Legislativo

Quinta-Feira, 11 de Julho de 2019, 18h:07 | Atualizado: 11/07/2019, 18h:12

PEC DA PREVIDÊNCIA

Apesar da fidelidade, bancada de MT fica sem emendas liberadas no dia da votação

Marcos Corrêa

Jair Bolsonaro

Presidente Jair Bolsonaro durante audiência com o ministro da Agricultura em exercício, Marcos Montes, nesta 5ª

Apesar da fidelidade da bancada na Câmara dos Deputados, que votou em peso a favor do texto-base da reforma da Previdência, aprovada na noite dessa quarta (10), Mato Grosso não foi contemplado com os mais de R$ 439,6 milhões em emendas parlamentares, destinadas a ações de saúde nos municípios, que foram liberadas pelo Governo Jair Bolsonaro (PSL). A informação é da ONG Contas Abertas. 

As unidades da federação beneficiadas pelas emendas parlamentares liberadas ontem são: Acre, Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, São Paulo e Sergipe.

O placar da votação do texto-base da reforma da Previdência surpreendeu: foram 379 votos a favor e 131 contrários. Somente a deputada Rosa Neide (PT) votou contra. Os demais integrantes da bancada de Mato Grosso na Câmara – Nelson Barbudo (PSL), José Medeiros (Podemos), Emanuelzinho (PTB), Neri Geller (PP), Carlos Bezerra (MDB), Doutor Leonardo (Solidariedade) e Juarez Costa (MDB) - foram favoráveis à proposta encaminhada pelo Palácio do Planalto.

A liberação dos mais de R$ 439,6 milhões ocorreu um dia após ser disponibilizado outro R$ 1,135 bilhão também para a saúde por meio de emendas. Com isso, só entre terça (9) e quarta, foi autorizada a liberação de R$ 1,574 bilhão.

Emendas parlamentares são recursos previstos no Orçamento da União cujas aplicações são indicadas por deputados e senadores. O dinheiro tem de ser empregado em projetos e obras nos estados e municípios. (Com informações do G1

 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • CRC | Sexta-Feira, 12 de Julho de 2019, 10h11
    1
    0

    Isso foi o maior ROUBO que a população sofreu: A perda dos direitos à aposentadoria. Quando ao presidente, COMPROU VOTOS, É CORRUPTO, DEVE SOFRER IMPEACHMENT. Quando aos deputados, são corruptos TODOS que receberam para votar em desfavor da população que os elegeu para defender os direitos da maioria. O Brasil e sua classe política, cada vez pior, é nepotismo por parte do presidente, é mensalão para aprovação de projetos, é Juiz que interfere e enviesa investigação. E o mais grave, MUITOS ainda achando que votaram certo.

  • Márcio | Sexta-Feira, 12 de Julho de 2019, 07h47
    2
    2

    Faltou dizer que essas emendas parlamentares são impositivas (que não se consegue nem se pode rejeitar) ou seja obrigatórias. Esses jornalistas parecem ter preguiça de pesquisar, analisar e apresentar os fatos como realmente são, falta imparcialidade.

Matéria(s) relacionada(s):

Partidos com 2 ou mais pré ao Senado

margareth buzetti 400 curtinha   Dirigentes partidários estão passando apurado, nesta fase de pré-campanha, para conduzir o processo de escolha de candidatura ao Senado para a vaga de Selma Arruda, cassada por crimes eleitorais. Mesmo sabendo que as chances são remotíssimas de êxito nas urnas, alguns...

Muitos cuiabanos votam em Chapada

thelma de oliveira 400 curtinha   A ex-deputada federal Thelma de Oliveira (PSDB), que em 2016 transferiu o domicílio eleitoral de Cuiabá para Chapada dos Guimaráes, já está trabalhando nos bastidores o projeto de reeleição. E, agindo nos bastidores e de forma estratégica, ela conseguiu um...

Câmara cassará 4º eleito em 11 anos

ricardo saad 400   O emblemático e inconsequente Abílio Júnior (PSC) caminha para entrar para os anais da Câmara de Cuiabá como o quarto vereador a ter o mandato cassado nos últimos 11 anos. Parecer da Comissão de Ética, sob relatoria de Ricardo Saad (foto), é pela perda da cadeira...

Apto, ex-prefeito vai disputar Chapada

gilberto mello 400 curtinha   O ex-prefeito de Chapada dos Guimarães, Gilberto de Mello (foto), contesta registro no Curtinhas, citando que ele estaria inelegível por responder a alguns processos e ter amargado condenações pela Justiça - saiba mais aqui. Filiado ao PL e disposto a ir à...

PT-Cuiabá sugere disputa ao Senado

bob pt 400 curtinha   Em resolução do diretório de Cuiabá, aprovada nesta quinta após discussões ampliadas, o PT municipal, presidido por Bob Almeida (foto), decidiu recomendar à Executiva Estadual o projeto de candidatura própria ao Senado. O documento dispara críticas tanto ao Governo...

Prefeituras agora pagam 27% de TIP

neurilan fraga 400 curtinha   A reforma tributária do governo estadual, aprovada pelos deputados, incluiu 27% de taxa de iluminação pública. Antes eram isentos. Com a cobrança do tributo, a conta de energia das prefeituras vai às alturas. A fatura de Cuiabá vencida em 28 de dezembro, por exemplo, foi...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.