Legislativo

Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 08h:23 | Atualizado: 12/11/2019, 12h:21

Polêmica

Com saída de presos após decisão do STF, parlamentar teme a morte de Bolsonaro

O deputado estadual Sílvio Favero (PSL) se diz preocupado com a segurança do presidente Jair Bolsonaro, do mesmo partido, agora que condenados em segunda instância podem esperar em liberdade o trânsito em julgado do processo. O parlamentar aponta que a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) vai conceder liberdade a inimigos do presidente.

bolsonaro_favero

Silvio Fávero, ao lado do presidente Jair Bolsonaro, deputado critica decisão do Supremo 

“Nós tememos pela integridade física do nosso presidente Bolsonaro, que passará a correr risco de morte diante destes criminosos a solta. Pois sabemos que os criminosos não gostam do Bolsonaro, do general Mourão e nem do juiz Sérgio Moro”, disse em nota. 

O deputado aponta que é preocupante a liberdade provisória do ex-presidente Lula (PT). “Estamos falando de um homem que roubou o Brasil e está solto, mas Lula é só mais um dos milhares e milhares de criminosos soltos; muitos outros criminosos ainda sairão da cadeia. Isso é que me preocupa”.

Fávero também cita como preocupante a liberdade do ex-ministro do Governo Lula, José Dirceu, a quem considera “um dos criminosos mais perigosos deste país”.

O deputado assevera que a decisão do Supremo beneficiára lideranças de facções criminosas, como o PCC e Comando Vermelho. Advogado, Fávero esquece que criminosos que colocam a ordem social em risco são alcançados pela prisão preventiva antes mesmo da condenação e portanto, acabam não sendo beneficiados pela decisão do STF em relação ao cumprimento da pena somente após o trânsito em julgado. 

“O único caminho que eu vejo, neste momento, será pressionarmos o Congresso Nacional para votar a favor da PEC 410/18 que irá colocar criminosos na cadeia a partir da condenação em segunda instância. Nós queremos, que ao ser condenado pelo segundo juiz, é prisão no lombo do bandido. Que Deus abençoe nosso país, oremos pela vida do nosso presidente Bolsonaro”.

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • Air Francisco Costa | Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019, 10h26
    5
    0

    Mais criminoso de todos são os nossos parlamentares, nas duas esferas de poder. Os que aprovaram a reforma da previdência e que tem aumento de salários acima da média dos demais trabalhadores. Vc sabia que o senado da Re´publica tem 92 médicos e 3 aparelhos de raio x para atender 81 senadores e familiares, mas eles não usam porque tem plano de saúde ilimitado. Esses sim são perigosos.

  • Valdinete Cruz | Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019, 09h13
    8
    0

    QUEM TEM QUE SE PREOCUPAR É ESSE DEPUTADO, QUE SÓ FALA ASNEIRA. O CACHORRO JÁ PEGOU ELE, FOI UM AVISO!

  • Costa | Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019, 08h50
    9
    0

    Com a palavra quem votou nesse (agora deputado) lunático. Inacreditável se deparar com declarações dessa natureza!! Estamos na roça.

  • Pedro Assis | Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019, 01h29
    11
    0

    Vai trabalhar deputado isso sim , em vez de fica falando besteira!

  • ROBSON JOSÉ | Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 21h21
    10
    1

    Eu acho que esse tipo de comentário absurdo, para não dizer insano nem deveria ser publicado, teria coisas mais importantes para ser publicadas em um jornal. E esse deputado teria que dar um jeito de trabalhar.

  • Eleitor | Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 16h08
    16
    1

    DEPUTADO TOMA CUIDADO PARA O BOLSONARO NAO PASSAR POR PERTO DE NENHUM CARRO PORQUE CACHORROS TEM UM SENTIDO AGUÇADO. DEPUTADO VAI TRABALHAR DEIXA DE BAJULAR SERA QUEM BAJULA MAIS O BOLSONARO O SENHOR OU AQUELE BARBUDO?

  • jonas | Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 15h01
    17
    2

    ele nao vai morrer da forma q vc pensa quem vai matar ele politicamente e o povo dele mesmo.

  • Benedita da Silva | Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 14h52
    9
    2

    Foi o vidente Carlinhos aquele que viu tsunami no país, que afirmou que o Alvaro Dias ia ser presidente e o senador acreditou. Foi ele que viu isso?

  • Uilson | Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 14h20
    0
    17

    excelente Deputado... alguém de coragem para tocar o dedo na ferida.

  • Fagner Lemos | Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 11h01
    0
    0

    Vaso ruim não quebra deputado. Disque levou uma facada e não partiu dessa pra melhor, então é mais o sr. morrer primeiro.

Poconé tem hoje vários "prefeitáveis"

euclides santos 400 curtinha   O ex-vereador e ex-prefeito de dois mandatos de Poconé, Euclides Santos (foto), que era do MDB e agora está no PSDB, vem se movimentando nos bastidores para concorrer novamente à sucessão municipal. Seria um dos nomes de oposição ao prefeito Tatá Amaral, que vai tentar...

Apostas do PTB para vereador em VG

silvio fidelis 400 curtinha   Detentor da segunda maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com cinco assentos, atrás somente do DEM da prefeita Lucimar, que conta com sete vereadores, o PTB aposta na hipótese de ao menos manter as cinco vagas. E todos os seus vereadores vão à reeleição, sendo...

Despesas e o uso eleitoreiro de CPI

marcelo bussiki 400 curtinha   Buscando visibilidade pela reeleição em ano eleitoral, alguns vereadores da Capital, vergonhosamente, usaram e abusaram de dinheiro público para promoção pessoal na esteira da CPI do Paletó. A tendência é do relatório paralelo que pede afastamento do...

Sorriso incentiva 40 projetos culturais

ari lafin 400 curtinha   A seis meses de concluir o mandato, o prefeito de Sorriso, Ari Lafin (foto), estabeleceu, dentro do Plano Municipal de Cultura, o "PROMIC - Festival da Cultura 2020" para contemplar 40 projetos cujos valores somam R$ 340 mil, envolvendo artes visuais, artes cênicas, cultura popular, música, audiovisual,...

Quase R$ 2 mi para o Lucas Protegida

binotti 400 curtinha   A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, sob Luiz Binotti (foto), contratou, por R$ 1,9 milhão, um consórcio formado pela Rocha Comércio de Equipamentos, que ficará com a maior "fatia" de R$ 1,4 milhão, e a Airplates Tecnologia da Comunicação, com R$ 521,7 mil, para desevolver o...

Silêncio sobre operação e elo com MBL

ulysses moraes 400 curtinha   O deputado de primeiro mandato Ulysses Moraes (foto), que deixou o DC e se filiou ao PSL, coordenador em Mato Grosso do Movimento Brasil Livre (MBL) e chamado por muitos de paladino da moralidade, mesmo sendo bastante ativo nas redes sociais, não usou a internet para comentar a operação da...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.