Legislativo

Segunda-Feira, 27 de Janeiro de 2014, 16h:40 | Atualizado: 27/01/2014, 18h:12

Câmara vistoria imóvel deixado por Henry; Dorner ocupa o apartamento

.

roberto dorner

Deputado federal Roberto Dorner vai se mudar para imóvel deixado por Henry

A Câmara Federal realizou, nesta segunda (27), uma vistoria no apartamento funcional do ex-deputado federal Pedro Henry (PP). O Legislativo emitirá um laudo técnico sobre o estado do imóvel e dos bens que se encontravam dentro dele nos próximos dias. O espaço será ocupado pelo deputado Roberto Dorner (PSD), de acordo com a Quarta Secretaria, órgão responsável pela definição das ocupações de imóveis do Legislativo federal.

Apesar de já ter sido definido que o social-democrata ocupará o apartamento, ainda não há data para que isso aconteça. A vistoria do imóvel será encerrada nesta terça (28). Foi detectada a necessidade de realizar alguns reparos simples, por problemas pontuais, gerados por desgaste natural pelo uso. O Termo de Ocupação já foi emitido pela Quarta Câmara, mas Dorner só assinará o documento no ato de entrega das chaves.

Caso não ficasse com o apartamento, o deputado receberia um auxílio-moradia, destinado aos parlamentares que não utilizam o imóvel funcional. Dorner, que tomou posse em dezembro do ano passado, ainda não montou o gabinete na Câmara Federal. Ele segue realizando despachos em Mato Grosso.

O apartamento deveria ter sido desocupado pelo mensaleiro em 13 de janeiro, mas isso só aconteceu dia 21. Por conta dos 8 dias de atraso, Henry vai ter de pagar uma multa de R$ 1,013 mil.  Caso ele não quite, o Legislativo pode inscrevê-lo no cadastro de devedor da União e cobrá-lo judicialmente, mas não há data limite para o pagamento da multa.

Dorner era o primeiro suplente da coligação que elegeu Henry e Eliene Lima (PSD). O progressista foi condenado a 7 anos e 2 meses de prisão em regime semiaberto por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O ex-deputado cumpre pena no Centro de Custódia de Cuiabá, conhecido como Polinter. O mensaleiro conseguiu na Justiça autorização para trabalhar na área administrativa do Hospital Santa Rosa, localizado na Capital mato-grossense. Ele vai receber salário de R$ 7,5 mil. 

Recentemente, o progressista teve pedido de deixar a unidade prisional no período da noite e aos finais de semana negado pelo juiz da Segunda Vara Criminal de Cuiabá, Geraldo Fernandes Fidelis Neto. O ex-parlamentar pretendia frequentar curso de pós-graduação em medicina hiperbárica nas sextas e sábados, cursar fisioterapia na Universidade de Cuiabá de noite e também trabalhar como médico legista do Instituto Médico Legal de Cuiabá aos domingos, em esquema de plantão. 

Justiça nega pedidos para Henry estudar e fazer plantões no IML

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Queda-de-braço em Alto Araguaia

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), enfrenta uma queda-de-braço com os vereadores. Recentemente, oito dos 11 parlamentares encaminharam ofício ao chefe do Executivo, inclusive com cópia para o MPE, considerando inoportuna, descabida e suspeita, neste momento de pandemia, fazer obra...

Estado amplia leitos de UTI no Sul

gilberto figueiredo 400 curtinha   O secretário estadual de Saúde Gilberto Figueiredo (foto) reclama, sem citar nome, da forma como a prefeitura rondonopolitana está encarando a pandemia da Covid-19. Mesmo o governo federal já tendo pago diárias antecipadamente e, inclusive por três meses, de 10 leitos de...

Briga inconsequente com Santa Casa

z� do patio 400 curtinha   Acuado pela consequência da falta de planejamento e de gestão, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, está numa luta descabida de tentar encontrar culpados pelo avanço da Covid-19 no município. A prefeitura não construiu, sequer,...

2 secretários acionados sobre compras

ozenira 400 curtinha   Os secretários municipais de Cuiabá, Luiz Antonio Possas de Carvalho (Saúde) e Ozenira Félix Soares (foto), de Gestão, têm 48 horas para prestar esclarecimentos sobre compras, sem licitação, de óculos de proteção e macacões destinados a...

Valdir, conta rejeitada e pedido negado

valdirzinho 400 curtinha   Valdir Pereira de Castro, o Valdirzinho (foto), prefeito de Santo Antonio de Leverger, ingressou com pedido de revisão no TCE sobre o parecer contra aprovação das contas de 2018. O Tribunal apontou uma série de irregularidades, entre elas registros contábeis incorretos, abertura de...

Stopa vira trunfo do prefeito Emanuel

jos� roberto stopa 400   Filiado histórico do PV, José Roberto Stopa (foto) se tornou espécie de trunfo do prefeito Emanuel Pinheiro. Se o emedebista resolver buscar a reeleição, o que seria o caminho natural, Stopa pode entrar na chapa como candidato a vice ou simplesmente ficar de fora do...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a administração Emanuel Pinheiro em Cuiabá

excelente

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.