Legislativo

Segunda-Feira, 11 de Fevereiro de 2019, 17h:00 | Atualizado: 12/02/2019, 12h:47

TRINCHEIRAS NO LEGISLATIVO

Base governista se divide em 2 blocos na AL e deve controlar as 13 comissões veja

Rodinei Crescêncio/Arte/Rdnews

Quadro blocos na AL

Quadro de como está se desenhando os blocos dentro do Legislativo; bloco governista é o maior, mas pode diminuir com saída de Ulysses Moraes

O líder do governo na Assembleia Dilmar Dal Bosco (DEM) dividiu  os apoiadores do governador Mauro Mendes (DEM) em dois blocos parlamentares. Com isso, poderão assumir a presidência e a relatoria das 13 comissões permanentes.      

Liderado pelo próprio Dilmar, o bloco governista tem 12  membros. São eles Doutor Gimenez (PV), Doutor João (MDB), Eduardo Botelho (DEM), Guilherme Maluf (PSDB), Nininho (PSD), Paulo Araújo (PP), Romoaldo Júnior (MDB), Sebastião Rezende (PSC), Sílvio Fávero (PSL), Thiago Silva (MDB), Ulysses Moraes (DC) e Xuxu Dal Molin (PSC).  

Já o bloco independente articulado por Dilmar reúne o líder Doutor Eugênio (PSB), Faissal Calil (PV),  Valmir Moretto (PRB) e Max Russi (PSB). O número de membros pode ser ampliado já que existe a expectativa de atrair Ulysses e as conversações com o parlamentar do DC prosseguem.  

Na semana passada foi anunciado o bloco  Resistência Democrática, que será liderado pela deputada Janaina Riva (MDB).  Além da emedebista, também compõem o bloco:  Lúdio Cabral e Valdir Barranco, ambos do PT; Delegado Claudinei (PSL), Elizeu Nascimento (DC) e João Batista do Sindispen (Pros). 

O deputado Wilson Santos (PSDB) ainda não ingressou em nenhum dos blocos. Entretanto, descarta compor com os governistas liderados por Dilmar. “Tenho convite para integrar os dois blocos independentes e estou avaliando. A decisão deve ser tomada nas próximas horas, mas posso garantir que não estarei junto à base governista”.

Já Dilmar ressalta que a composição dos blocos garante para base governista a presidência e a relatoria das 13 comissões permanentes. Mesmo assim, pontua que está disposto a fazer concessões para oposição com o objetivo de manter o diálogo em aberto.  

“Estamos dispostos a fazer composições. A oposição tem interesse de integrar comissões como de Orçamento, Educação, Saúde e Segurança Pública e vamos atender na medida do possível”, pontuou o líder do governo.

Os blocos formados serão utilizados somente para composição das comissões permanentes. Depois, novas articulações serão feitas para atuação em plenário.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • TIRADENTES | Terça-Feira, 12 de Fevereiro de 2019, 13h41
    0
    0

    Quanto será que levaram por debaixo da mesa para dar apoio a esse governo desgovernado, já estamos gravando tudo e todos, todos os traidores do povo, ficar do lado do governador prepotente, arrogante é tiro certo no pé, 2022 está bem aí, não só não vamos votar nesses canalhas como faremos campanha contra esses traidores, aguardem. Dal Bosco, que o MPE te pegue.

  • Dividir para conquistar | Terça-Feira, 12 de Fevereiro de 2019, 10h32
    1
    0

    Dividir para conquistar.

Matéria(s) relacionada(s):

Maluf reforça gestão eficaz do TCE-MT

guilherme maluf curtinha   O novo conselheiro Guilherme Maluf participou nesta quinta da abertura do programa de capacitação do TCE, Gestão Eficaz, representando o presidente Domingo Neto. Fez um extenso elogio ao programa que considerou ser o maior sucesso do Tribunal, por orientar os gestores a obter maior eficiência,...

MTI, extinção, pressão e cargos DAS

Servidores da MTI (antigo Cepromat) demonstram, na prática, serem os mais organizados no movimento contra a extinção de empresas no Estado. Monitoram de perto os passos do Governo Mauro. Uns resistem, à proposta de acabar com a empresa, como se estivessem numa guerra. Outros concordam com o fim da empresa. O fato é que 172 ja aderiram ao PDV, o que projeta uma redução de 42% na folha salarial. A empresa, em nota, assegura que ainda não...

Selma, artifícios de ontem e de hoje

selma arruda curtinha   Tida como “Sérgio Moro de saias” e juíza linha dura, a senadora Selma Arruda (PSL) sempre foi incisiva contra políticos julgados por ela na 7ª Vara Criminal. Agora, no banco dos réus no TRE-MT, usa o mesmo trunfo tão criticado. À época com o poder da caneta,...

Condenados por "brincar" com giroflex

valdecio_domaquino_curtinha   Agentes públicos parecem não ter noção da responsabilidade e compromisso que têm com a sociedade. Em Dom Aquino, o prefeito Valdécio da Costa (PSDB) e o vereador Fabrício Ribeiro (SD) foram condenados por retirar o giroflex de uma ambulância para colocar em um carro...

Ex-prefeito ganha salário de R$ 6,4 mil

nininho curtinhas   O agricultor e ex-prefeito de Tapurah, Milton Geller, irmão do ex-ministro e federal Neri, virou assessor parlamentar do estadual Nininho (foto). Ganha, em cargo comissionado na AL, R$ 6,4 mil. Cargo como esse nem sempre exige do nomeado o cumprimento do horário de expediente. No fundo, Nininho, que tem base...

Mauro decreta primeiras promoções

Prestes a fechar três meses de mandato, o governador Mauro Mendes assina as primeiras promoções na carreira militar. O oficial bombeiro, tenente-coronel Hector Péricles de Castro, recebeu promoção para a mais alta patente por "requerimento". Isso quer dizer que ele será transferido para a reserva remunerada, com vencimento acima de R$ 30 mil, a partir de 12 de abril. Também já ganhou promoção à patente de coronel...

Sinfra e o emergencial do transporte

luiz henrique curtinha   O conselheiro interino do TCE Luiz Henrique Lima (foto) deu 4 dias para o secretário de Logística e Infraestrutura do Estado, Marcelo Padeiro, se explicar sobre questionamentos levantados a respeito do chamamento público para fazer contrato emergencial para exploração do serviço...

5 vereadores por trás de manifestação

felipe wellaton curtinha   Cinco vereadores de oposição estão instigando um pequeno grupo que se apresenta como motoristas dos aplicativos de transporte de passageiros Uber e 99 Pop a fazer manifestação contra a prefeitura por causa da taxação do serviço na Capital, como o ato desta...

TJ posterga escolha de desembargador

Desembargador Carlos Alberto Curtinha   O TJ está postergando o preenchimento da vaga deixada pela desembargadora Cleuci Terezinha Chagas, em janeiro. Inicialmente havia a previsão de que ocorresse neste mês, mas ficou para os próximos meses. O presidente Carlos Alberto (foto) aguarda abertura de orçamento para...

MAIS LIDAS