Legislativo

Domingo, 09 de Fevereiro de 2014, 11h:08 | Atualizado: 09/02/2014, 11h:10

Sindicato repudia críticas da CPI

O Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil) emitiu nota à imprensa em claro repúdio às criticas feitas pelo relator da CPI da Telefonia na Assembleia, deputado Guilherme Maluf (PSDB). O parlamentar afirmou, recentemente na mídia, que falta cooperação das entidades nacionais do setor com as investigações feitas no Estado.

Conforme Maluf, o descaso do Governo e destas instituições federais em atender as solicitações da CPI, aliado à disparidade de dados apresentados pelo Governo, estão travando os trabalhos da Comissão. Por isso, a CPI - que começou em junho do ano passado e deveria ser concluída em março - pode precisar de mais 60 dias de prorrogação.

Na nota, o SindiTelebrasil desmente que haja omissão da sua parte e insinua que os parlamentares estão fazendo do assunto um palanque eleitoral. Vale lembrar, que em outubro a grande maioria dos deputados vai disputar a reeleição e precisa estar em evidência para serem lembrados nas urnas. 

A entidade sindical garante que tem respeitado a CPI e que vê neste trabalho a oportunidade de discutir melhorias no setor em todos os aspectos. Por isso, o sindicato assegura que as empresas comparecerão nas datas marcadas para as oitivas e levarão todas as informações disponíveis para esclarecer os fatos. "Antes mesmo das oitivas, as prestadoras entregaram quantidade significativa de dados requeridos pela CPI", pontua na nota. 
O SindiTelebrasil também insinua que se a CPI está travada é por falta de organização de seus próprios membros. "As datas primeiramente indicadas pela assessoria da CPI para os dois dias de depoimentos das empresas haviam sido 18 e 25 de fevereiro, já que no dia 11 ocorreria a oitiva da Anatel. (...) Como a Anatel comunicou a indisponibilidade de seus representantes para o dia 11, a assessoria da CPI consultou as prestadoras no sentido de antecipar suas participações. No entanto, verificou-se também um problema de agenda de boa parte dos diretores das empresas, uma vez que no dia 11 há atividades simultâneas em outras CPIs, sem contar outros compromissos importantes previamente agendados", diz trecho da nota.

CPI da Telefonia Móvel inicia oitivas; 12 cidades de MT foram percorridas

Eis, abaixo, a íntegra da nota:

A propósito das matérias jornalísticas sobre as oitivas das prestadoras de serviços de telefonia na CPI da Telefonia da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, o SindiTelebrasil esclarece que: 

- As empresas comparecerão nas datas afixadas pela CPI, e levarão todas as informações disponíveis para esclarecer as questões colocadas pela Comissão, com disposição para transformá-la numa oportunidade de discutir melhorias em todos os aspectos. Antes mesmo das oitivas, as prestadoras entregaram quantidade significativa de dados requeridos pela CPI;

- Essa tem sido, e sempre será, a postura do setor na CPI da Telefonia do Mato Grosso e demais estados: estar à disposição das Casas Legislativas, mantendo um ambiente de diálogo respeitoso;

- As datas primeiramente indicadas pela assessoria da CPI para os dois dias de depoimentos das empresas haviam sido 18 e 25/fev, já que no dia 11 ocorreria a oitiva da Anatel. Essas datas foram, inclusive, confirmadas pelos parlamentares durante a oitiva do SindiTelebrasil, no último dia 4/fev;

- Como a Anatel comunicou a indisponibilidade de seus representantes para o dia 11, a assessoria da CPI consultou as prestadoras no sentido de antecipar suas participações. No entanto, verificou-se também um problema de agenda de boa parte dos diretores das empresas, uma vez que no dia 11 há atividades simultâneas em outras CPIs, sem contar outros compromissos importantes previamente agendados. Assim sendo, foram mantidas as datas originais para as oitivas das prestadoras (18 e 25/fev);

- O SindiTelebrasil e as prestadoras reiteram seu compromisso e respeito junto à CPI e à Assembleia Legislativa do Mato Grosso.

SINDITELEBRASIL 

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Sergio | Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2014, 11h02
    0
    0

    rdnews site com ótima credibilidade, imparcial... vamos ver se publica agora

  • Sergio | Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2014, 10h41
    0
    0

    Sergio, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Sergio | Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2014, 09h40
    0
    0

    Sergio, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Ex-deputada vai à vereadora em VG

zilda pereira 400 curtinha   A ex-deputada estadual Zilda Pereira Leite (foto) permaneceu pouco tempo na base dos Campos em Várzea Grande. Chateada por não ter sido renomeada como secretária de Educação, de cuja pasta havia se afastado por problemas de saúde, Zilda se filiou ao PSB, do pré-candidato...

Breunig destaca aprovação de contas

adriano breunig curtinha 400   O professor Adriano Breunig (foto), ex-adjunto e ex-secretário de Estado de Ciência e Tecnologia no Governo Silval e hoje diretor de Políticas de Desenvolvimento Institucional do IFMT, contesta o registro em Curtinha, apontando-o como candidato reserva e "vulnerável" à...

Borgato não sairá mais de secretaria

nilton borgato 400 curtinha   Nilton Borgato (foto), ex-prefeito de Glória D'Oeste e filiado ao PSD, não sairá mais do comando da secretaria estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação. Dias atrás, ele chegou a ser avisado pelo governador que seria substituído e que iria para o Escritório...

Dorner vai tentar prefeitura de novo

roberto dorner 400 curtinha   Em Sinop, o empresário e ex-deputado federal por alguns meses Roberto Dorner (foto), que deixou o PSD e aderiu ao Republicanos, está disposto a encarar de novo a disputa a prefeito. Em 2016, ele perdeu para Rosana Martinelli (PR) por uma diferença de 3.388 votos. É possível que ambos...

Um líder sob insatisfação dos colegas

dilmar dal bosco curtinha 400   O líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco (foto), tem enfrentado crítica velada e insatisfação dos colegas, principalmente dos deputados da base. Reclamam que o interlocutor do governador Mauro não move uma palha em defesa da liberação das emendas e, nas...

Jogada do prefeito Francis em Cáceres

paulo donizete 400 curtinha caceres   A sete meses de concluir o mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (PSDB) lançou uma jogada estratégica para ver se "cola". Apoia publicamente para prefeito o seu diretor da autarquia Águas do Pantanal, Paulo Donizete (foto), do mesmo partido, inclusive participou da reunião...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.