Legislativo

Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 09h:44 | Atualizado: 10/09/2020, 09h:59

projeto polêmico

Só Rosa Neide e Emanuelzinho votam contra perdão de dívidas para igrejas

Reprodução

Emanuelzinho e Rosa Neide

Deputados Emanuelzinho e Rosa Neide foram os únicos de MT a não votarem sim em projeto que perdoa quase R$ 1 bi de dívidas de igrejas no país

Somente os deputados federais Rosa Neide (PT) e Emanuelzinho (PTB) votaram contra o projeto que anula dívidas tributárias de igrejas acumuladas após fiscalizações e multas aplicadas pela Receita Federal. Segundo revelado pelo Estadão, o valor do “perdão” seria de quase R$ 1 bilhão. 

O coordenador da bancada Neri Geller (PP) e os deputados José Medeiros (Podemos), Carlos Bezerra (MDB), Juarez Costa (MDB) e Doutor Leonardo (SD) votaram favoráveis. Já Nelson Barbudo (PSL) estava ausente da sessão. Agoras, o  presidente Jair Bolsonaro tem até a próxima sexta (11) para sancionar ou não o projeto.   

O trecho foi incluído em um projeto de lei que permite uso de recursos economizados no pagamento de precatórios no combate à Covid-19. A emenda é de autoria do deputado David Soares (DEM-SP), filho do missionário R. R. Soares. A equipe econômica recomendou veto ao dispositivo, mas Bolsonaro ainda não se pronunciou sobre o assunto.

A emenda foi aprovada pela Câmara no dia 15 de julho, com orientações contrárias de PT, PSDB, PDT, Novo, Psol e Rede. PSD e PSB liberaram suas bancadas e os demais partidos orientaram favoravelmente. Foram 345 deputados a favor da emenda (votos sim) e 125 contra (votos não), além de duas abstenções.

No Senado, o projeto foi aprovado quase um mês depois, em 18 de agosto, sob relatoria do senador Rodrigo Cunha (PSDB-AL), que apenas chancelou o texto aprovado pelos deputados. A votação no Senado foi simbólica (Com informações do Congresso em Foco).

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Elisa | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 19h05
    1
    0

    QUANDO O POVO COMEÇAR A MANDAR A RECEITA FEDERAL TOMAR NAQUELE LUGAR COM O IR AI.VAI FICAR BOM! QUE TAL ACABAR COM YODAS AS MORDOMIAS DOS POLÍTICOS?

  • Elias | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 16h24
    3
    0

    Parabéns aos dois...O Brasil quebrado e esses sonegadores abusando

  • Reginaldo | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 16h20
    2
    0

    O que Wellington, Jaime e Fávaro, enquanto senadores da República pensam sobre esse bilionário perdão de dívida? Isso só foi possível com o voto dos senadores, como votaram nossos 3 senadores? Se é para perdoar dividas, todos temos direito, não somos todos iguais perante a lei?

  • Joelcio | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 16h08
    2
    0

    Nada contra qualquer quê seja a Religião, porém se for assim eu tbm , gostaria quê se fizesse um projeto pra todos os assalariados não precisarem pagar IPTU, e outros impostos. Sinceramente. Parabéns aos Dois, quê foram contra.

  • REGINALDO PINHEIRO | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 14h58
    5
    0

    Antes de tudo vale lembrar que as pessoas que frequentam essas ‘’igrejas’’ nada tem a ver com isso, as pessoas estão nessas ‘’igrejas’’ para praticarem a fé, o problema é que na liberalidade esses fieis fazem suas doações ou ofertas e esses falsos ‘’pastores’’ (não são todos) extrapolam na administração desses recursos e depois não querem pagar impostos, vejam que Edir Macedo, um ex funcionário público, hoje é um megaempresário, com que dinheiro? Quem não se lembra do culto no maracanã em 1989 onde os obreiros corriam para os vestiários com sacos de dinheiro nas costas. Macedo também não quis pagar impostos dos materiais que importou para construção do ‘’templo de Salomão’ ’ E o RR Soares com seu jatinho de 5 milhões de dólares? E Valdomiro Santiago com suas megafazendas entre os municípios de Itiquira-MT e Barão de Melgaço-MT? O RR Soares ainda tem um filho deputado federal pago por nós para defende lo. E a frase que Cristo disse sobre pagamento de impostos ‘’Dê Cesar o que é de Cesar’’ como fica senhores pastores? Eu no ano passado, enquanto microempreendedor, faturei 110 mil Reais e paguei 20 mil Reais de impostos, não reclamo, todos nós devemos pagar impostos, esses ‘’pastores’’ não pagam porque tem quem os defendam no congresso e nos governos estaduais e federal em troca de voto e isso pesa para nós pessoas comuns, já que essas empresas disfarçadas de igrejas não pagando o que devem, o governo terá que encontrar ouro meio para suprir o caixa e nesse caso é só aumentar os impostos da cesta básica Uma última coisa...e as igrejas que pagaram seus impostos, terão os valores pagos devolvidos? Sim, porque, se não precisava pagar, o governo tem que devolver para as igrejas que pagaram de forma correta, até porque, em busca no Google, dá para notar que não todas que devem impostos ao fisco.

  • Antonio Marcos | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 11h31
    6
    13

    Sério, sr. Biro? Então, o sr concorda que a igrejas devam cobrar do Estado os serviços de atendimento social que fazem. Na vdd, as igrejas prestam serviços de atendimento social bem maior que o próprio Estado. A Receita Federal devem sim, fechar o cerco pra cima dos charlatões, e isso, não tem nada a ver com as "instituições" igrejas.

  • Biro Liro Way | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 11h12
    17
    5

    Foi o voto correto. São os dois únicos representantes de MT que tiveram vergonha na cara pra falar a verdade pra quem usa e abusa da fé.

  • Eleitor Atento | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 10h45
    19
    0

    Coitado de Jesus...homem simples humilde de sandalias...como fizeram verdadeiras fortunas com seu Nome...Ele dira falsos profetas...saia Satanas...que coisa igreja devendo Receita Federal...Essa era a ultima que faltava.Maldito o homem que acreditar em outro Homem.

  • Marcos | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 10h23
    19
    2

    Igrejas devem pagar impostos e não deve ser perdoado nada, Virou um comercio da boa fé, uma exploração para com os manipulaveis, um bando de aproveitadores da boa fé.

  • Karlos | Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2020, 10h18
    19
    1

    é pra acabar conosco, os trabalhadores........se devem, tem que pagar e fim de conversa

TCE vê superfaturamento em Juara

carlos sirena 400 curtinha   Em plena campanha eleitoral o prefeito de Juara, Carlos Sirena (foto), candidato à reeleição pelo DEM, está tendo que buscar explicações sobre irregularidades apontadas pelo TCE-MT em alguns casos de dispensa de licitação, especialmente nas compras de produtos para...

Doação à campanha a pedido de Jayme

jayme campos 400 curtinha   O senador Jayme Campos (foto) não tirou um centavo do bolso para colocar na campanha de Kalil Baracat, mas é o responsável pela entrada de praticamente a metade dos R$ 1,4 milhão doados ao candidato do MDB à Prefeitura de Várzea Grande. Graças à...

Ex-senadora ajuda a afundar Reinaldo

selma arruda 400   Mesmo entregue ao ostracismo político, após ser cassada neste ano da cadeira de senadora por crimes eleitorais, como caixa 2, Selma Arruda (foto) ainda acha que consegue "arrebanhar" eleitores. E foi pensando nisso que ela apareceu no curto tempo do horário eleitoral de Reinaldo Morais para pedir voto ao...

Taques agora na lista de ficha-suja

pedro taques 400 curtinha   O ex-senador e ex-governador Pedro Taques (foto) entra na lista dos fichas-sujas. Ele se inscreveu para concorrer ao Senado pelo SD, mas teve registro indeferido pelo TRE devido a uma condenação aplicada pelo próprio Tribunal pelo uso eleitoreiro da Caravana da Transformação...

Briga eleitoral de parentes em General

renato vilela 400 general carneiro   A briga política, jurídica e eleitoral na pequena General Carneiro, de 14 mil habitantes, está acirrada e envolve, em palanques diferentes, grupos com vínculos familiares. São dois na disputa pela prefeitura. A ex-prefeita Magali Vilela desistiu de tentar de novo o teste das...

Ataques a EP e o revide dos amigos

fabinho 400 curtinha   O empresário Fábio Martins Defanti, o Fabinho Promoções (foto), que em 2016 disputou para vereador e perdeu, está sendo bombardeado de críticas em grupos de WhatsApp, inclusive pelos próprios amigos, por causa de comentários, gravados em dois vídeos, com um...

MAIS LIDAS