Legislativo

Segunda-Feira, 18 de Novembro de 2019, 09h:14 | Atualizado: 18/11/2019, 13h:23

imbróglio

Audiência pública tenta "destravar" a internacionalização do aeroporto de VG

Com o impasse envolvendo a liberação burocrática para a permissão de voos internacionais, com saída e chegada ao Aeroporto Marechal Cândido Rondon, em Várzea Grande, o deputado federal José Medeiros (Podemos) protocolou requerimento na Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU), da qual é vice-presidente, nesta semana, para que todos os atores envolvidos no processo participem de uma audiência pública, em Brasília.

Assessoria

Deputado federal Jos� Medeiros  (Podemos)

Deputado federal José Medeiros lembra que existe interesse mútuo em resolver a questão

A intenção de Medeiros é que as arestas sejam definitivamente aparadas e a classe política, que parece ser a mais interessada em dar fim ao imbróglio, além da população, consiga saber ao certo qual o nó que ainda precisa ser desatado. “É muito angustiante quando temos uma pauta que o Estado quer e obviamente que nós parlamentares também, o Executivo se mostra disposto, mas a técnica engessa a coisa”, comentou.

No requerimento, o vice-líder do presidente Jair Bolsonaro (PSL) na Câmara Federal inclui o chamado a um representante da Secretaria Nacional da Aviação, da Agência Nacional de Aviação Civil – ANAC e um da Receita Federal, além de um profissional responsável pela Empresa Consórcio Aeroeste, que este ano assumiu a gestão do aeroporto de Várzea Grande, Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta. Além dos parlamentares federais de Mato Grosso.

Na justificativa para a audiência pública, que deve ser realizada ainda neste ano, Medeiros afirma que comercialmente já há uma inclinação de várias empresas aéreas a implantaram novas rotas, inclusive um processo avançado da Azul para voo direto para Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. “Existe um interesse mútuo do Mato Grosso em expandir esse mercado do turismo internacional e das aéreas. Temos Nobres, Chapada dos Guimarães e tantos outros potenciais turísticos, que infelizmente vemos limitados por este tipo de entrave. Essa questão da Bolívia se arrasta desde a Copa de 2014”, criticou Medeiros.

O deputado adiantou que, como boa parte das demandas de Mato Grosso, a internacionalização esbarra em filigranas da parte técnica. “Temos rodovias carentes em infraestrutura no nosso estado que já possuem projetos aprovados, dinheiro garantido, mas esbarramos no componente indígena e outros caprichos, enquanto isso o povo sofre. O mesmo vale para esta questão da expansão do aeroporto e alfandegamento. A Receita Federal exigia uma sala de alguns metros maior e depois altera em outro documento. O que nos anima é que o Governo Bolsonaro quer tanto quanto nós acabar com isso”, garantiu.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • DICESAR AMARAL | Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019, 15h50
    0
    0

    Nossa, vai ser uma abertura para nosso povo mato grossense alavancar o turismo e ao mesmo tempo gerar parcerias internacionais de suma importancia para ambas os países, Brasil e Bolivia...eu pessoalmente, conheci só San Matias ali na divisa com Cáceres, e já achei o máximo..!!....trabalho na área do Turismo e garanto que é um retorno garantido tanto pra quem trabalha com receptivo quanto pra quem usufruirá dos passeios bilaterais...!!

  • Moreira | Segunda-Feira, 18 de Novembro de 2019, 11h17
    0
    0

    VG não tem aeroporto. O aeroporto serve e só está lá por causa de Cuiabá.

Puxando o "rei" pra baixo em Tangará

reinaldo morais 400 curtinha   A pré-campanha ao Senado do empresário Reinaldo Morais (foto), o "rei dos porcos", evangélico e bolsonarista, vem ganhando aceitação popular em vários municípios. Mas, em Tangará da Serra, enfrenta muita resistência. Algumas pessoas próximas ao...

3 estaduais e 2 federais para prefeito

juarez costa 400 curtinha   Se na Assembleia, três dos 24 deputados se articulam por candidatura a prefeito, na Câmara Federal dois entre oito da bancada mato-grossense também pretendem fazer o mesmo. Tratam-se do emedebista Juarez Costa (foto), que apostará todas as fichas no retorno ao comando de Sinop, e do petebista...

PSDB rachado sobre nome a prefeito

ricardo saad 400 curtinha   O tucanato enfrenta uma incógnita em Cuiabá. A bancada na Câmara, hoje composta pelos vereadores Renivaldo Nascimento, Ricardo Saad (foto) e Toninho de Souza, defende apoio ao projeto de reeleição do prefeito Emanuel Pinheiro. O partido, presidido na Capital por Saad, já faz parte...

Poucos da AL se arriscam pra prefeito

silvio favero 400 curtinha   Inicialmente seriam seis dos 24 deputados estaduais dispostos a concorrer ao pleito de novembro deste ano. Mas a lista vem sendo reduzida à medida que se aproxima das convenções. Sílvio Fávero (foto), por exemplo, sabe que a chance de ganhar a Prefeitura de Lucas do Rio Verde, onde...

Transferindo pandemia para Cuiabá

lucimar campos 400   Prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos (foto) transferiu praticamente o pepino da pandemia da Covid-19 à gestão da cidade vizinha, comandada por Emanuel Pinheiro. Ela faz questão de enfatizar que, numa reunião com porta-vozes do governo estadual, do TCE, da Assembleia e dos dois maiores...

"Oposição desorganizada ajuda Pátio"

blairo maggi 400 curtinha   Com a experiência de quem já foi governador por dois mandatos, senador e ministro da Agricultura, o megaempresário Blairo Maggi (foto) disse, em entrevista numa live nesta sexta, com os jornalistas Eduardo Ramos e Lucas Perrone, que se a oposição não se organizar em...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.