Legislativo

Quarta-Feira, 11 de Abril de 2018, 16h:05 | Atualizado: 11/04/2018, 16h:08

Senado

Medeiros contrapõe petistas e pede para incorporar Moro a seu sobrenome confira

Gilberto Leite/Rdnews

Renuncia vice governador Carlos Favaro

Senador José Medeiros diz que se for para mudar, fica do lado da Justiça e pede para acrescentar Moro a seu nome

O senador José Medeiros (Podemos) resolveu contrapor os petistas que estão se solidarizando com o ex-presidente Lula (PT), preso em Curitiba (PR) desde o último sábado (7). Nesta quarta (11), ele encaminhou ofício ao presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE) pedindo que seu nome seja alterado nos registros da Casa e no painel eletrônico do plenário para José Moro Medeiros em homenagem ao juiz federal Sérgio Moro.

“Se for para mudar o nome, eu fico do lado da Justiça”, postou Medeiros nas redes sociais fazendo alusão a Moro, que decretou a prisão de Lula após a condenação em segunda instância no caso do triplex do Guarujá, cuja pena imposta foi de 12 anos e 1 mês de reclusão em regime inicial fechado.

Medeiros está fazendo contraponto à bancada do PT na Câmara dos Deputados e no Senado. Isso porque que os deputados federais e senadores petistas começaram a incorporar Lula em seus nomes.

O PT possui 57 deputados federais. No Senado, a sigla conta com 9 representantes.

O deputado federal Ságuas Moraes ainda avalia se pedirá a incorporação. Caso decida acompanhar os correligionários, passará a ser chamado de Ságuas Moraes Lula.

Após a mudança, quando um membro da Mesa Diretora for se referir ao parlamentar, terá que chamá-lo também pelo nome Lula incorporado. No entanto, as mudanças ainda precisam da aprovação dos dirigentes tanto da Câmara dos Deputados quanto do Senado.

Reprodução

of�cio Jos� Moro Medeiros

Em ofício com assunto "Alteração de nome parlamentar" senador José Medeiros pede para acrescentar sobrenome Moro ao seu próprio nome

 

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • gILSTON | Quinta-Feira, 12 de Abril de 2018, 10h15
    0
    0

    Não pode.., a legislação eleitoral proíbe uma vês que o politico tem que usar o nome que foi registrado na urna ou na campanha eleitoral, seja nome ou apelido mas tem que ser o que esta na urna eleitora. Pode até perder o mandato já que o novo nome não passou pela urna eleitoral. TRE/MT precisa ficar atento.

  • Francisco Antonio de Almeida | Quinta-Feira, 12 de Abril de 2018, 08h39
    1
    1

    Tanto este parlamentar que quer usar o "MORO", como os demais parlamentares que querem usar o "LULA" no nome estão no parlamento sem saber o que fazer, o melhor que eles fazem é calar ou procurar algo útil para fazer que corresponda ao cargo que ocupam. Principalmente no senado tem alguns que não sabem mesmo o que fazer pois subiram ao poder usando os votos dos titulares.

  • roberto luiz | Quinta-Feira, 12 de Abril de 2018, 08h33
    2
    2

    Isso ai Medeiros... Se fizeram aquela besteira colocando LULA no nome, porque não homenagear o grande herói do BRASIL... #SOMOSTODOSMORO

  • Rodrigo dias | Quinta-Feira, 12 de Abril de 2018, 08h32
    0
    2

    Esse Sr, com todo respeito ao cargo, não passa de uma cavalgadura. Mato Grosso anda ruim senador viu. Tirando WF, os sem votos, pelo amor de Deus. Vote!!!!

  • SADY DE MOURA | Quinta-Feira, 12 de Abril de 2018, 08h20
    1
    1

    Não teve voto neum para chegar ao senado até hoje é questionado uma tal de ATA e ainda faz um papelão disso seja mais serio senador.. pare de fazer teatro.

  • Marcelo | Quinta-Feira, 12 de Abril de 2018, 00h20
    2
    0

    Kkkkk Santa hipocrisia, vão trabalhar que é muito bom, seja esse suplente de senador ou o povo do pt. Parem de fazer teatro, querer ganhar mídia. Vocês não estão num circo mas se comportam como anfitriões das cenas, a diferença é que no circo nós damos rodadas das palhaçadas alegres e contagiantes. Vão fazer jus ao que ganham e parem de usufruir do erário sem o devido mérito. Patati Patatá, Comadre Nhara, Nico e Lau, nos socorram..........o teatro desse povo é muito FRACO.....

  • Ronaldo botelho Pinto | Quarta-Feira, 11 de Abril de 2018, 23h18
    5
    1

    É moto deveria averiguar como o sro chegou aí. Fica quietinho.

  • Amarildo | Quarta-Feira, 11 de Abril de 2018, 20h00
    0
    0

    Amarildo, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • José da Rocha Filho | Quarta-Feira, 11 de Abril de 2018, 19h49
    0
    0

    José da Rocha Filho, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Hélio | Quarta-Feira, 11 de Abril de 2018, 18h30
    3
    2

    Isso sim é atitude de um Senador da República. Se a bancada do PT erra, o Senador sem votos também não fica atrás. Parecem crianças brincando (sem ofensa as crianças é claro).

Matéria(s) relacionada(s):

Selma sob risco de ganhar e não levar

selma arruda curtinha   Uma das grandes surpresas nas urnas de MT, a juíza aposentada Selma Arruda (PSL), eleita senadora na 1ª vaga, ao alcançar 678.542 votos, ainda vai ter muita dor de cabeça até o fim da investigação em que é acusada de abuso de poder econômico, através de caixa...

Deputado culpa Emanuel pela derrota

valtenir pereira curtinhas   Valtenir Pereira (foto), do MDB, tem culpado, em parte, pela derrota nas urnas pelo quarto mandato, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro, do mesmo partido. Em privado, reclama que o prefeito, que recebeu o seu apoio para chegar ao Palácio Alencastro em 2016, lhe passou as pernas, pois havia se comprometido em...

Eraí paga R$ 1 mi de dívidas de Taques

erai maggi   O empresário Alan Malouf revelou, em delação no STF, que em meados de 2016, já no segundo ano do Governo Taques, o rei da soja Eraí Maggi (foto), do Grupo Bom Futuro, lhe pagou R$ 1 milhão, inclusive em espécie. Segundo Alan, o pagamento serviu para abater o débito de parte de um...

Modesto embolsa R$ 300 mil de extra

julio modesto curtinhas   Não foi somente Paulo Brustolin, que recebera salário extra milionário para comandar a pasta de Fazenda do Governo Taques, totalizando R$ 1,4 milhão (R$ 500 mil de "luva" e mais R$ 80 mil mensais entre janeiro e dezembro de 2015). Segundo o delator Alan Malouf, um grupo de empresários,...

Mais de R$ 1 milhão só de salário extra

paulo brustolin sefaz curtinhas   Em delação homologada no Supremo em janeiro deste ano, o empresário Alan Malouf conta que o executivo Paulo Brustolin (foto), numa negociação chancelada pelo governador Taques, recebeu R$ 500 mil a título de "luva" para assumir o cargo de secretário estadual de...

Vice migra para PP e deve ir a prefeito

ubaldo barros curtinha   O vice-prefeito de Rondonópolis, professor universitário e empresário Ubaldo de Barros (foto), só esperou o resultado das urnas para migrar de partido. Trocou o PSL pelo PP, que terá uma cadeira na Câmara, com Neri Geller, e outra na Assembleia, com Paulo Araújo. Embora...

Pivetta atuará como gestor do Núcleo

otaviano pivetta curtinhas   Com carimbo de bom gestor que ajudou Lucas do Rio Verde, enquanto prefeito por 3 mandatos, a ganhar o topo nacional em referências, como de IDH e de educação, o empresário e vice-governador eleito Otaviano Pivetta (foto), do PDT, não vai assumir secretaria na gestão Mauro. Mas...

Distante e com maior votação em ROO

adilton sachetti curtinha   Embora distanciado de Rondonópolis - vive mais em Cuiabá -, o deputado federal e sojicultor Adilton Sachetti conquistou uma votação histórica ao Senado no município. Dos 333.082 obtidos nas urnas, 61.397 vieram da cidade onde ele foi prefeito e depois perdeu a...

Respaldo dá a Taques a maior votação

thelma de oliveira curtinha   Diferente de Rondonópolis, onde o apoio e empenho do prefeito Pátio contribuiu para tirar voto de Taques, em Chapada dos Guimarães, a prefeita Thelma de Oliveira conseguiu entregar o que prometeu de votos. Ela teve uma participação importante na boa votação do governador...

MAIS LIDAS