Legislativo

Terça-Feira, 31 de Março de 2020, 15h:17 | Atualizado: 31/03/2020, 15h:35

AMANTE DO REGIME

Fávero enaltece ditadura, diz que Brasil foi salvo do comunismo e é alvo de repúdio

Ronaldo Mazza/Reprodução

Silvio Favero

Silvio Fávero fez post controverso nesta 3ª, ao comemorar o golpe militar de 64, período conhecido mundialmente por mortes e desaparecimentos

O deputado estadual Sílvio Fávero (PSL), seguindo o presidente da República Jair Bolsonaro, usou as redes sociais para comemorar o golpe militar de 31 de março de 1964. Na postagem, afirma que o episódio representa a “vitória brasileira contra o comunismo”.

Fávero também afirma que a ditadura, que durou 21 anos (1964-1985), foi o período em que o país mais se desenvolveu. Completa pontuando que os militares impediram o Brasil de se tornar uma “ditadura comunista”, como Cuba ou Venezuela.

Entretanto, a postagem de Fávero omitiu as mazelas da ditadura militar como a grande concentração de renda do período, o agigantamento da dívida externa e a hiperinflação que chegou a 200% em 1983. O parlamentar também não cita os mortos e desaparecidos nos chamados “anos de chumbo” do regime dos generais.

Pela manifestação, Fávero foi alvo de nota de repúdio do Sindicato do Jornalistas de Mato Grosso. O documento, destaca o papel da imprensa na luta pela redemocratização.

“Nesta luta, centenas perderam a vida nos porões da tortura, como o jornalista Vladmir Herzog, que permanece vivo em nossa memória. Por isso repudiamos com veemência a postura do deputado estadual pelo PSL de MT, Silvio Fávero, por manifestar seu apoio ao regime de ódio e tortura expresso pelo Golpe de 64. Para que germes da ditadura não prosperem, dizemos em alto e bom som: ditadura nunca mais!”, diz trecho da nota.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Ggm | Quarta-Feira, 01 de Abril de 2020, 09h53
    5
    1

    O gado só lembra o passado, já estão tentando governar o Brasil a mais de um ano. E não sai do chão, vão melhorar essa economia que está em queda livre.

  • Marcelo Fonseca | Quarta-Feira, 01 de Abril de 2020, 08h33
    2
    11

    Perfeita colocação deputado... Parabéns, só não tem saudades da época do regime militar quem era bandido... Não encontro uma pessoa de bem que viveu na época e não tenha gostado

  • joao | Terça-Feira, 31 de Março de 2020, 19h43
    10
    20

    Do jeito que estou vendo, muitos políticos não respeitam o Presidente Bolsonaro, está passando da hora de repetir o 31 de março de 1964. Não tenho um pingo de medo. Até a população brasileira apoia.

  • HELO | Terça-Feira, 31 de Março de 2020, 19h13
    21
    9

    ESTUDE HISTÓRIA DO BRASIL PARA FAZER COLOCAÇÕES CONSISTENTES. VOCE É UM REPRESENTANTE DO POVO. TEM RESPONSABILIDADE COM O QUE DIZ PUBLICAMENTE,

  • fabinn | Terça-Feira, 31 de Março de 2020, 17h15
    22
    11

    Candidato de 1 mandato só. Só ganhou porque pegou carona com Bolsonaro. Deputado, esta precisando estudar mais, apesar do sr ser advogado, precisa se informar melhor sobre o que significa "tiro no pé" isso que você acaba de fazer. Insitando o povo, veja pelo comentário infeliz desse senior jorge

  • Benedita da Silva | Terça-Feira, 31 de Março de 2020, 16h31
    26
    10

    Quando você não conhece a história, fica refém das narrativas equivocadas. Não houve Brasil Paralelo houveram mortos e torturados, três pessoas juntas era conspiração, censura a liberdade de expressão, as liberdades individuais. Nem o.comunismo se criaria neste pais, seria comunismo moreno, a la brasileira.

  • Seonir Jorge | Terça-Feira, 31 de Março de 2020, 16h00
    15
    27

    Parabéns Deputado. Viva o livramento de 3/03/1964. Povo foi as ruas pedindo intervenção. A esquerda conta diferente.

Breunig destaca aprovação de contas

adriano breunig curtinha 400   O professor Adriano Breunig (foto), ex-adjunto e ex-secretário de Estado de Ciência e Tecnologia no Governo Silval e hoje diretor de Políticas de Desenvolvimento Institucional do IFMT, contesta o registro em Curtinha, apontando-o como candidato reserva e "vulnerável" à...

Borgato não sairá mais de secretaria

nilton borgato 400 curtinha   Nilton Borgato (foto), ex-prefeito de Glória D'Oeste e filiado ao PSD, não sairá mais do comando da secretaria estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação. Dias atrás, ele chegou a ser avisado pelo governador que seria substituído e que iria para o Escritório...

Dorner vai tentar prefeitura de novo

roberto dorner 400 curtinha   Em Sinop, o empresário e ex-deputado federal por alguns meses Roberto Dorner (foto), que deixou o PSD e aderiu ao Republicanos, está disposto a encarar de novo a disputa a prefeito. Em 2016, ele perdeu para Rosana Martinelli (PR) por uma diferença de 3.388 votos. É possível que ambos...

Um líder sob insatisfação dos colegas

dilmar dal bosco curtinha 400   O líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco (foto), tem enfrentado crítica velada e insatisfação dos colegas, principalmente dos deputados da base. Reclamam que o interlocutor do governador Mauro não move uma palha em defesa da liberação das emendas e, nas...

Jogada do prefeito Francis em Cáceres

paulo donizete 400 curtinha caceres   A sete meses de concluir o mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (PSDB) lançou uma jogada estratégica para ver se "cola". Apoia publicamente para prefeito o seu diretor da autarquia Águas do Pantanal, Paulo Donizete (foto), do mesmo partido, inclusive participou da reunião...

Luta por mais leitos de UTI em Sinop

rosana martinelli 400 curtinha   A prefeita de Sinop, cidade pólo do Nortão, Rosana Martinelli (PR), demonstra preocupação com os poucos leitos de UTI do Hospital Regional no município. A unidade atende moradores de mais de 30 municípios da região e só dispõe de 10. Rosana diz esperar...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.