Legislativo

Quarta-Feira, 14 de Agosto de 2019, 20h:45 | Atualizado: 19/08/2019, 09h:48

Placar de 10 a 8

AL reprova indicação para Ager e Botelho reclama de "canalhice" de deputado - leia

Ronaldo Mazza

Botelho Max AL

Para Eduardo Botelho, Max Russi que articulou a rejeição de indicado à direção da Ager-MT

Os deputados estaduais rejeitaram em votação secreta, pelo placar  de 10 votos a oito, a indicação de Emerson Almeida de Souza para o cargo de diretor da  Agência de Regulação dos Serviços Delegados (Ager-MT). Já José Rodrigues Rocha Júnior foi aceito por 17 votos a zero. Indicados pelo governador Mauro Mendes (DEM), ambos foram sabatinados no início de julho, mas a votação foi realizada somente na sessão vespertina desta quarta (14).

A rejeição de  Emerson Almeida de Souza desagradou o presidente da  Assembleia Eduardo Botelho (DEM), que atribui o resultado da votação à articulação do deputado Max Russi (PSB). Acusado de praticar “canalhice” diante dos colegas, o socialista optou por não responder e deixou o plenário em silêncio.

Com a aprovação da Assembleia, José Rodrigues Rocha Júnior deve ser nomeado nos próximos dias. Em relação a  Emerson Almeida de Souza, caberá ao governador indicar outro nome para a vaga na Ager-MT que acabou não sendo preenchida.

José Rodrigues Rocha Júnior assumirá o cargo de diretor-regulador de Ouvidoria da Ager. Advogado, foi secretário de Assistência Social de Cuiabá na gestão Mauro e adjunto da Setas no Governo Pedro Taques (PSDB).

Servidor de carreira da Ager desde 2003, Emerson Almeida de Souza seria indicado para Diretoria de Transportes da Ager. O possível motivo da rejeição pelos deputados é o fato de ser investigado pelo Ministério Público Estadual (MPE) por supostas irregularidades na licitação do transporte intermunicipal.

apurou que a rejeição do indicado de Mauro também pode ser um recado da base ao Palácio Paiaguás. Isso porque, apesar da aprovação de medidas polêmicas como o novo Fethab e a reinstituição dos incentivos fiscais, não estão recebendo emendas nem nomeando “apadrinhados políticos.

Na sessão de hoje, 21 deputados registraram presença. Os ausentes foram o licenciado Romoaldo Júnior, Janaina Riva e Doutor João, todos do MDB.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Rodrigues Rodrigues | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 19h21
    6
    1

    É Paulo, é bom o governador abrir bem o olho mesmo e também a casa civil! MP está de olho. Acredito que esse governo não deixará o estado de Mato Grosso voltar ao passado com os rolos que eram feitos na Ager! Parabéns aos Deputados que voltaram contra o emersom que é da turma do Eduardo Moura e do Éder da verde. Parabéns

  • Júlio | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 12h53
    8
    4

    Seriam os deputados coniventes com corrupção?? Fizeram o correto! Botelho abra o Olho! Dizemos NÃO a reeleição

  • Paulo | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 11h42
    4
    7

    Se Botelho falou, é porque pego no ar a traquinagem. rs Claro, Max era o maior interessado. Tá de olho nas parceria que ele tem lá. GOVERNADOR! Abre olho!

  • Gladston | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 09h11
    0
    1

    Gladston, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Nestor | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 08h43
    16
    3

    As licitações do Emerson falam por si.

  • Fernando pesos | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 01h49
    7
    2

    Kkkkkkkk facilidades esse emersom que foi reprovado entende Bem! Está sendo Acusado de receber propina no decreto esdrúxulo do ex governador silval Barbosa.

  • Fernando pesos | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 01h47
    5
    1

    Kkkkkkkk facilidades esse emersom que foi reprovado entende Bem! Está sendo Acusado de receber propina no decreto esdrúxulo do ex governador silval Barbosa.

  • Jorge Fernando | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 00h12
    13
    6

    Parabéns ao deputados! Não deixaram A corrupção Imperar na Ager! Esse emersom foi contra a licitação e foi favorável ao decreto do silval cancelando a licitação. Parabéns aos deputados

  • Astrogilda Falamansa Fonseca | Quarta-Feira, 14 de Agosto de 2019, 22h40
    9
    26

    Essa não aprovação do nome do Emerson foi contra o Estado de MT e principalmente contra os usuários do transporte intermunicipal. Foi uma baita de uma sacanagem. Todos perdem com isso, a não ser esses 10 deputados e outras pessoas q contribuíram pra isso. Seria até importante verificar o q tá por trás disso. Triste isso!

  • Do povo | Quarta-Feira, 14 de Agosto de 2019, 21h36
    12
    23

    Pois é, e que interesse genuíno é esse do Sr. Deputado em articular para reprovar um nome técnico? Será que seu interesse é aprovar alguém que facilitará dentro da Agência algo para o nobre ou para seus amigos?

Partidos acirram disputa a vice de Léo

leonardo 400 curtinha   Em Primavera do Leste, o prefeito emedebista Léo Bortolin (foto), um dos mais bem avaliados gestores mato-grossenses, convive com uma disputa acirrada de pretendentes ao cargo de vice-prefeito de sua chapa. A corrida por novo mandato está tão confortável que Léo praticamente não tem...

MDB e PRB devem se juntar em ROO

luizao 400 curtinha   Ao menos dois blocos de oposição em Rondonópolis estão levando a sério a observação do ex-governador e ex-senador Blairo Maggi, para quem Zé do Pátio ganharia a reeleição numa boa se o município tiver várias candidaturas. Ou seja, quanto...

Parlamentares numa disputa cômoda

thiago silva 400 curtinha   Parlamentares que estão se aventurando na disputa a prefeito nada têm a perder. Não precisam nem se afastar dos mandatos para concorrer ao pleito. Em caso de derrota nas urnas de novembro, continuam com suas cadeiras garantidas até 2022 (situação de estadual e federal) e...

Sob recall e apoiamento de Bolsonaro

roberto franca 400 curtinha   Mesmo isolado e sem grupo político da época em que foi prefeito por duas vezes, Roberto França (foto), filiado ao nanico Patriota, não desiste da pré-candidatura em Cuiabá. E há um motivo forte que o deixa empolgado. Seu nome vem se consolidando como o segundo nas...

Prejuízos para Acorizal de R$ 753 mil

clodoaldo monteiro 400 curtinha acorizal   O conselheiro interino Moisés Maciel concedeu medida cautelar proposta pela secretaria de Controle Externo de Contratações Públicas do TCE, suspendendo de imediato um termo de parceria, em vigor desde 2017, entre a prefeitura de Acorizal e a Oscip Iso Brasil. Foi descoberto...

"Eu não devo um centavo para Júlio"

sergio rezende 680   O empresário e ex-vereador de Chapada dos Guimarães, Sergio Rezende (foto), que foi "enquadrado" pelo cacique político do DEM, Júlio Campos, reagiu, mas sem as críticas duas de antes contra o ex-governador. Irritado pelos ataques feitos por Rezende em um grupo de WhatsApp, Julio gravou um...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.