Legislativo

Quarta-Feira, 12 de Março de 2014, 07h:36 | Atualizado: 13/03/2014, 08h:51

AL adia votação do projeto que altera MT Saúde; deputado pede apreciação

Os deputados estaduais, mais uma vez, protelaram a votação do polêmico projeto do MT Saúde. A mensagem deveria ter entrado em pauta na sessão de ontem (11), primeira após o carnaval. “Vou cobrar todos os dias a Mesa Diretora da Assembleia”, enfatiza o deputado Emanuel Pinheiro (PR), que apresentou 12 emendas à mensagem do Executivo. Os parlamentares “empurram” a apreciação desde o final do ano passado.

O republicano afirma que, com a aprovação das 12 emendas, o MT Saúde deve conseguir se reestruturar. Destaca duas: uma contra a medida do governo em zerar a sua participação financeira no plano e a outra que beneficia os aposentados. Ambas, no entanto, podem sofrer resistência do Executivo, que deve escalar o líder Jota Baretto (PR) e o presidente Romoaldo Junior (PMDB) para barrar os pedidos.

De acordo com o projeto, o governo tem até 2024 para zerar os investimentos no plano, ou seja, a partir desta data passará a não contribuir financeiramente com o MT Saúde, na prática, o custo será pago pelos próprios servidores. Hoje, o Executivo arca com cerca de 70% e, com a aprovação do projeto, já haverá uma redução. Emanuel pede para que o Estado pague pelo menos 30%.

A discussão acerca do montante que o governo deve contribuir ainda vai longe. Uma vez que o TCE alega que o poder público não pode pagar nada, alega ser inconstitucional. O tribunal defende que o Palácio Paiaguás precisa investir mais na saúde pública. Emanuel, por sua vez, explica que não há ilegalidade e que o Executivo deve continuar investindo no plano, visto que o Estado como patrão deve, sim, ajudar os servidores.

A outra proposta do deputado é a respeito de pessoas acima dos 60 anos. O parlamentar quer que estes não tenham a tarifa do plano reajustada. Acontece que uma das alterações será justamente a readequação da tabela de preços. Atualmente o plano é composto por 12 mil servidores, o que totaliza 30 mil pessoas contando os dependentes.

Após recesso, deputados prometem votar polêmico projeto do MT Saúde

 

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Neurilan critica Pivetta e faz campanha

otaviano pivetta 400 curtinha   Em discurso em Tangará da Serra, num evento promovido pela AMM que serviu de palanque eleitoral, Neurilan Fraga disparou críticas ao vice-governador Pivetta (foto), que também pretende concorrer ao Senado. Disse que Pivetta não aceita nem discutir o valor repassado hoje aos...

Evento da AMM para pré-candidatura

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto), que aproveita o trunfo de presidente da AMM para tentar projeção política, insiste na pré-candidatura ao Senado, mesmo com a filiação oficial ao PL fora do prazo exigido pela legislação, o que ensejará no indeferimento do registro. E...

Selma, carreata e "ciúmes políticos"

selma arruda 400 curtinha   Quem vê Selma Arruda (foto), senadora cassada por crimes eleitorais, e o ex-senador e federal José Medeiros afinados no Podemos, nem imagina que no pleito de 2018 ela optou por distanciá-lo motivada simplesmente por "ciúmes políticos". Selma carregava o slogan de "Senadora de Bolsonaro"....

Reunião pra debater viabilidade do VLT

wellington 400 curtinha   Após participar de uma reunião na Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana, o senador Wellington (foto) revelou que no próxmo dia 10 vai ser realizado encontro com o secretário José Carlos Medalia e com integrantes do Governo de MT para discutir a viabilidade do VLT, cujas obras...

Estado reduz número de homicídios

alexandre bustamante curtinha 400   O secretário Alexandre Bustamante (foto), de Segurança Pública, está comemorando a redução do número de crimes em MT.  O Estado fechou 2019 com a menor taxa de homicídios dos últimos 10 anos. Nos 12 meses do ano passado foram contabilizados...

Acerto pra Pivetta se filiar ao Podemos

alvaro dias curtinha   Mais uma demonstração de que o senador Álvaro Dias (foto), líder do Podemos no Congresso, está ignorando a pré-candidatura ao Senado do seu próprio colega de partido, deputado José Medeiros. Álvaro já acertou com Pivetta apoio na disputa à...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Sobre a senadora Selma Arruda, que teve mandato cassado por caixa 2 e abuso de poder econômico, você acha que ela foi...

ingênua

corrupta

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.