Legislativo

Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 12h:14 | Atualizado: 26/02/2020, 13h:52

Projeto na AL

Projeto eleva VI dos conselheiros do TCE que passarão a ganhar quase R$ 70 mil

Atualizada às 13h45

Com salários de R$ 33,7 mil, auxílio-moradia de R$ 4,3 mil mensais, auxílio-alimentação R$ 503,03, de R$ 28,9 mil a cada semestre para aquisição de obras técnicas e, atualmente, R$ 19,2 mil de verba indenizatória (VI), os conselheiros do Tribunal de Contas podem ganhar um incremento no "pacote" de valores recebidos. Isso porque a Assembleia vai votar, e deve aprovar, projeto que prevê VI de R$ 35 mil. Assim, somados, os valores podem ultrapassar R$ 70 mil mensais.

Rodinei Crescêncio

Elei��o TCE

Guilherme Maluf justifica que VI vai suprir perdas acumuladas pelo não recebimento de diárias e passagens de membros da Corte estadual de Contas de MT

A proposta foi encaminhada pelo presidente do TCE Guilherme Maluf ao Legislativo estadual. Ele justifica que o aumento no valor da VI seria um meio de compensar o não recebimento de ajuda de custos de transporte, passagens e diárias dentro do Estado, “entre outras perdas inerentes ao desempenho de suas atividades institucionais e de controle externo", diz trecho da mensagem.

A elevação da VI deve beneficiar não somente os conselheiros titulares, como também os substitutos, procuradores do Ministério Público de Contas e ainda os auditores público externos, auxiliares de controle externo e técnicos.

No caso dos substitutos - que têm atuado interinamente em razão do afastamento dos cinco titulares, eles recebem quando acumulam atividades de substituição, atividades administrativas e regimes de plantão.

Às 13h45 - Compensação de perdas

Por meio de nota, o TCE-MT diz que o projeto de lei encaminhado para Assembleia tem o objetivo de regulamentar à luz da lei, a instituição da verba indenizatória para os membros do órgão, em atenção à compensação do não recebimento de diárias, passagens, ajuda de custo para transporte e demais perdas inerentes ao exercício da atividade institucional e do controle externo.

Postar um novo comentário

Comentários (15)

  • Mauricio Dorneles | Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2020, 13h17
    4
    0

    TODOS OS PODERES TEM VERBA INDENIZATÓRIA. O EXECUTIVO TEM, O JUDICIÁRIO TEM, O MINISTÉRIO PUBLICO TAMBÉM TEM E A ASSEMBLEIA TAMBÉM. SUGIRO AO RDNEWS QUE FAÇA UMA AMPLA REPORTAGEM SOBRE ESSES ABUSOS IMORAIS QUE BENEFICIAM NÃO SÓ O TCE, MAS ESPECIALMENTE QUEM VIVE ARROTANDO MORALIDADE, COMO OS PROMOTORES, PROCURADORES E JUÍZES. VAMOS PASSAR ISSO A LIMPO, EM DEFESA DA SOCIEDADE.

  • walter liz | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 17h40
    6
    0

    PARASITAS

  • ronaldo araujo | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 17h28
    6
    1

    Afinal o TCE, existe para o que?

  • Agnello | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 17h25
    7
    1

    Mas conselheiro viaja? Vai para onde? O TCE/MT deveria publicar um relatório com as viagens que os conselheiros fizeram em 2019.... E outra, os conselheiros não tem veículos com motorista e combustível cedidos pelo Tribunal, então para que ajuda de custo para transporte? Isso é uma vergonha! Esse povo brinca com a nossa cara, brinca com o nosso dinheiro. E depois ainda querem ficar fazendo exigências das prefeituras. Senhor Maluf, no Brasil, infelizmente, nem sempre o que é legal é moral e essa proposta é uma imorabilidade.

  • Lucas | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 16h32
    10
    0

    E a reforma da previdência? Vamos ficar parado aguentando isso? Estamos sendo escravizados para sustentar esses marajas e ninguém se manifesta, a culpa só sobra p os servidores do baixo clero do executivo

  • Joaquim | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 16h02
    7
    1

    Essa verba já existe no TCE desde 2006, apenas ao seu corpo técnico, aí pelo que vejo estão querendo pegar a barca da lei para os conselheiros .

  • Paulo | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 14h48
    12
    2

    O TCE é uma vergonha, só traz prejuízos a sociedade, agora vem com essa proposta imoral, é um completo absurdo.

  • alexandre | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 14h42
    8
    3

    Acaba logo mundo....absurdo.

  • Celio Ferreira Macedo | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 14h32
    13
    2

    Se isso for uma unanimidade de todos os conselheiros do tribunal de contas é muita safadeza,que tipo de respeito o Gilmar Mendes quer das instituições?se depender da AL essa aberração vai se concretizar

  • ELEITOR | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2020, 13h37
    23
    2

    Mais esperai o Estado não está quebrado? O dinheiro que paga os salários e mordomias destes conselheiros não vem dos mesmos impostos que paga o salário do pessoal do executivo? A população não pode aceita essa secagem para pagar RGA não tem dinheiro e não pode mais para pagar VI para os marajas tem?

Redes sociais, lives e efeito colateral

Em tempo de coronavírus, as redes sociais têm sido fundamentais para disseminar informações. As plataformas são utilizadas, por exemplo, para realização de coletivas, mas, nesta segunda (6), houve um efeito colateral. O governador Mauro Mendes e o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo foram "vítimas" de ferramenta de animação do Facebook. Os dois falavam sobre ações para combater a doença...

DEM agora sem amarras dos Campos

frankes siqueira curtinha 400   Sem o controle absoluto dos Campos, como nas últimas duas décadas, desde quando era PFL, o DEM, que não elege vereador em Cuiabá desde 2004, vive melhores expectativas, agora sob comando da ala ligada ao governador Mauro. É presidido pelo secretário de Estado de Governo,...

O pulo de Elias do PSDB para o DEM

elias santos 400 curtinha   Elias Santos (foto), irmão do deputado Wilson, agiu como estrategista na construção de sua pré-candidatura a vereador por Cuiabá. Concluiu que teria mais dificuldades de obter êxito nas urnas no PSDB porque os dois vereadores tucanos que vão à...

DEM e voz na Câmara após 16 anos

marcelo bussiki 400 curtinha   O DEM (antigo PFL) passa a ter voz na Câmara da Capital 16 anos depois. Aproveitando a janela de março em que a Justiça Eleitoral permite mudança de legenda sem risco de perda do mandato, dois vereadores migraram para o Democratas, sendo eles Marcelo Bussiki (foto) e Gilberto Figueiredo, que...

MDB agora com 2 na Câmara-Cuiabá

juca do guaran� curtinha 400   O MDB do prefeito Emanuel Pinheiro, que não elegeu vereador em 2016 em Cuiabá, agora ganha duas vozes na Câmara. Tratam-se de Juca do Guaraná (foto), militante histórico do nanico Avante que resolveu migrar para a legenda emedebista, e do recém-empossado...

PT segue sem voz na Câmara-Cuiabá

bob pt 400 curtinha   O PT, presidido em Cuiabá por  Elisvaldo Almeida, o Bob (foto), está mesmo "queimado" e sem prestígio. Em meio ao troca-troca de partido entre os vereadores cuiabanos, aproveitando a janela de março, cujo prazo para mudanças para quem deseja se candidatar em outubro encerrou-se neste...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.