Legislativo

Segunda-Feira, 25 de Fevereiro de 2019, 09h:52 | Atualizado: 25/02/2019, 09h:59

Legislativo

Assembleia endurece regras do TCE e determina prestação de contas mensal

Em meio à polêmica sobre a criação de um novo rito para a indicação da vaga de conselheiro, proposto pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), a Assembleia publicou alterações na Lei Orgânica da Corte. Com as novas regras, o TCE fica obrigado a encaminhar trimestralmente suas contas à Assembleia, antes a exigência era apenas anual.

A segunda obrigação é que o TCE terá que prestar contas ao Poder Legislativo, mensalmente e anualmente, por meio de balancetes encaminhados nos trinta dias seguintes ao encerramento do mês e balanço geral no prazo de 60 dias da abertura da sessão legislativa.

A Assembleia impôs também que, no relatório anual, o Tribunal apresentará análise da evolução dos custos do controle e da sua eficiência, eficácia e economicidade. A alteração na Lei Orgânica se deu por meio da Lei Complementar 615/2019, de autoria das lideranças partidárias.

Na prática, enrijece o controle sobre as contas do TCE, que é um órgão independente, mas cuja missão é auxiliar o Poder Legislativo. Chama atenção, que a iniciativa das lideranças partidárias se dá em um momento turbulento entre a Assembleia e o TCE, isso porque desde 31 de janeiro desde ano, quando o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, liberou a Assembleia para fazer indicação da vaga deixada pelo conselheiro aposentado Humberto Bosaipo.

Desde então, o disputado pleito para o preenchimento da vaga colocou as duas casas em embate, isso porque os conselheiros substitutos do TCE defendem a indicação de um nome técnico do que político. Sob  Domingos Neto, o TCE abnalisa três sugestões de ritos.

Na última semana, a Assembleia indicou o deputado Guilherme Maluf (PSDB) para a vaga de conselheiro, mas uma decisão em primeiro grau suspendeu, atendendo pedido do MPE.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • João da Costa | Segunda-Feira, 25 de Fevereiro de 2019, 15h14
    1
    0

    Resumindo: tudo a base de troca, a lei existe mas só se coloca em prática se quando há conflito entre as partes, do contrário nada é feito cada instituição faz o que bem entender.

  • Anderson | Segunda-Feira, 25 de Fevereiro de 2019, 11h27
    1
    2

    Também chama a atenção de todos o fato do MPE se preocupar com a vaga do TCE do neste momento, enquanto que no escândalo dos precatórios do MPE nada foi feito por parte deste mesmo MPE ...... !!!!! Onde estavam vc estes dois promotores ??? Onde estava este juiz ????? Alguém me responda por favor !!???

Matéria(s) relacionada(s):

Máquinas para reciclar garrafas pets

maquina 400 curtinha   Sob iniciativa da secretaria de Inovação e Comunicação da Capital, dentro dos projetos que buscam a sustentabilidade, a prefeitura vai colocar máquinas de reciclagem de garrafas pets em 15 pontos da cidade e com possibilidade de ampliar os locais de recolhimento. Em troca, o cidadão...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

jailton 400 vereador curtinha   Em Rondonópolis, quatro dos 21 vereadores não devem ir à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (DEM), Rodrigo da Zaeli (PSDB), Hélio Pichioni (PSD) e Jailton do Pesque e Pague (foto), do PSDB. Thiago e Rodrigo têm esperanças de concorrer a...

Prefeito apoia vice à briga em Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   Francis Maris vai mesmo declarar apoio oficial à pré-candidatura da empresária Eliene Liberato à sucessão em Cáceres. Em público, o prefeito faz mistério para não contrariar outros pretensos candidatos do grupo e que têm esperanças de receber...

Preparando um dos aliados a federal

mauro carvalho 400 curtinha   Embora não comente publicamente, o governador Mauro Mendes está "costurando" acordos políticos com líderes mais próximos, visando não só o pleito de 2020, mas também às eleições gerais de 2022. Em época de busca de projetos e de...

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.