Legislativo

Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021, 20h:18 | Atualizado: 16/01/2021, 08h:42

GUERRA DA VACINA

Deputado bolsonarista pretende proibir vacinação obrigatória em MT - confira

O deputado estadual Sílvio Fávero (PSL), defensor do presidente da República Jair Bolsonaro, apresentou projeto de Lei (Leia aqui) que proíbe a obrigatoriedade da vacina contra a Covid-19 em Mato Grosso. O texto estabelece que o Poder Executivo, por meio do governador, secretários de Estado ou chefes de órgãos vinculados, não pode estabelecer a obrigatoriedade da imunização.

Fablicio Rodrigues

Silvio Favero

Seguindo as diretrizes do presidente Jair Bolsonaro, deputado Sílvio Fávero quer proibir a obrigatoriedade da vacina contra a Covid-19 em todo o Estado

 Além disso, o PL de Fávero determina que  pais e/ou responsáveis poderão escolher pela vacinação ou não dos mato-grossenses com idade inferior a 14 anos de idade.

 Segundo o parlamentar, a proposição  tem por objetivo assegurar o direito de o cidadão mato-grossense escolher ou não pela sua vacinação contra a Covid-19, visando estabelecer que o direito de escolha   é individual. Afirma ainda  que busca evitar que a vacinação seja compulsória porque, na sua opinião, existe  insegurança quanto à eficácia e eventuais efeitos colaterais das vacinas.   

“Onde apresentam um risco que, sem dúvida alguma, é irreparável, já que os efeitos a curto, médio e longo prazo da vacina são desconhecidos,   a obrigatoriedade de ser vacinado se mostra inconstitucional, já que colocará vidas em risco”, argumenta na justificativa.   

  “A vacinação compulsória nesse caso será um verdadeiro teste em massa na população brasileira, que será exposta a riscos potenciais e irreparáveis, em violação aos mais elementares direitos fundamentais assegurados pela Constituição Federal de 1988”, completa o parlamentar.

       Resposta a Botelho

Na verdade, Fávero apresentou o projeto de lei em resposta ao presidente da Assembleia Eduardo Botelho (DEM). O democrata propôs o Programa Emergencial de Vacinação contra a Covid-19 impondo  restrições para quem não se vacinar em Mato Grosso, o que na prática torna a imunização obrigatória.

Segundo o projeto de Lei, será obrigatória a comprovação de imunização para ingresso nas creches, estabelecimentos de ensino fundamental, médio e superior, públicos ou particulares, de crianças, alunos, professores, funcionários e prestadores de serviço.

Também será necessário apresentar o comprovante para embarque em aeronaves, embarcações, trens, ônibus, metrô e demais modais de transporte. 

A comprovação de imunização ainda será necessária para obtenção de documentos públicos, inscrição em concursos públicos, ingresso em cargos públicos e demais modalidades de prestação ou relação com poderes públicos.

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • Zeca Valeiro | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2021, 11h20
    0
    1

    Eu vou me vacinar. Mas o deputado está com a razão, pois a Constituição não obriga a vacinação de nenhum adulto. Apenas de recem nascidos à idade escolar.

  • Pedro | Sábado, 16 de Janeiro de 2021, 17h50
    9
    10

    Beleza estao todos condendando, ai seu filho toma vacina da uma reaçao e morre E ai? Quem responsabilizar. Eu acho errado ser obrigatorio pois ja foi mostrado reacoes as pessoas que tomaram, inclusive ha recomendacao nos Estados Unidos que alergicos nao tomem a vacina. Sera um teste em massa e ai vcs vao ver as reacoes e as mortes no Brasil quando comecar a vacinar. Cada um faz sua escolha

  • Benedito costa | Sábado, 16 de Janeiro de 2021, 13h27
    10
    7

    Se esse Deputado é contra a obrigatoriedade da vacinação em massa, então ele poderá ser responsabilizado criminalmente, visto que trata-se de doença transmissível, incontrolável , fatal, pandemiologica e não endemiologica.

  • CHIRRÃO | Sábado, 16 de Janeiro de 2021, 13h25
    4
    14

    TOMO QUALQUER VACINA !! DESDE QUE NÃO SEJA CHINESA !

  • PAULO MULLER | Sábado, 16 de Janeiro de 2021, 09h34
    9
    11

    Não sei como sobriviveu ao fim de ano quando Bolsonaro foi para a praia. Se aguá bater na situra do louco esse morre afogado.

  • Wilson Marques | Sábado, 16 de Janeiro de 2021, 07h49
    16
    10

    Infelizmente temos que conviver com babacas e imbecis deste tipo

  • Cláudio | Sábado, 16 de Janeiro de 2021, 06h04
    17
    10

    Achei que este deputado seria um homem combativo e com boas ideias e ideais pra melhorar a vide do povo de MT. Mas é só mais um.....

  • Eduardo | Sábado, 16 de Janeiro de 2021, 03h23
    19
    11

    Mais um desequilibrado

  • Leocadio | Sábado, 16 de Janeiro de 2021, 00h59
    16
    10

    Beleza! Eu me previno e meu vizinho não! Que proposta imbecil! Deputado idem.

  • Cidadã | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021, 23h50
    10
    17

    Deputado Sensato! E o RD news está muito parcial...

Emendas para os 24 deputados

Max 400 curtinha   O presidente da Assembleia,  Max Russi (foto), em visita ao Grupo Rdnews e Rdtv,  defendeu as emendas impositivas, que são indicadas pelos deputados   e pagas pelo Governo via orçamento do Estado. Lembra que são instrumentos importantes para fazer com que obras e benfeitorias cheguem nos...

Deputado defende cultos com até 600

sebastiao rezende 400   Num momento em que a segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus avança em MT, levando o governo a retomar medidas restritivas para evitar colapso, já que cerca de 90% das UTIs estão lotadas, o deputado Sebastião Rezende (foto), da Igreja Assembleia de Deus, teve a...

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto), que não tem a ver com o caso....

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...

Investimentos em segurança pública

alexandre bustamante 400   Alexandre Bustamante (foto), secretário estadual de Segurança Pública, é enfático ao afirmar que o Estado tem investido em equipamentos e infraestrutura para combater a criminalidade. Segundo ele, a maior prova disso são os projetos que integram o programa MT Mais. Ao todo, devem...

MAIS LIDAS