Legislativo

Terça-Feira, 01 de Outubro de 2019, 14h:59 | Atualizado: 01/10/2019, 15h:05

BANCADA RURALISTA

Líder da bancada de MT diz que Lei Kandir incentiva economia, gera emprego e renda

Rodinei Crescêncio

Neri Geller

Líder da bancada, Neri Geller em entrevista no Rdnews

O coordenador da bancada federal por Mato Grosso deputado Neri Geller (PP) aposta que a PEC que revoga a Lei Kandir será derrubada na Câmara, caso seja aprovada no Senado. O deputado revela que após sua articulação, em conjunto com parlamentares ligados ao agronegócio, conseguiu adiar a votação da proposta que deveria ter sido realizada na terça (24) passada.

“Infelizmente, muitos parlamentares não conhecem o benefício da Lei Kandir. Com os incentivos à produção agropecuária existe o fomento da economia, geração de emprego e renda. Para se ter ideia, nos últimos quatro anos o aumento do consumo em Mato Grosso foi de 48%, em razão de maior de compra de óleo diesel, fertilizantes, máquinas agrícolas”.

Neri cita que um dos fatores que motivou o crescimento do consumo foi o aumento na produção de milho, que passou de 17,7 para 31 milhões de toneladas nos últimos cinco anos, um aumento de 75%, razão que motivou mais busca por produtos e serviços ligados ao campo.

Para o parlamentar, alternativa a PEC 42  é a regulamentação da compensação em razão da Lei Kandir, o FEX, que há dois anos deixou de ser repassado pela União a Estados e municípios, em razão do vencimento da legislação, em 2017. Mato Grosso recebia R$ 500 milhões, sendo que R$ 400 milhões ficavam com o Estado e R$ 100 milhões eram repartidos entre os municípios com produção agropecuária voltada à exportação.

O fim da Lei Kandir significaria incremento anual de pelo menos R$ 7,5 bilhões na arrecadação de ICMS em Mato Grosso. Caso seja aprovado o projeto de Lei Complementar 511/2018, relatado pelo senador Wellington Fagundes (PR), que prevê compensação pela União a Estados e municípios na ordem de R$ 39 bilhões por ano. Mato Grosso ficaria com R$ 1,6 bilhão deste recurso. 

O deputado defende que novas fontes de receitas para os entes federados devem ser estabelecidas com a reforma tributária, que conforme anunciado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, deverá começar a ser tratada de forma mais taxativa junto ao Congresso a partir desta semana.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Expediente suspenso e posse no TCE

guilherme maluf 400 curtinha   O expediente no TCE-MT será suspenso na segunda, a partir das 12 horas. É que às 15 horas acontece a sessão especial na Escola Superior de Contas, marcando a posse de Guilherme Maluf (foto) na presidência do órgão fiscalizador. O hoje presidente Domingos Neto passa ao...

Túlio, desgaste e disputa em Cáceres

tulio 400 caceres   Derrotado a deputado estadual duas vezes, a última em 2018, Túlio Fontes (foto) não sustenta mais o que declarou há três meses, quando anunciou que ficaria de fora da corrida à Prefeitura de Cáceres. Mesmo tendo abandonado o município por um bom tempo, desde quando concluiu...

Disputa em Sinop e vaga na Câmara

juarez costa 400 curtinha   O deputado federal Juarez Costa (foto) tem espalhado que será candidato a prefeito de Sinop, posto já ocupado por ele por dois mandatos. No fundo, o emedebista espera que Rosana Martinelli (PL), que foi sua vice e depois se elegeu prefeita nas urnas de 2016, desista do projeto de reeleição...

Francis forçando a barra ao Senado

francis maris 400 curtinha   Francis Maris (foto), empresário e prefeito de Cáceres, é mesmo corajoso. Ele anunciou que vai reunir colegas prefeitos da região Oeste para discutir a ideia de entrar na disputa ao Senado, na eleição suplementar para a vaga de Selma, cassada esta semana. Francis se acha "o...

Sindal repudia postura de "indicado"

O presidente do Sindal Jovanildo da Silva se diz traído por Osmar Capilé, representante dos segurados da AL e que exerce cargo de diretor dos Aposentados, que votou favorável a nova alíquota de 14% no Conselho da Previdência. O apoio ao aumento da cobrança gerou revolta entre os servidores do Legislativo, que partiram para cima de Jovanildo cobrando explicações. Em nota de repúdio, o sindicato, que o indicou como representante no...

Arena fechada ao público por 3 dias

virginia mendes curtinha 400   Nos seis primeiros dias de portas abertas, a Arena Encantada, considerada o maior parque natalino que Mato Grosso já viu, recebeu quase 10 mil visitantes. Mas ficará três dias inacessível ao grande público. Na segunda (16), a Arena será exclusiva das milhares de crianças...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.