sinop,tentando manipular e construindo provas a resposta esta ai,muitos envestimentos ao povo sinopense,aplicando os recursos em prol a sociedade e não a interesses pessoais valeu prefeito juarez o pior cego é aquele que não quer enxergar e ainda tenta faser a cabeça de pessoas humilde mas o povo não é mais bobo,e a resposta vai ser muito maior em outubro, do que foi em 2008 o importante é que o povo sabe escolher ,sinop é outra depois que o senhor virou prefeito,sinto orgulho dessa terra,eu ainda acredito em politicos honestos e o senhor tem o eu apoio.

  • LUIZ | Sexta-Feira, 15 de Junho de 2012, 09h21
    0
    0

    JOAO MANOEL GUERRA JUIZ DE DIREITO DE SINOP-MT, PESSOA IDONEA JULGOU PELO AFASTAMENTO DO PREFEITO DE SINOP NO CARGO E SO ESTA NO PODER ATE HJE POR FORÇA DE LIMINARES QUE CONSEGUIU TODOS SABEM COMO NE????? MAS A JUSTIÇA DEVERA SER FEITA E SINOP SO TEM QUE AGRADECER AO BRILHANTE ADVOGADO DR MARCO AURELIO, ESPERO QUE JUNTO COM O MINISTERIO PUBLICO ESSE PREFEITO QUE SINOP NAO MERECE SEJA PUNIDO COM RIGOR DA LEI.

  • Ivanildo Ramos Vieira | Terça-Feira, 12 de Junho de 2012, 08h03
    0
    0

    DE VOLTA PRO FUTURO- APURAÇÃO da eleição de 07 de outubrode 2012 em SINOP/MT,vai acontecer HOJE, em CUIABÁ/MT;a esperança dos desesperados e sem votos de Sinop, esta ancorada na revogação das decisões anteriores tanto do TRS,TSE e justiça eleitoral de Sinop/MT, tudo por conta de um recurso do MPF,que diga se de passagem já tinha dado vistas ao procedimento nas fases anteriores;na DEMOCRACIA todo o PODER emana do povo,que o TRE/MT, possa livremente, dar o veredito final entre a verdade das urnas e a FARÇA de uma oposição que sabia antecipadamente que seria derrotada; neste ano não sera diferente,a resposta da população aparece nas constantes pesquisas de opinião e intenções de voto,tanto que o R.Dorner/PSD já desistiu,deixando a oposição em Sinop a ver navios,demonstrato claramente que tem dinheiro mas não é para sapecar porco com nota de R$ 100...

  • paulo | Segunda-Feira, 11 de Junho de 2012, 16h01
    0
    0

    39.000 litros de gasolina confiscado pela promotora de Sinop em um posto de gasolina.Vale apena lembrar que o atual prefeito foi julgado e condenado em 2008,em primeira e segunda estância.O prefeito assumiu amparado por uma liminar dada pelo desembargador,Evandro Estáble,que está afastado por corrupção.muito estranho

  • luis medeiros | Segunda-Feira, 11 de Junho de 2012, 12h17
    0
    0

    Valdir Guinetto da Silva foi completo em seu comentário. Pergunto-me, para finalizar: cadê a OAB local e de MT que não tomou nenhuma inicativa com a atitude do advogado Marco Aurélio, denunciado em "fabricar" provas? Por sua vez o Márcio Vasconcelos indaga, com sapiência a "fonte fidedigna (???)" do juiz Guerra?? E dai Guerra, cite a fonte fidedigna??!!

  • JUCA | Segunda-Feira, 11 de Junho de 2012, 11h32
    0
    0

    e a condenação a pagar os 3 milhões devidos e não declarados.

  • Valdir Guinetto da Silva | Segunda-Feira, 11 de Junho de 2012, 11h29
    0
    0

    É exatamente isso mesmo.A oposição forjou, sacaneou, fez de tudo para tirar o mandadto do Juarez, tentaram na marra mas não conseguiram. O TRE não tem outra alternativa a não ser inocentar de vez o Juarez, porque é lamentável prejudicar um prefeito e uma cidade inteira por interesses pessoais e politiqueiros. O Juarez que inclusive já foi inocentado pelo TRRE e TSE e esta oposição que não engoliu a derrota acachapante não se conforma, mas vão ter que engolir o Juarez por mais 4 anos e muito mais. Agora porque o ministério público que gosta tanto de aparecer e se promover não investiga e pune a oposição em Sinop por calúnia e difamação.

  • Marcio Vasconcelos | Segunda-Feira, 11 de Junho de 2012, 11h25
    0
    0

    Sinop não é Hollywood! Vídeo fraudulento, testemunha desmente versão, falta de imparcialidade no despacho por parte do juiz que cassou JC baseado em fonte fidedigna que até hoje ninguém sabe quem é... A verdade é que JC tem feito um mandato brilhante e a população está satisfeita! Oposição tenta desesperadamente tirar JC da disputa deste ano, pois infelizmente não há adversário de porte. JC tinha mais de 70% das intenções de votos desde o início daquela campanha. Precisava comprar voto? O colégio eleitoral de Sinop é maduro, a população instruída, sabe o que quer e o que precisa. Não se vende por gasolina. sabe escolher por propostas, trabalho prestado e seriedade.

  • Léo Kuiabano | Segunda-Feira, 11 de Junho de 2012, 11h18
    0
    0

    Foge da compreensão de qualquer cidadão as razões e os porques do TRE somente deixar pra julgar essas ações já depois de transcorrido mais de 95% do tempo de mandado desses prefeitos. Será que excesso de serviço seria uma boa justificativa??

  • milton cruz | Segunda-Feira, 11 de Junho de 2012, 11h15
    0
    0

    Paranatinga agoniza, pois a mídia virou as costas. Um dos maiores escandalos da cidade, o afastamento do cartorario Antonio Francisco de Carvalho por falsificacao de documentos, nao esta sendo tratado pela imprensa como deveria. Os cidadaos de boa fé estao nas maos de uma pessoa que da autenticidade a documentos e matriculas de terras. A cidade pede socorro para isso nao continue acontecendo.

Olhar Dados mantém EP na liderança

emanuel pinheiro 400 curtinha   A sexta pesquisa do Olhar Dados sobre intenções de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada nesta terça pelo site Olhar Direto, traz o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) estável, em primeiro, com 31,2%. Em segundo, com 7 pontos atrás, figura Abílio Júnior, com...

Meraldo disputa e contra próprio irmão

meraldo sa 400 curtinha   Meraldo Figueiredo Sá (foto), ex-prefeito de Acorizal por dois mandatos, está rindo à toa. Mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral, por considerá-lo ficha-suja, Meraldo conseguiu deferimento do registro de sua candidatura. E entra no embate eleitoral com...

Gamba e efeito-vice em Alta Floresta

chico gamba 400 curtinha   O agricultor Chico Gamba (foto), que concorre a prefeito de Alta Floresta pelo PSDB, estaria disposto a substituir a vice da chapa, a empresária Roseli Gomes, a Rose da Tradição (PSC), por esta enfrentar forte desgaste político, rejeição popular e até denúncia. Mas,...

PT, candidata vetada e novo ajuste

bob pt 400 curtinha   O PT em Cuiabá, comandado pelo assessor do deputado Lúdio, Elisvaldo Almeida, o Bob (foto), terá de ajustar de novo a chapa proporcional, especialmente sobre candidaturas femininas em Cuiabá. Depois que foi intimado pela Justiça a completar a cota de mulheres, sob pena de indeferimento da...

TCE vê superfaturamento em Juara

carlos sirena 400 curtinha   Em plena campanha eleitoral o prefeito de Juara, Carlos Sirena (foto), candidato à reeleição pelo DEM, está tendo que buscar explicações sobre irregularidades apontadas pelo TCE-MT em alguns casos de dispensa de licitação, especialmente nas compras de produtos para...

Doação à campanha a pedido de Jayme

jayme campos 400 curtinha   O senador Jayme Campos (foto) não tirou um centavo do bolso para colocar na campanha de Kalil Baracat, mas é o responsável pela entrada de praticamente a metade dos R$ 1,4 milhão doados ao candidato do MDB à Prefeitura de Várzea Grande. Graças à...