Legislativo

Quarta-Feira, 19 de Fevereiro de 2020, 20h:13 | Atualizado: 19/02/2020, 20h:18

Unânime

Deputados derrubam veto de Mauro e garantem R$ 15 milhões para Defensoria

Rodinei Crescêncio

defensoria publica

Montante de R$ 15 milhões vetado pelo governo não contempla os investimentos que a Defensoria precisa executar em 2020.  Executivo aceitou derrubada

Entre os seis vetos derrubados pelos deputados estaduais na sessão realizada na manhã desta quarta (19),  está a Emenda Parlamentar nº 384  à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2019,  que fixa o valor de R$ 15 milhões à Defensoria Pública. O placar para a derrubada  foi de 22 votos favoráveis contra zero.

Havia 22 parlamentares na sessão. Foi a primeira vez que um veto foi derrubado por unanimidade. No mutirão para limpeza de pauta realizado hoje foram apreciados 44 vetos. Agora, as sessões serão retomadas somente em 03 de março.

“Não é possível que o Estado valorize mais quem acuse, do que quem defende. Enquanto o Ministério Público do Estado teve um orçamento de R$ 492 milhões, a Defensoria Pública apenas R$ 197 milhões no orçamento de 2020. A Defensoria defende o pobre que não tem voz e nem vez”, afirmou o deputado Faissal Calil (PV) que defendeu a derrubada do veto.

Para o deputado Delegado Claudinei (PSL), nas cidades consideradas de pequeno porte financeiro, o defensor público trabalha como se fosse um “clínico geral”. Segundo ele, os defensores atendem de três a quatro municípios. “Eles merecem respeito. Sugiro que parte do duodécimo dos Poderes seja repassada à Defensoria Pública”, disse.

O deputado Elizeu Nascimento (DC) pontuou  que o defensor público é o profissional que conhece a “dificuldade que a população da periferia enfrenta no dia a dia para ter seu direito assegurado em relação à assistência médica e hospitalar”.

Na defesa feita pela derrubada do veto, o deputado Wilson Santos (PSDB) lembrou que o valor de R$ 15 milhões é pouco e que esse montante vetado pelo governo não contempla os investimentos que a Defensoria precisa executar em 2020.  

Já o presidente da Assemblei Eduardo Botelho (DEM) ponderou que é “justo que os deputados derrubem o veto”. Segundo o democrata, a derrubada estava acordada com o Executivo. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • marta | Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2020, 06h39
    0
    1

    e os 14% pra descontar na folha dos servidores do executivo? esse ai os deputados não ficam do lado do servidor e sim do governador, o servidor do executivo estadual não tem culpa da previdencia ser furtada a anos depois do governador dante começou o furto, deputados vivem defendendo quem trabalha no meio juridico.

  • Davi | Quarta-Feira, 19 de Fevereiro de 2020, 22h36
    1
    0

    Sinal que o governador Forrest Gump pantaneiro não está com essa bola toda. Taques começou a cair assim.

Sem alarde, vereador muda de partido

viniciys clovito curtinha   De última hora e sem alarde, o vereador pela Capital Vinicyus Hugueney (foto) resolveu deixar o PP e se filiou ao Solidariedade. Com isso, o PP não se torna o único com a maior bancada. Está com três vereadores, assim como o PV e o PSDB. No SD, Vinicyus vai concorrer internamente com...

Irmão de Thelma na lista dos traidores

ronaldo pimentel 400 curtinha   Na carta aberta assinada por Ricardo Saad, que preside o PSDB cuiabano, ele reclama de dívidas milionárias herdadas de antecessores, inclusive dos R$ 4 milhões de pendências somente do pleito de 2016, e menciona, entre outras coisas, que "(...) há correligionários, que estavam...

A bronca de Saad com Wilson Santos

ricardo saad curtinha 400   O vereador Ricardo Saad (foto), presidente do PSDB da Capital, resolveu disparar a metralhadora verbal contra colegas tucanos. Sobre o ex-prefeito e hoje deputado Wilson Santos, considera que este nada fez para ajudar o partido a se reestruturar, visando as eleições de outubro. Mesmo sendo vice-presidente...

Janela tira muitos políticos do calvário

gilberto figueiredo curtinhas   O fechamento da janela partidária, que encerrou-se no último sábado, dia 4, marcou o fim de um longo calvário aos partidos, que tiveram que suportar em seus quadros políticos que não estavam mais de “alma”, mas somente de “corpo”. Na Câmara...

Só 2 vereadores não vão à reeleição

felipe wellaton curtinha 400   Apenas dois entre os 25 parlamentares cuiabanos não vão buscar a reeleição. O licenciado Gilberto Figueiredo, que trocou o PSB pelo DEM, quer concorrer a prefeito, assim como Felipe Wellaton (foto), que até trocou de partido, saindo do PV e agora no Cidadania. Pretende disputar...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

thiago muniz 400 curtinha   Dos 21 vereadores de Rondonópolis, somente quatro não vão à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (foto), agora no DEM, Hélio Pichioni (PSD), Jailson do Pesque-Pague e Rodrigo da Zaeli (ambos do PSDB). Eles garantem se tratar de um caminho sem volta. Destes, dois tentam...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.