Legislativo

Quarta-Feira, 19 de Junho de 2019, 13h:14 | Atualizado: 19/06/2019, 18h:28

NO SENADO

Moro usa exemplo de Selma para rebater a acusação de parcialidade na Lava Jato

O ministro da Justiça Sérgio Moro, que está na Comissão de  Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado para prestar esclarecimentos sobre  a acusação de que teria agido com parcialidade quando foi juiz da Operação Lava Jato,  usou o exemplo da senadora Selma Arruda (PSL) para se defender. A juíza aposentada foi cassada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Mato Grosso por caixa dois e abuso de poder econômico, mas permanece no cargo enquanto recorre da sentença.

Geraldo Magela

S�rgio Moro e Selma Arruda

Ministro Sérgio Moro e Selma Arruda em reunião da CCJ que trata sobre as notícias veiculadas na imprensa relacionadas à Operação Lava Jato, hoje

Ocorre que Moro está na defensiva desde que o site The Intercept começou a publicar supostas conversas com o procurador da República Deltan Dallangnol e outros integrantes da Força Tarefa do Ministério Público Federal (MPF)  que colocam em xeque a isenção da Operação Lava Jato em relação ao ex-presidente Lula. O ministro da Justiça nega qualquer irregularidade.   

"É normal uma discussão de logística. Tem aqui a senadora Selma, que atuou muito destacadamente como juíza lá no Mato Grosso, teve várias operações, é normal depois da decisão proferida haver uma discussão sobre questão de logística, quando vai ser cumprida, como vai ser cumprida, e eventualmente pode ter havido uma mensagem nesse sentido. Isso não tem nada de revelação de imparcialidade ou conteúdo impróprio", disse Moro na CCJ do  Senado, na manhã desta quarta (19), obtendo a concordância da senadora pelo PSL, que é membro da comissão.

Quando atuou na 7ª Vara Criminal de Cuiabá, Selma decretou a prisão de figuras como o ex-governador Silval Barbosa e o ex-presidente da Assembleia José Riva. A exemplo de Moro, também foi acusada de atuar buscando holofotes por conta das pretensões políticas e inclusive teve decisões anuladas por suspeição.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Janio | Quinta-Feira, 20 de Junho de 2019, 06h06
    0
    0

    Paulo você deve ser um petista que mamou na teta por 16 anos por isso essa magua vai procurar serviço

  • Paulo | Quarta-Feira, 19 de Junho de 2019, 22h35
    3
    1

    Os dois deveria deixarem seus cargos,. Começaram bem , mas mudaram seus carácter pelo poder , infelizmente

Matéria(s) relacionada(s):

COT do Pari segue travado até 2020

padeiro_400_curtinha   A secretaria de Infraestrutura, sob Marcelo Padeiro (foto), determinou a criação de uma Comissão Técnica de Trabalhos para estudar detalhadamente o contrato e a obra do COT do Pari, que só será retomada no ano que vem. Afinal, os trabalhos de análise, seguirão até...

Nezinho, enfim, remanejado na gestão

nezinho_400_curtinha   Mesmo com reclamações sobre a maneira burocrática e os passos lentos de Nezinho (foto) no Governo, o prefeito da Capital Emanuel demorou mais de dois anos para remanejá-lo. Ex-prefeito de Livramento e amigo de longa data de Emanuel, Nezinho agora assume a Controladoria do município. No...

Natal Solidário com prêmios valiosos

francis maris 400 curtinha   O empresário e prefeito de Cáceres Francis Maris (foto) lança nesta quarta, às 14h, na Assembleia Legislativa, mais uma campanha solidária em nome do Instituto Cometa, do Grupo Cometa, com sede em Cáceres e uma das maiores concessionárias de revenda do país. Em...

Sem elevar vaga de desembargador

carlos alberto 400 curtinha   O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha (foto), até concorda com a proposta de se aumentar o número de vagas de desembargadores, podendo subir de 30 para 35, por causa da elevada demanda e da necessidade de desafogar os processos na Justiça em...

Piran e avião de R$ 6 mi via o BNDES

valdir piran 400   O Antagonista revelou hoje a lista de beneficiários de empréstimos do BNDES para a compra de jatinhos da Embraer. E nela estão banqueiros, empresários, advogados e artistas. Um deles é o empresário mato-grossense Valdir Piran (foto), que captou nada menos que R$ 6,4...

Com mestrado e pronto para o retorno

jose carlos novelli 400 curtinha   Mesmo afastado da ativa por imposição do Supremo, em meio a um processo controverso baseado em denúncias sem prova, o conselheiro do TCE-MT, José Carlos Novelli (foto), segue se aperfeiçoando e ampliando conhecimentos. Acaba de receber diploma do curso de Mestrado...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.