Legislativo

Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 08h:18 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:26

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Maluf vê "CPI política" e critica Sérgio por decisões isoladas

Maluf vê CPI mais política e critica Sérgio por decisões isoladas

Deputado Guilherme Maluf   O deputado, empresário e médico Guilherme Maluf (PSDB) disse que a CPI da Saúde, sob o seu colega Sérgio Ricardo (PR), está tomando decisões isoladas para se autopromover politicamente e reforçar o projeto de reeleição. Observa que as sugestões apresentadas ao governo do Estado foram ideia somente do Sérgio, sem passar pela avaliação dos demais membros da Comissão, assim como o anúncio da prorrogação dos trabalhos por mais seis meses. Segundo Maluf, essa proposta de estender a CPI precisa ser votada em plenário. "O Sérgio está transformando a CPI em bandeira de campanha e isso tem deixado os membros da CPI e os demais deputados decepcionados", reage Maluf.

   Ele defende que a CPI tenha foco mais na linha investigativa para esclarecer alguns fatos, como a reclamação de que existem déficits na saúde tanto no caixa quanto no quadro de pessoal e irregularidades com atuação de Oscips dentro da secretaria estadual. "Ou a CPI toma o caminho da investigação ou vai levar o carimbo de ser política e eleitoreira". Maluf sugere que a Comissão solicite, por exemplo, auditoria nos contratos para esclarecer vários situações.

   O parlamentar alerta também para o risco do Plano de Ação de Saúde (PAS), encampado pelo governador Silval Barbosa e pelo secretário Kamil Fares, se transformar num fiasco porque não se sabe de onde virão os recursos para implementar as propostas. Observa que o orçamento para o exercício deste ano já foi aprovado.

     Hospital da Criança

    Sobre a sugestão de Sérgio para o Estado adquirir o prédio do antigo hospital das Clínicas, assumindo o passivo e, no local, implantar o hospital da Criança, Guilherme Maluf diz concordar com a necessidade de haver atendimento diferenciado e estrutura para infantil, mas discorda da ferramenta de que seria a compra da estrutura da unidade hospitalar que está fechada porque isso, na sua concepção, represeta uma manobra para tirar da falência um grupo de empresários que está com a situação financeira questionada. "Quero transparência de todos os contratos. Defendo que os deputados sejam informados dos atos da CPI".

   Segundo Maluf, ex-secretário de Saúde da Capital num curto período da gestão Wilson Santos, o atendimento à criança poderia ser feito, por exemplo, pela Santa Casa de Misericórdia. Enfatiza que trata-se de uma instituição filantrópica com 250 anos de existência e que necessita de ajuda e de impulso. Além disso, já possui UTI pediátrica e que funciona de forma ociosa. "Na Santa Casa já existem leitos para isso e, certamente, com custo menor".

   A CPI foi instaurada há cerca de quatro meses pela Assembleia diante do caos na saúde em Cuiabá. Depois o seu trabalho se ampliou. Hoje, os deputados levantam outras problemáticas do setor abrangendo todo Estado. Se for prorrogada mesmo por seis meses, a Comissão só encerrará os trabalhos, com apresentação de relatório, em janeiro. A Além do presidente Sérgio, atuam na CPI Chica Nunes (PSDB) como vice-presidente; o peemedebista Wallace Guimarães como relator e os deputados Antônio Azambuja e Percival Muniz na condição de membros.

Postar um novo comentário

Comentários (19)

  • EUDA | Quarta-Feira, 28 de Abril de 2010, 11h39
    0
    0

    Parabéns Dep. Maluf estamos precisando de pessoas assim no poder por que já estamos cansados de politicos que só olha pro povo na hora de pedir voto você é uma pessoa humana continue assim olhando para a pereferia. fique de olho na CPI não deixe ser palanque eleitoreiro.

  • ELTON | Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 11h50
    0
    0

    parabens senhor deputado, seu trabalho merece respeito eles estão querendo enganar o povo mais estamos de olho aberto, querem usar a saude para fazer campanha, por quer so agora depois de oito anos de poder..? será que a ficha caiu que se precisa fazer alguma coisa..kakakaka ningem me engana não....

  • Ivan Deluqui | Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 11h44
    0
    0

    Parabens MALUF, em denunciar essa manobra desse deputado, ele não quer só beneficio proprio, ele quer beneficiar um grupo que quer dar calote na praça e ele quer colocar dinheiro publico na compra deste hospital falido, porque ele não aceita sua proposta de criar o hospital da criança na SANTA CASA, uma instituição respeitada na sociedade, ele quer e ganhar nessa negociata.

  • Admir Cezar Ney | Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 11h16
    0
    0

    O deputado Maluf ( alías pessimo em suas decisões) agora vem a publico recriminar as atitudes tomadas pela CPI - Eu pergunto ? Quais as decisões que tomou quando era secretário ( péssimo) Deputado trabalhe e não pertube quem quer trabalhar.Sérgio Ricardo pode ter defeitos mas arregaça a manga e tem procurado soluções para a saúde !

  • Luiz Andrezanni | Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 11h12
    0
    0

    O Sr. Maluf deveria se tornar parceiro e não atacar as decisões da CPI- Pode ser politíco mas desde que resolva o problema da saúde é o que nos interessa. Portanto.. segue em frente Dep. Sérgio Ricardo.

  • Paulo Leão Eurico Carva | Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 11h09
    0
    0

    Lamentavel : Quando foi secretário alias um ato político o Sr. Maluf nada fez e agora pousa de defensor da saúde publica.. Fala sério Sr. Maluf - silencio para o senhor é poesia

  • PEDRO ALMARANTE | Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 10h24
    0
    0

    SÓ SE JOGAM PEDRAS EM ARVORES QUE DÃO BONS FRUTOS. DEVEM HAVER MAIS DE 10 MIL ESPECIALISTAS EM SAÚDE NO ESTADO QUE SÓ GERAM RELATÓRIOS PARA SEREM ARQUIVADOS. LIGA NÃO SÉRGIO. É TUDO PURA INVEJA

  • Carlos Magno | Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 10h20
    0
    0

    O problema é que o Sérgio nem seria reeleito daí deram essa bandeira de graça para ele agora ficou mais facil. O programa dele e dos outros políticos de TV não tem nada, absolutamente nada, de jornalismo. Só política. Precisamos rever essas conseções de TVs - que dizer ser públicas. esses programas só desenforma, prestam um desserviço a comunidade e ninguem faz nada. Que o povo possa reagir na urna.

  • Marcelo Mattos | Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 10h16
    0
    0

    Que essa CPI é política ninguem tem dúvidas, o que nós querems saber é o porque dos demais membros delas, que não estão tirando proveito, não estar fazendo nada. Só Ricardo fala, só sergio aparece, só ricardo fala na tv. Ele faz um programa todo falando dessa CPI e quer dizer que não é política? Dá licença!!!. os debats tem que acontcer dentro do parlamento e não em TV; parabens Maluf por reagir.

  • mauro | Terça-Feira, 27 de Abril de 2010, 10h05
    0
    0

    Que vergonha,aonde estamos chegando...Sr deputado, parabéns por tentar abrir os olhos da sociedade para esse joguinho político que estamos sendo empurrados...Alerte seus colegas parlamentares,a tratar a poulação com mais respeito .A saúde não pode ser tratado com esse empurra empurra.Ano de eleição e a mídia sendo invadida por comunicadores espertinhos que se tornaram políticos,aproveitam de uma camera ligada o dia inteiro a sua frente e que se dizem ser bonzinhos.Nada resolvem, e o que sabem fazer de verdade é barulho, sem soluções concretas q resolvam...

2 suplentes já estreiam em Cuiabá

alex rodrigues 400   Com menos de quatro meses de mandato, dois dos 25 vereadores cuiabanos reeleitos no ano passado já pediram licença para abrir espaço a suplentes. Diego Guimarães (Cidadania) se afastou por 30 dias. Em sua cadeira está Maysa Leão, do mesmo partido. Marcrean Santos (PP) pediu afastamento...

Governista 2 e o desafio da reeleição

wilson santos 400 curtinha   Wilson Santos (foto), que conseguiu retornar à Assembleia "sangrando" nas urnas de 2018, impactado pelo desgaste pela defesa intransigente do Governo Pedro Taques, se prepara para atravessar outro purgatório no próximo ano, em busca de mais um mandato. O deputado tucano carrega desgaste...

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....