Legislativo

Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 10h:22 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

RUMO ÀS URNAS

Aliança com PP e PT está quase fechada, confirma Sachetti

  O vice-presidente do PR Moiséis Sachetti confirmou que as conversações com o PT e o PP estão bastante adiantadas e que os republicanos estão a um passo de concretizar a aliança com os republicanos e peemedebistas. “A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, veio inaugurar obras, mas também falar de política”, declarou Moiséis, durante a visita de Dilma a Cuiabá nesta terça (23). Apesar de não querer entrar em detalhes sobre questões partidárias, ele confirma que o apoio do PT está praticamente fechado e que as conversações com o PP estão adiantadas. “Estamos falando com todo mundo. Uma definição maior de tudo isso deve ocorrer apenas em maio”, pondera Moiséis, que já presidiu a sigla e é tido como um dos "cabeças" da cúpula republicana.

   Além de Moiséis, o deputado federal Wellington Fagundes, que preside o PR em Mato Grosso, também ajudará a definir os rumos do partido para as eleições deste ano. Hoje a sigla, que lançou uma campanha para chegar aos 100 mil filiados, é uma das principais do Estado e apoia a pré-candidatura do vice-governador Silval Barbosa (PMDB) ao Palácio Paiaguás. Outra prioridade é a eleição do governador Blairo Maggi ao Senado. O partido tem 33 prefeitos, 18 vice, 229 vereadores, 6 deputados estaduais e 2 federais que vão ser convocados para preparar o palanque para reforçar as candidaturas da aliança que deve ser concretizada nos próximos meses.

   Apesar do partido ser o que tem maior representatividade no Estado, ao ser perguntado sob as perspectivas da sigla para as eleições de 2010 e se o partido pretende lançar chapa pura (na proporcional) para deputado estadual e federal, Moiséis desconversa. “Ainda não definimos isso”. Hoje o PR tem dois deputados federais, Wellington e Homero Pereira, além dos deputados estaduais João Malheiros, Mauro Savi, que é líder do governo na Assembleia, Sebastião Rezende, Sérgio Ricardo, Hermínio J. Barreto e Wagner Ramos.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • peninha | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2010, 18h54
    0
    0

    Valim vc da muita moral pra esse tal de Romilson. Ele só coloca aquilo que lhe convem

  • Renato Reimaton | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 20h36
    0
    0

    Ei alguém tem de avisar esse ai que em 2010 é Wilson na cabeça, bah gauchada.

  • antonio da silva | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 17h34
    0
    0

    analise do economista amado publicado no jornal a gazeta do dia 24/02/2010 reflete a uma analise politica economica e social de mato grosso e brasil.

  • Devair Valim de Melo | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 16h52
    0
    0

    meu rei eu nao acredito que voces foram capaz de mentir em relaçao meu comentario sou comentarista quase oficial em seu site, e nunca falei nada de agressivo e ofenças, desafio voces em colocar o meu comentario e ver as opinioes sobre o meu comentario, voce e democratico Romilsom e eu nao falei nada demais, pega mal o que voces falaram do meu comentario pois eu acho falta de carater essas pessoas que faz isso e com outros nomes..confio em voce quero ver meu comentario - ja

  • DEVAIR VALIM DE MELO | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 16h43
    0
    0

    Meu rei, nao estou acreditando q

  • DEVAIR VALIM DE MELO | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 16h13
    0
    0

    DEVAIR VALIM DE MELO, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Sandro Cesar | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 16h06
    0
    0

    Sandro Cesar, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Germano Souza Cruz | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 15h06
    0
    0

    O povo tá dando tanta importância para esta aliança que ninguém quis comentar a notícia desde sua edição às 10:22hs até agora às 15:15hs. Continue assim Sachetti, que tu vais perder até tuas lavouras, já que de política TU NÃO ENTENDES NADA!!!!!!!!

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...

Euclides, ideia do "calote" e frustração

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado Euclides Ribeiro (foto), que enriqueceu atuando na área de recuperação judicial e hoje detém um patrimônio declarado de R$ 23 milhões, não "decolou" com a candidatura ao Senado. Acreditava-se que sua principal proposta, aquela de recuperar o nome e o...

Empresários revoltados com candidato

vinicius nazario 400 curtinha   Os candidatos a prefeito de Alta Floresta, cidade pólo do Nortão, participaram de uma live nesta terça, organizada pela Universidade do Estado (Unemat). E chamou atenção, vindo a repercutir de forma negativa e provocar certa revolta no comércio local, o comentário do...

Olhar Dados mantém EP na liderança

emanuel pinheiro 400 curtinha   A sexta pesquisa do Olhar Dados sobre intenções de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada nesta terça pelo site Olhar Direto, traz o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) estável, em primeiro, com 31,2%. Em segundo, com 7 pontos atrás, figura Abílio Júnior, com...

Meraldo disputa e contra próprio irmão

meraldo sa 400 curtinha   Meraldo Figueiredo Sá (foto), ex-prefeito de Acorizal por dois mandatos, está rindo à toa. Mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral, por considerá-lo ficha-suja, Meraldo conseguiu deferimento do registro de sua candidatura. E entra no embate eleitoral com...

Gamba e efeito-vice em Alta Floresta

chico gamba 400 curtinha   O agricultor Chico Gamba (foto), que concorre a prefeito de Alta Floresta pelo PSDB, estaria disposto a substituir a vice da chapa, a empresária Roseli Gomes, a Rose da Tradição (PSC), por esta enfrentar forte desgaste político, rejeição popular e até denúncia. Mas,...

MAIS LIDAS