Legislativo

Sexta-Feira, 25 de Abril de 2014, 15h:54 | Atualizado: 25/04/2014, 15h:59

JOÃO EMANUEL

Ativistas comemoram cassação e cobram responsabilização criminal

Davi Valle/Rdnews

cassacao_ativista_capa.jpg

Ativista Ivonete Jacob, ao lado do presidente do MCCE, Ceará, após a cassação de João Emanuel- PSD

Ativistas e membros da sociedade organizada comemoraram a cassação do vereador João Emanuel (PSD), na manhã desta sexta (25), e também cobraram a responsabilização criminal do parlamentar, até de seus advogados, pela conduta que consideraram pouco ética. “Foi feita Justiça. Um energúmeno deste não podia mais permanecer na Câmara e ser representante do povo”, bradou a ativista Ivonete Jacob, agredida pelo segurança do social-democrata.

O coordenador da Ong Moral, autor da denúncia que culminou na perda do mandato do parlamentar, Bruno Boaventura, também vibrou com o resultado. Observa que esta foi uma decisão histórica, tendo em vista que foi decidida em tempo recorde, em apenas 3h30. Ele lembra que as sessões de cassação de Ralf Leite (sem partido), que posteriormente recuperou o mandato, durou seis horas e a de Lutero Ponce (PMDB) transcorreu por 8 horas a fio. “Isso mostra que os vereadores e a sociedade estão mais conscientes e que é possível fazer uma política séria. Pela terceira vez, em 295 anos, que a Câmara cassa um de seus membros”, festeja.

Boaventura avalia ainda que o julgamento de hoje é resultado da união da sociedade que foi às ruas, desde as primeiras cassações, para pedir justiça e moralização da Câmara. Isso porque a instituição, na última década, sempre tem sido vista como a “Casa dos Horrores”. O coordenador destaca que este é apenas o início do fim da impunidade e que todo cidadão tem que se envolver nas questões políticas. Pontua que todos devem continuar fazendo este controle social, fiscalizando os atos daqueles que administram o dinheiro público e exigindo prestação de contas. “Um vereador que ensina a fraudar licitações não pode ser representante”.

O presidente do Movimento de Combate à Corrupção (MCCE), Antonio Cavalcante, o Ceará, também reverenciou o resultado da sessão. Ressalta que esta cassação vai servir como exemplo para que outros gestores não venham a cometer os mesmos crimes e erros. Lembra que faz 15 anos que a Câmara vem sofrendo sucessivos desgastes e que já estava mais do que na hora de interromper este círculo vicioso. Agora, Ceará diz que João Emanuel e seus advogados deveriam responder processo na Justiça por litigância de má fé, em virtude de terem levado a desembargadora Maria Aparecida Ribeiro a erro para suspender a primeira sessão de julgamento que aconteceria dia 15.

Para obterem a liminar, a defesa do social-democrata alegou não ter recebido, da Comissão de Ética da Câmara, cópia daquele famoso vídeo onde João Emanuel ensina a fraudar licitações no Legislativo e chama os colegas vereadores de artistas. Contudo, veio a público o áudio de uma intercepção telefônica, feita pelo Gaeco e autorizada pela Justiça, que prova que eles tiveram, sim, acesso ao vídeo desde o ano passado. Isso porque, o vereador pede ao advogado Eduardo Mahon cópia desta mídia para mostrar ao sogro José Riva (PSD) e ao governador Silval Barbosa (PMDB). “A estratégia dele foi sempre esta, de fazer gincana com a Justiça, mentir, manusear de forma não republicana as provas. Ficou provado que tanto ele quanto os advogados perderam a credibilidade junto ao Judiciário”.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Marcos | Domingo, 27 de Abril de 2014, 16h56
    0
    0

    Esses pseudo paladinos da justiça serão certamente candidatos a cargos eletivos nas próximas eleições. Candidatos sem eira nem beira, que ajudarão a perpetuar a demagogia e a incompetência na política do nosso estado. Vão trabalhar senhores e senhoras.

  • juliane a. tolosi | Domingo, 27 de Abril de 2014, 11h30
    1
    0

    tenho pena desta gente, sede de justiça seletiva, ao mesmo tempo que esta moça brada o grito de justiça contra este jovem, faz vistas grossas ao ocorrido na sentença dos maquinários, na justiça federal e estadual, dois pesos e medidas diferentes, aos amigos a complacências, benesses e as brechas da lei, aos inimigos berros e sanha justiceira.

  • GISLTON | Sábado, 26 de Abril de 2014, 15h58
    2
    1

    Nossa..., Pela expressão na foto, Esta senhora demonstra não ter Jesus em seu coração. Porque tanto ódio assim deste vereador? - Devemos amar e perdoar o próximo mesmo com seus defeitos. Fica ai perdendo seu tempo valioso com coisa material e terrena. Se ele JM ou qualquer um de nós cometeu erros, que prestamos conta a Deus. Eu não perco meu tempo com político mas, ganho meu tempo na URNA 0,0,0 e confirmo plilililimmmmm.

  • Dito labamba | Sábado, 26 de Abril de 2014, 00h07
    2
    0

    quem concorda com o Everson Sanchez da joinha ai!

  • Everson Sanchez | Sexta-Feira, 25 de Abril de 2014, 21h51
    9
    5

    TUDO armação, essa seção foi armada, caçaram, porém ele volta via judicial, as comissões fizeram tudo errado só pra dar margem a contestação judicial, fizeram só um circo, o povo é o palhaço.

  • ANGELO SILVA DE OLIVEIRA | Sexta-Feira, 25 de Abril de 2014, 19h28
    3
    2

    Cuiabá conquistou uma primeira vitória, porem avalio que temos que avançar na pressão social pois existem outros Vereadores que precisam ser cassados por quebra de decoro. Os vereadores honestos não podem ficar estáticos quanto as várias informações que foram divulgadas no vídeos apresentando indícios de envolvimento de outros Vereadores, assim com a fala de João Emanuel cobrando cumprimento de acordo (Que acordo é esse?), e não podemos esquecer a fala do Deputado Riva que alega que seu grenho vinha sendo extorquido (Quem extorquiu) . A investigação tem que avançar que certamente a limpeza sera bem mais abrangente. Cuiabá precisa de LIMPE (Legalidade, Impessoalidade, Moralidade, Publicidade e Eficiência)

  • juca | Sexta-Feira, 25 de Abril de 2014, 17h05
    1
    0

    juca, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Marcos | Sexta-Feira, 25 de Abril de 2014, 16h37
    0
    0

    Marcos, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Stopa vira trunfo do prefeito Emanuel

jos� roberto stopa 400   Filiado histórico do PV, José Roberto Stopa (foto) se tornou espécie de trunfo do prefeito Emanuel Pinheiro. Se o emedebista resolver buscar a reeleição, o que seria o caminho natural, Stopa pode entrar na chapa como candidato a vice ou simplesmente ficar de fora do...

Sem chance para ser desembargador

pio da silva curtinha 400   Pio da Silva (foto) é um advogado que não desiste nunca. Age no meio jurídico como aquele candidato insistente que faz questão de concorrer a cargo eletivo em toda eleição, mesmo sabendo da chance mínima de êxito nas urnas. Pio já se tornou um "eterno"...

Delação de Riva tira apoios à Janaina

max russi 400 curtinha   A delação de José Riva, que deve complicar a vida de vários ex-deputados e alguns dos atuais, dificultou a entrada da filha, deputada Janaina Riva, como primeira-secretária da futura Mesa, que será eleita na próxima semana, com Botelho na presidência pela terceira vez....

Wallace, calendário eleitoral e disputa

wallace 400 curtinha   Cassado em maio de 2015 por gastos ilícitos na campanha, após dois anos e quatro meses de mandato, o ex-prefeito de Várzea Grande, Wallace Guimarães (foto), do PV, está torcendo pelo adiamento da data das eleições. Com ganho de mais tempo, ele acredita que consiga obter ...

Rossato desiste; Lafin livre à reeleição

ari lafin curtinha 400 sorriso   Depois de ensaiar e travar discussões com seu grupo político, o empresário e ex-prefeito de Sorriso, a cidade conhecida como capital nacional do agronegócio, Dilceu Rossato decidiu não disputar a sucessão municipal neste ano. Com isso, o caminho fica mais livre para o...

Fazendo politicagem sobre Covid-19

rubia fernanda 400 curtinha   A tenente-coronel Rúbia Fernanda, pré-candidata ao Senado pelo Patriota, não só ignora medidas protetivas em relação à Covid-19, como isolamento social, mantendo agenda de visitas e reuniões, como passou a fazer politicagem com coisa séria. Numa...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.