Legislativo

Quinta-Feira, 18 de Julho de 2019, 12h:52 | Atualizado: 18/07/2019, 17h:00

Procurador presta esclarecimentos na Assembleia sobre "banda pobre do MPE"

Rodinei CrescêncioArteRdnews

Procurador Janaina

Procurador José Antônio Borges atendeu convite feito pela deputada estadual Janaina Riva

O chefe do Ministério Público Estadual (MPE),  José Antônio Borges,  presta esclarecimentos na próxima terça (23)  aos deputados estaduais,  acerca da participação de promotores no suposto esquema de escutas ilegais durante Governo Pedro Taques (PSDB), conhecido como Grampolândia Pantaneira. A informação foi confirmada pela vice-presidente da Mesa Diretora, Janaina Riva (MDB), que havia solicitado que Borges fosse convidado para falar sobre a “banda podre do MPE”.

 O pedido de Janaina se deu em razão do conteúdo revelado durante depoimento do coronel da PM Evandro Lesco, ex-chefe da Casa Militar no Governo Taques.  O oficial declarou ter grampeado a deputada a pedido do promotor Marco Aurélio de Castro.

“A sociedade precisa de uma resposta e que os culpados sejam punidos com a mesma mão de ferro que o MPE usa para acusar aqueles que não fazem parte da instituição. Se fosse aqui na Assembleia, já teria um monte de policial com mandato de busca e apreensão para levar servidor, apreender documentos, computador e com pedido de afastamento do deputado. Quando se trata da Assembleia é desse jeito que funciona.  E ninguém iria querer saber se o deputado teria ligação com aquela situação ou não”, postou Janaina nas redes sociais.

A deputada avaliou ainda que o depoimento do coronel Lesco expôs uma “banda podre” do Ministério Público e que a instituição, que deveria zelar pelos direitos dos cidadãos, teria patrocinado os grampos ilegais e violado o direito fundamental à privacidade de centenas de pessoas.

O depoimento de Lesco aconteceu na terça (16),  na 11ª Vara Criminal Especializada na Justiça Militar. Ele e outros militares são réus no caso que ficou conhecido como a Grampolândia Pantaneira - esquema de escutas telefônicas.  

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Cristina | Sexta-Feira, 19 de Julho de 2019, 11h59
    8
    1

    Banda podre tem em todos os órgãos públicos. A mídia prova esse fato de forma inarredável. Lastimável, especialmente quando o órgão é de alta hierarquia e deveria dar exemplo. Triste sociedade.

DEM agora sem amarras dos Campos

frankes siqueira curtinha 400   Sem o controle absoluto dos Campos, como nas últimas duas décadas, desde quando era PFL, o DEM, que não elege vereador em Cuiabá desde 2004, vive melhores expectativas, agora sob comando da ala ligada ao governador Mauro. É presidido pelo secretário de Estado de Governo,...

O pulo de Elias do PSDB para o DEM

elias santos 400 curtinha   Elias Santos (foto), irmão do deputado Wilson, agiu como estrategista na construção de sua pré-candidatura a vereador por Cuiabá. Concluiu que teria mais dificuldades de obter êxito nas urnas no PSDB porque os dois vereadores tucanos que vão à...

DEM e voz na Câmara após 16 anos

marcelo bussiki 400 curtinha   O DEM (antigo PFL) passa a ter voz na Câmara da Capital 16 anos depois. Aproveitando a janela de março em que a Justiça Eleitoral permite mudança de legenda sem risco de perda do mandato, dois vereadores migraram para o Democratas, sendo eles Marcelo Bussiki (foto) e Gilberto Figueiredo, que...

MDB agora com 2 na Câmara-Cuiabá

juca do guaran� curtinha 400   O MDB do prefeito Emanuel Pinheiro, que não elegeu vereador em 2016 em Cuiabá, agora ganha duas vozes na Câmara. Tratam-se de Juca do Guaraná (foto), militante histórico do nanico Avante que resolveu migrar para a legenda emedebista, e do recém-empossado...

PT segue sem voz na Câmara-Cuiabá

bob pt 400 curtinha   O PT, presidido em Cuiabá por  Elisvaldo Almeida, o Bob (foto), está mesmo "queimado" e sem prestígio. Em meio ao troca-troca de partido entre os vereadores cuiabanos, aproveitando a janela de março, cujo prazo para mudanças para quem deseja se candidatar em outubro encerrou-se neste...

Deputado, única causa e os interesses

xuxu 400 curtinha   Xuxu Dal Molin (foto), deputado pouco atuante e limitado a defender a bandeira do agronegócio, é mais um daqueles que demonstram, na prática, usar a política para beneficiar os seus. De familiares de agricultores, Xuxu bateu duro, se posicionando contra a proposta encaminhada pelo governador Mauro...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.