Legislativo

Terça-Feira, 05 de Fevereiro de 2019, 17h:57 | Atualizado: 05/02/2019, 18h:07

Novo Congresso

Selma se reúne com Moro para apresentar Frente Ética Contra a Corrupção - confira

A senadora Selma Arruda (PSL ), juntamente com outros parlamentares, participou de reunião na tarde desta terça  (5) com o ministro da Justiça e Segurança Pública (FECC),   Sérgio Moro, para comunicar a formação Frente Ética Contra a Corrupção, no Congresso Nacional, reunindo deputados federais e senadores. A reunião aconteceu no Ministério da Justiça e reuniu mais de 10 parlamentares.

Assessoria

Selma Moro

Senadora Selma Arruda e integrantes da Frente Ética Contra a Corrupção estiveram com o ministro da Justiça Sérgio Moro para debater o combate ao crime 

Na segunda  (4), mesmo dia que a FECC foi protocolada no Congresso, Moro  apresentou um projeto de Lei Anticrime com o objetivo de dar mais efetividade no combate a três frentes principais: corrupção, crime organizado e crimes violentos.

“Fico satisfeito com essas iniciativas. Muitas dessas questões, também são as questões executivas. A própria questão da força tarefa, talvez, não sei se é necessária força de Lei. É basicamente uma vontade executiva de montar e fazer. O que a gente colocou no projeto são aquelas forças tarefas transnacionais. Que realmente precisamos de uma regulação legislativa ”, explicou o ministro da Justiça.

As forças tarefas transnacionais envolvem dois ou mais países e dependem de legislação específica. Selma , durante a reunião, se posicionou que esse é um ponto importe, especialmente para o Estado de Mato Grosso.

“Fui juíza criminal por anos e numa vara cuja a especialidade era o combate a corrupção e as organizações criminosas. Eu acho até que a nossa Frente, possa dar um olhar mais profundo e peço a sua atenção nisso, na questão sobre a fronteira seca. Em meu estado temos 750 km de fronteira seca. O fato preocupante é que ela está toda descoberta”, pontuou.    

  se mostrou satisfeito com a iniciativa e alertou sobre a necessidade do Congresso também ser uma instituição que deve ser vista como referência para a população. “Nos últimos quatro anos, começamos a perceber algumas mudanças no Judiciário. O Congresso precisa acompanhar essa mudança. Não que não tinham pessoas boas, iniciativas boas, mas era uma minoria, isso precisa ser maioria. Vejo que a Frente já uma demonstração que as coisas estão mudando”, disse o ministro. 

Com 185 parlamentares de 20 partidos, a Frente Ética tem natureza política bicameral, suprapartidária, âmbito nacional. A duração é indeterminada.  (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • alex sander | Quarta-Feira, 06 de Fevereiro de 2019, 13h50
    1
    0

    brasil discursos,reunião, nada na pratica. desde menino vejo isso e nada mudou piorou, assistimos outros países a prosperidade e tudo andar aqui nada vai pra frente.

  • Concursada | Quarta-Feira, 06 de Fevereiro de 2019, 12h58
    0
    1

    Selma neles! Orgulho do meu voto! Força doutora!

  • deovaldo | Quarta-Feira, 06 de Fevereiro de 2019, 08h18
    3
    3

    Como assim assumira a """"Comissão da frente ética contra a corrupção"""" , não é a mesma que o TRE-MT Reprovou as contas de campanha por caixa 2 ...Só Brasilllllllllllllllllllllllllll,,,terra de quem desvia e nada a contece, já não tem conduta Ilibada para tal comissão...Piada né,,kkkkkkkkkkkkkkkkk,,,rindo até Blairo ser Eleito Novamente..

Matéria(s) relacionada(s):

Xuxu recusa diárias e cala Wilson

xuxu curtinha   Na tribuna da AL, o tucano Wilson Santos tentou ironizar o colega Xuxu Dal Molin (foto), que retornou de missão oficial à Ásia nesta semana, mas acabou se dando mal. Considerando que Xuxu é membro de uma das famílias mais abastadas de Sorriso, Wilson sugeriu que ele poderia ter custeado a viagem e...

TCE já suspende licitação na Câmara

misael galvao curtinha   O TCE determinou que a Câmara de Cuiabá, sob Misael Galvão (foto), suspenda de imediato um pregão para contratar empresa para fornecimento de material de informática e de equipamentos de áudio e vídeo. Técnicos de Controle Externo de Contratações...

Janaina, MDB e o Palácio Alencastro

janaina riva curtinha   A presidente interina da Assembleia Janaina Riva não assume publicamente mas, nos bastidores, alimenta a esperança de ser prefeita de Cuiabá. Para que isso ocorra, em 2020, teria que deixar o seu MDB o prefeito Emanuel que, aliás, já está com um pé no PTB. Na cúpula...

Respaldo jurídico para barrar grevistas

mauro mendes curtinha   O Governo Mauro Mendes, de forma estratégica, está se respaldando de forma técnica e juridicamente, para enfrentar setores do funcionalismo que caminham para a deflagração de greve geral. Primeiro, recebeu do MPE uma notificação para não conceder reajuste salarial,...

Bolsonaro veta algoz de Selma no TRE

ulisses curtinhas   Fatores políticos-partidários podem ter pesado na escolha do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ao definir o novo membro do TRE. Ele optou por Sebastião Monteiro e não por Ulisses Rabaneda, que tentava ser reconduzido. Os presidentes costumam escolher o mais votado ou manter quem já está no...

Prefeitura de Barra garante legalidade

joaojakson   Procurador-geral de Barra do Garças João Jackson Vieira Gomes (foto) esclarece, em resposta à curtinha Contrato de R$ 4 mi pra limpeza, que a dispensa de licitação por 6 meses obedeceu todos os tramites legais, sendo que a empresa contratada ofertou o menor orçamento. A...

ENQUETE

Tramita na Câmara Federal o projeto 832/2019, do deputado José Medeiros, requentando uma proposta de 2007 do então deputado Jair Bolsonaro, propondo extinguir o Exame da Ordem como exigência para inscrição na OAB e, assim, poder exercer a profissão. O que você acha disso?

Concordo - esse Exame tem de acabar

Discordo - bacharel precisa, sim, se submeter ao Exame

Sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.