Legislativo

Terça-Feira, 29 de Outubro de 2019, 14h:05 | Atualizado: 29/10/2019, 14h:15

NO PAIAGUÁS

Após aproximação com Podemos, Mauro e Selma se reúnem para discutir segurança

Assessoria

Selma Arruda e Mauro Mendes

Selma Arruda é recebida por Mauro Mendes em seu gabinete

A senadora Selma Arruda (Podemos) e o governador Mauro Mendes (DEM) se reuniram na sexta (25) para tratar sobre as emendas destinadas pela parlamentar à segurança pública do Estado. Os recursos serão alocados para fins específicos como a construção da Delegacia de Combate a Corrupção (Decor),  melhorias no Laboratório Contra Lavagem de Dinheiro (Lab) e a aquisição de equipamentos de proteção individual de policiais como coletes balísticos femininos, entre outros. O secretário estadual de Segurança Pública, Alexandre Bustamante,  também participou das conversações.

A reunião aconteceu um dia depois de Mauro comparecer no Encontro Municipal do Podemos, partido que acolheu Selma após sua ruptura com o PSL do presidente da República Jair Bolsonaro. Na ocasião, o governador sinalizou que pretende caminhar junto com a legenda,  que também abriga o deputado federal José Medeiros e o vice-prefeito de Cuiabá Niuan Ribeiro,  nas eleições de 2020.

No evento do Podemos, Selma avaliou o Governo Mauro e declarou que o democrata assumiu o Estado com um “grande rombo nos cofres públicos” e  vem tomando medidas,  mesmo não agradando muitos segmentos, principalmente os servidores públicos,  para tentar equilibrar as finanças.

“É difícil administrar crise, dividas e caos. Acho que dentro do que pode ser feito ele está fazendo. Não é nada de extraordinário ou sensacional, mas acredito que é um governo que vai conseguir ajudar esse Estado a sair dessa crise e vejo isso com muita esperança”, destacou.

 Emendas

Sobre as emendas, Selma ressaltou que a ideia é estruturar efetivamente as polícias e os órgãos de segurança pública do Estado para oferecer melhores condições de trabalho e um atendimento de qualidade para a população. A senadora pediu ao governador que ele garanta o direcionamento da verba para as áreas contempladas nas emendas da parlamentar.

 “O governador e o secretário de Segurança Pública agradeceram a colaboração no sentido de fomentar a segurança e o combate à corrupção e se comprometeram a investir os recursos nas áreas indicadas por mim”, pontuou a parlamentar.

Fazenda de Silval

Uma associação de produtores em Guarantã do Norte pediu apoio de Selma para resolver um impasse referente à ocupação de uma fazenda do ex-governador  Silval Barbosa, que foi sequestrada em favor do Estado e hoje é ocupada por meio de um acordo com o governo estadual por um grupo de 150 famílias.

Agora, com o desdobramento do processo judicial, as pessoas que ocupam a fazenda estão ameaçadas por uma ordem de despejo para leilão do terreno prevista para ser realizada até o dia 6 de novembro deste ano.

Na época da investigação, a fazenda foi avaliada no processo em R$ 33 milhões por Silval. Já o Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), avaliou em R$ 4 milhões, valor este proposto em negociação pelas famílias para ser pago ao Estado para mantê-los no terreno.

Segundo a senadora, os ocupantes  relataram  uma tentativa de fazer audiência de conciliação com a Intermat e a Procuradoria Geral do Estado. Entretanto, os órgãos teriam se  recusado a negociar.

“O governador assumiu o compromisso de cuidar pessoalmente do direcionamento desse problema para que se consiga chegar a uma solução que não seja trágica para as pessoas e também não cause prejuízo ao Estado. Eu espero que o governador dê uma solução mais justa possível e que essas famílias que tiram seu sustento da terra não sejam prejudicadas”, concluiu Selma (Com Assessoria).

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Puxando o "rei" pra baixo em Tangará

reinaldo morais 400 curtinha   A pré-campanha ao Senado do empresário Reinaldo Morais (foto), o "rei dos porcos", evangélico e bolsonarista, vem ganhando aceitação popular em vários municípios. Mas, em Tangará da Serra, enfrenta muita resistência. Algumas pessoas próximas ao...

3 estaduais e 2 federais para prefeito

juarez costa 400 curtinha   Se na Assembleia, três dos 24 deputados se articulam por candidatura a prefeito, na Câmara Federal dois entre oito da bancada mato-grossense também pretendem fazer o mesmo. Tratam-se do emedebista Juarez Costa (foto), que apostará todas as fichas no retorno ao comando de Sinop, e do petebista...

PSDB rachado sobre nome a prefeito

ricardo saad 400 curtinha   O tucanato enfrenta uma incógnita em Cuiabá. A bancada na Câmara, hoje composta pelos vereadores Renivaldo Nascimento, Ricardo Saad (foto) e Toninho de Souza, defende apoio ao projeto de reeleição do prefeito Emanuel Pinheiro. O partido, presidido na Capital por Saad, já faz parte...

Poucos da AL se arriscam pra prefeito

silvio favero 400 curtinha   Inicialmente seriam seis dos 24 deputados estaduais dispostos a concorrer ao pleito de novembro deste ano. Mas a lista vem sendo reduzida à medida que se aproxima das convenções. Sílvio Fávero (foto), por exemplo, sabe que a chance de ganhar a Prefeitura de Lucas do Rio Verde, onde...

Transferindo pandemia para Cuiabá

lucimar campos 400   Prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos (foto) transferiu praticamente o pepino da pandemia da Covid-19 à gestão da cidade vizinha, comandada por Emanuel Pinheiro. Ela faz questão de enfatizar que, numa reunião com porta-vozes do governo estadual, do TCE, da Assembleia e dos dois maiores...

"Oposição desorganizada ajuda Pátio"

blairo maggi 400 curtinha   Com a experiência de quem já foi governador por dois mandatos, senador e ministro da Agricultura, o megaempresário Blairo Maggi (foto) disse, em entrevista numa live nesta sexta, com os jornalistas Eduardo Ramos e Lucas Perrone, que se a oposição não se organizar em...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.