Legislativo

Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2014, 10h:51 | Atualizado: 28/02/2014, 09h:28

Pela 2ª vez, presidente determina o corte dos salários dos parlamentares

Visivelmente irritado, o presidente da Assembleia deputado Romoaldo Júnior (PMDB) determinou pela segunda vez o corte de ponto proporcional dos colegas ausentes na sessão matutina desta quinta (27). Cada deputado ganha R$ 1,2 mil por sessão, valor que será descontado dos seus subsídios que ultrapassam R$ 20 mil. Eles também têm direito a Verba Indenizatória de R$ 35 mil.

“É inadmissível que às vésperas de um feriado prolongado os parlamentares não compareçam à sessão”, reclamou. Da tribuna, ele disse ainda que iria determinar que seja encaminhado para sua mesa a lista dos faltosos para que possa tomar ciência.

O problema é que, sem quórum, é impossível dar prosseguimento às votações dos projetos em pauta e debater propostas importantes como do MT Previ, que está empacado no Legislativo desde o fim do ano passado.

Para piorar tem sido uma constância a ausência dos deputados nas sessões. A situação se agrava a cada feriado e/ou ponto facultativo e tende a se intensificar ainda mais neste ano por causa das eleições. No final do ano passado, Romoaldo já teve que tomar a mesma atitude. Ele descontou a falta do salário de 14 dos 24 deputados. Apesar de o plenário ficar vazio com bastante frequência, o salário dos parlamentares nunca havia sido reduzido antes. A justificativa era de que nas ocasiões anteriores os deputados estavam fora de Plenário, mas sempre nas dependências da assembleia seja em audiências, comissões ou gabinetes.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Carlos Eduardo | Sexta-Feira, 28 de Fevereiro de 2014, 16h29
    0
    0

    Faltou à terça-feira a noite Paulo...

  • Paulo | Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2014, 19h15
    0
    0

    É inaceitável a desculpa de o deputado estar nas dependências da casa e não comparecer a sessão pelo simples fato de todos saberem o dia e horário de cada sessão, não marquem nenhum compromisso para esse horário pois é um horário já fixado, então não tem como dizer que não sabia da sessão e marcar compromisso no mesmo horário. quarta de manha e anoite e quinta de manhã. e olha que eu nem deputado sou e sei o horário.

  • Narciso Lirio | Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2014, 18h00
    0
    0

    QUÁ QUÁ QUÁ QUÁ QUÁ QUÁ

  • MARCOS | Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2014, 11h36
    1
    0

    SERA QUE PODEMOS CONFIAR NESSE SANTO KKKK CORTE DE PAGAMENTO FAÇA MIL FAVORES NE DEPUTADO KKKK CONTA OUTRA

Queda-de-braço em Alto Araguaia

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), enfrenta uma queda-de-braço com os vereadores. Recentemente, oito dos 11 parlamentares encaminharam ofício ao chefe do Executivo, inclusive com cópia para o MPE, considerando inoportuna, descabida e suspeita, neste momento de pandemia, fazer obra...

Estado amplia leitos de UTI no Sul

gilberto figueiredo 400 curtinha   O secretário estadual de Saúde Gilberto Figueiredo (foto) reclama, sem citar nome, da forma como a prefeitura rondonopolitana está encarando a pandemia da Covid-19. Mesmo o governo federal já tendo pago diárias antecipadamente e, inclusive por três meses, de 10 leitos de...

Briga inconsequente com Santa Casa

z� do patio 400 curtinha   Acuado pela consequência da falta de planejamento e de gestão, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, está numa luta descabida de tentar encontrar culpados pelo avanço da Covid-19 no município. A prefeitura não construiu, sequer,...

2 secretários acionados sobre compras

ozenira 400 curtinha   Os secretários municipais de Cuiabá, Luiz Antonio Possas de Carvalho (Saúde) e Ozenira Félix Soares (foto), de Gestão, têm 48 horas para prestar esclarecimentos sobre compras, sem licitação, de óculos de proteção e macacões destinados a...

Valdir, conta rejeitada e pedido negado

valdirzinho 400 curtinha   Valdir Pereira de Castro, o Valdirzinho (foto), prefeito de Santo Antonio de Leverger, ingressou com pedido de revisão no TCE sobre o parecer contra aprovação das contas de 2018. O Tribunal apontou uma série de irregularidades, entre elas registros contábeis incorretos, abertura de...

Stopa vira trunfo do prefeito Emanuel

jos� roberto stopa 400   Filiado histórico do PV, José Roberto Stopa (foto) se tornou espécie de trunfo do prefeito Emanuel Pinheiro. Se o emedebista resolver buscar a reeleição, o que seria o caminho natural, Stopa pode entrar na chapa como candidato a vice ou simplesmente ficar de fora do...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a administração Emanuel Pinheiro em Cuiabá

excelente

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.