Legislativo

Sábado, 24 de Maio de 2014, 10h:44 | Atualizado: 26/05/2014, 08h:53

Deputado e vereadores cobram do Governo repasse atrasado à saúde

Rodinei Crescêncio/Rdnews

ezequiel_capa.jpg

Deputado Ezequiel Fonseca, colegas e vereadores cobram repasse à saúde

O deputado estadual Ezequiel Fonseca (PP) cobrou o secretário-adjunto de Saúde, Marcos Rogério, a regularização dos repasses para os hospitais de Cáceres. O progressista constatou pendência que ultrapassam R$ 6 milhões aos hospitais São Luiz - referência na região - e Regional. Já na unidade Bom Samaritano o montante chega a R$ 73 mil. Segundo o deputado, as demais despesas foram quitadas com recursos oriundos de um festival de prêmios, realizado pela sociedade civil organizada, a fim de evitar a paralisação nos atendimentos. No Hospital de Pontes e Lacerda também há dívida de R$ 60 mil.

O deputado foi acompanhado pelos presidentes das Câmaras Municipais de Cáceres e Pontes e Lacerda, Alvasir Alencar (PP) e Romes Amorim (PP), respectivamente, além dos vereadores Anderson Barbosa (PP) e Valdeniria (PSD), bem como dos deputados Antônio Azambuja (PP) e Airton Português (PSD). Na ocasião, os vereadores por Cáceres reivindicaram o repasse do Estado no montante de R$ 158 mil para o Centro de Reabilitação. Segundo eles, somente R$ 700 mil do recurso da União foram repassados. “Quanto à promessa do governador de R$ 158 mil para a reforma no Centro, infelizmente corremos o risco de perder o recurso federal devido ao não pagamento do Governo”, lamenta Valdeniria.

Conforme o presidente da Câmara de Cáceres, Alvasir Alencar, desde 2013 o município sofre com o atraso nos repasses da saúde. Explica que várias reuniões foram marcadas a fim de cobrar o Governo, inclusive, na época ficou definido que o Estado iria parcelar o valor. “Apesar disso, até mesmo as parcelas não foram pagas conforme o acordado”. A situação é tão crítica, que, de acordo com ele, há indicativos para os próximos dias de paralisação nos atendimentos devido ao atraso salarial de três meses dos médicos, especialistas e demais servidores. “Estamos lutando para que não haja paralisação”.

Outro lado 

O secretário-adjunto de Saúde, Marcos Rogério, explica que as dívidas não foram quitadas por problemas no sistema e na realização das transferências. Garante que até a próxima semana a situação estará resolvida. Na ocasião, os vereadores reivindicaram um médico perito para Cáceres. Neste sentido, Rogério afirmou que vai atender o pleito. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Zé da Silva | Terça-Feira, 27 de Maio de 2014, 10h05
    0
    0

    Zé da Silva, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Lúcia | Domingo, 25 de Maio de 2014, 21h05
    1
    1

    Deputado Ezequiel você deve estar com saudades do Mauri, que tanto vcs criticavam. Agora cobre os seus filhotes de PH.

  • Ana Xavier | Sábado, 24 de Maio de 2014, 11h59
    2
    1

    o governo do pmdb e do pt de Mato Grosso, judia da população, e o pp ainda fica colado nesse povo, seja defensor da população, tenha identidade PP!

Prefeito e sobrepreço em álcool gel

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), e sua secretária de Saúde, Manoela Nunes, têm cinco dias para apresentar defesa prévia ao TCE sobre uma denúncia de superfaturamento na compra de materiais de higienização destinados à prevenção do...

Procon decide fazer audiências virtuais

rosamaria 400 curtinha   Por causa da pandemia, que levou à suspensão dos serviços presenciais, a secretária estadual Rosamaria Ferreira (foto), de Assistência Social e Cidadania, e o adjunto de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor, Edmundo da Silva Taques, decidiram que agora o Procon-MT...

Empolgado e já morando em VG

emanuelzinho 400   O deputado federal Emanuelzinho (foto), do PTB, está tão empolgado com a possibilidade de concorrer a prefeito de Várzea Grande que não só transferiu o domicílio eleitoral de Cuiabá para o município vizinho, ainda no ano passado, como também alugou um apartamento...

Prorrogação de mandatos até 2022

Muitos prefeitos e vereadores já trabalham com a hipótese de ganharem mais dois anos de mandato, "esticando" o atual para 2022. O Senado está prestes a aprovar uma PEC para tornar coincidentes os mandatos eletivos. Nesse caso, mandato dos prefeitos, vice e dos vereadores, eleitos em 2016, teria duração de seis anos. E, a partir das urnas de 2022, as eleições passariam a ser gerais para presidente, governadores, prefeitos, senadores, deputados e...

"Cenário apocalíptico" e respiradores

z� do patio 400 curtinha   Um mês depois do escândalo sobre a compra e pagamento de quase R$ 4 milhões por 22 respiradores falsificados, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, tomou duas decisões, mas nenhuma delas no sentido de investigar eventuais falhas de servidor da...

Binotti, a popularidade e a oposição

luiz binotti 400 curtinha   O grupo político do hoje vice-governador Otaviano Pivetta, que comandou Lucas do Rio Verde por mais de duas décadas, terá dificuldades para reconquistar o comando local no pleito deste ano. O pré-candidato Marino Franz, que foi vice de Pivetta e depois prefeito, será o...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.