Legislativo

Quarta-Feira, 10 de Abril de 2019, 11h:03 | Atualizado: 10/04/2019, 12h:49

MENSANGEM DO EXECUTIVO

Assembleia aprova a mudança no Fethab para que 10% seja aplicado em saúde

A Assembleia aprovou, na manhã desta quarta (10), o texto final da mensagem 95/2019, do Governo do Estado, que altera um item do novo Fethab, aprovado em janeiro. O governo designará 10% da arrecadação do Fundo para custear a saúde no Estado. 

A medida foi altamente criticada pelo setor de agronegócio, que se colocou contrário à alteração, mas não obteve êxito, já que o valor retirado do Fethab, que será destinado à saúde, abasteceria o MT Participações, autarquia do Estado que é responsável por formalizar Parcerias Público Privadas (PPP).

O presidente de Aprosoja, Antônio Galvan, disse ao , que o setor é contrário ao que ele chama de "desvio" dos recursos do fundo para custear a máquina pública. O recurso deverá somar cerca de R$ 150 milhões este ano, já que a projeção do Governo é arrecadar R$ 1,5 bilhão sobre o Fethab.

Apesar da reclamação dos produtores rurais, o governador Mauro Mendes (DEM)  garantiu na última semana que R$ 100 milhões já arrecadados pelo Fethab sejam investidos na construção de 113 obras.

A retirada dos pelo menos R$ 150 milhões do MT Par serão destinados à saúde apenas em 2019, como proposto por Mauro e aprovado pela Assembleia. O valor deverá ser somado aos cerca de R$ 170 milhões que a bancada federal destinou para a Saúde, em Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Comentarista de Rede Social | Quinta-Feira, 11 de Abril de 2019, 15h37
    0
    0

    E aí, Sentiram na pele o que é vivenciado pelos servidores?

Matéria(s) relacionada(s):

Vereador terá de devolver R$ 106 mil

justino malheiros 400 curtinha   Justino Malheiros (foto), que está licenciado da Câmara de Cuiabá para tratamento de saúde, terá de restituir R$ 106,6 mil aos cofres públicos juntamente com a empresa Votech Tecnologia em Votação Eireli. E o valor deve ser corrigido monetariamente pelo IPCA...

Única suplente com salário no Senado

clerie fabiana curtinha 400   Dos seis suplentes de senadores por Mato Grosso, uma recebe salário pelo Senado. Trata-se de Clérie Fabiana Mendes (foto), segunda-suplente de Selma Arruda. Mas o seu subsídio não é pelo cargo assegurado com a eleição da chapa, mas sim por ter sido nomeada em posto...

Prefeita e R$ 10 mi em obras em Sinop

rosana sinop 400 curtinha   A prefeita de primeiro mandato de Sinop Rosana Martinelli (foto) está fechando o terceiro e penúltimo ano de mandato com uma grande demanda de obras estruturantes. Após licitar, assinou contrato de R$ 10,2 milhões com a construtora e incorporadora Berna, que vai executar o projeto integrado de...

Justiça impede "espetáculo eleitoreiro"

helena 400 curtinha desembargadora   O Judiciário fez justiça ao mandar suspender a eleitoreira CPI contra o prefeito Emanuel. Numa fase já de pré-campanha, em que todos os 25 vereadores cuiabanos e mais uma centena de outros de fora se movimentam pensando na disputa eleitoral e ávidos para criar palanque, nada...

Parlamentar anda cabreiro até na AL

sebastiao rezende 400 curtinha   Sebastião Rezende (foto), que exerce o 5º mandato, anda cabreiro e assustado, até mesmo na hora de circular pelos corredores da Assembleia. E não pode avistar um jornalista que sai correndo. Na terça, após a sessão ordinária, o deputado acelerou os passos quando...

10 anos "adormecida" sobre Energisa

gisela 400 curtinha   Depois de mais de 10 anos atuando no Procon, a advogada e primeira-suplente de deputada federal Gisela Simona (Pros) agora que se acordou para a gravidade sobre a prestação de serviços da Energisa, campeã de reclamações junto ao próprio Procon. Passou todos esses anos sem mover...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O que você acha das denúncias, principalmente sobre pagamento de propina, feitas pelo ex-presidente da AL José Riva, que tenta fechar delação?

São verdadeiras

Nem tudo é verdade

Acho que ele está mentindo

Não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.